205 Photos - Aug 20, 2007
Photo: C.E.C.A.

Vicente F. Pastinha

Quando as pernas
fazem mizerêrPhoto: Quando as pernas fazem miserêr (metafísica e prática da capoeira)Photo: C.E.C.A
Historico e Albo
de
Vicente F. Pastinha

Academia de
Capoeira AngolaPhoto: Meus caros amigos e bons capoeiristas quereis mal a vida e a terra é uma inconsciente inveja, e porque provoca astúcias conquista aos seus camaradas, ou a seu mestres para satisfazer o eu do conquistador, você mesmo se tiver conhecimento, diz com sigo, é verdade porque eu vi; e vi com meus próprio olhos fulano fazer-se prevalecer de um camarada de corpo fraco, mas ele é desperto e consciente, diz: eu sem corpo inteiramente e nada mais.
Amigos o corpo é um grande sistema de razão,por destras de nossos pensamentos acha-se um Senhor poderoso, um sábio desconhecido; corrijo-me as realidades pela inversão natural da ordem lógica transformando o passado em futuro. A capoeira no passado não era como hoje procurando os melhores conhecedores nas linhas em que já venho transando, verifiquei minhas fases, falando em capoeira nunca mais vi jogar com viola, porque? Há tocadores, mais, perdeu o amor a este esporte mudaram a idéia, e eu não perco minhas idéias, vou firme com os que me acompanhamPhoto: a vencer, vencer para não ser vencido a minha idéia, é ser perfeito em todo sentido fase, por fase, palavra por palavras; os meus amigos reparam-me e sabem que sou homem e não quero me deixar vencer pela idade, e mantenho em forma.Photo: Meus caros amigos e os demais; eu vos direi. O capoeirista de hoje é um tipo musculoso, não é um malandro, nem um profissional exclusivo de capoeira, somos bailarinos, um homens que vive a arte da capoeira e como artista sincero, somos do trabalhos de todas profissões; que aninha-se nesta arte de defesa e ataque, queriam aprender, pois a verdade é que um dia o amigo venha ter necessidade. O Pastinha deu ao Centro de capoeira, mestre de campo, mestre de cantos, mestre de bateria, mestre de treinos, arquivista, mestre fiscal, contra-mestre. O amigo é conhecedor desta arte? Ah! Sou um observador. Procure aprender com carinho, e força de vontade, e amanhã é um bom juiz. Vamos adiante: esta minha sueca, o que tenho em meu corpo, é minha arte; ela aninha-se em três capoeiras, passado, presente e futuro.Photo: Histórico da Fundação do Centro Esportivo da Capoeira Angola - Em principio do ano de 1941, o meu ex-aluno Raimundo, mais conhecido pelo automasia de “Aberre” sempre me convidava para eu voltar a praticar a capoeira, para tomar conta de uma como instrutor, ao que eu sempre respondia: Eu já me afastei e não pretendo voltar mais a esse esporte. Aberre então, me convidou para ir apreciá-lo jogar no Jingibirra, com o que eu concordei, em 23 de fevereiro de 1941. Fui a esse local como prometeria a Aberre e com surpresa o Senhor Amorzinho dono daquela capoeira, apertando-me a mão disse-me: Há muito que eu esperava para lhe entregar esta capoeira, para o senhor mestrar. Eu ainda tentei me esquivar desculpando, porem, tomando a palavra o senhor Antonio Maré: disse-me; não há jeito, não Pastinha, é você mesmo quem vai mestrar isto aqui. Como os camaradas deram-me oPhoto: seu apoio aceito. E eu ate convidei, não tem duvida, já pode-se ver os primeiros passos para tua completa ventura. Estou firme na certeza de que eu penso, por que vejo entre se compreendidos para aninhares a vontade e a esperança de crer. Em 23 de fevereiro de 1941. No Jigibirra fim de Liberdade, lá que nasceu este Centro, porque? Foi Vicente Ferreira Pastinha que deu o nome de “Centro Esportivo de Capoeira Angola”.
Fundadores
Amorzinho, este era o dono do grupo, os que lhe acompanhavam, Aberre, Antonio de Maré, Daniel Noronha, Onça Preta, Livino Diogo, Olampio, Zeir, Vitor, H. U., Alemão filho de Maré, Domingo, Beraldo Izaque dos Santos, Pinieu, Jose Chibata, Ricardo B. dos Santos.Photo: Depois , quando ocorreu o falecimento do Senhor Amorzinho daí em diante ficou o Centro sem finalidade, porque foi abandonado por todos os mestres, hoje são desertores. Gravo em minha memória os destinos que foi servir a Deus; em setembro de 1942 faleceu Aberre, fisco de taiso, jacaré; em fevereiro de 1944 fiz nova tentativa para organizar o Centro, fui procurado por muitas pessoas o que consegui em 23 de março com alunos, e amigos, camaradas no Centro operário da Bahia, também foi abandonado por falta de entendimento. Depois de dois anos e meses. 1949, fui procurado pelo Senhor Ricardo ex-instrutor da luta da guarda civil, para que eu fosse reorganizar o Centro de capoeira que estava sem finalidade. eu sempre pronto quando me procuravam, estava em minha casa, um domingo, quando dois camaradas me convidou para ir ver um terreno na fabrica de sabonete Sicool no Bigode, e lá levantei a capoeira, e no Centro entrouPhoto: no rumo, que Pastinha pensava levar a capoeira no seu preciso valor; com o auxilio dos moradores, e todos estiveram ao meu lado animando-me para este desideralum. As primeiras camisas foram feitas no Bigode, em cores preta e amarela. Tendo como primeiro presidente o Senhor Athaydio Caldeira, e o segundo, o senhor Arrelydio Caldeira.Photo: Eu sempre tive em mente que a capoeira precisava de um generoso instrutor, com a presença minha, apontei o destino de levar ao futuro, assumir diversa atitude: Pelo amor ao esporte; e a luta constitui caminho para a divina realização e recebeu o nome de “Centro Esportivo de Capoeira Angola” como patrimônio sagrado; a movimentação do qual preparam o caminho da perfeição. Convém não esquecer, que o orientador foi o velho, Pastinha, que sobe; saber desejar com vontade, presidente merecimento justo. Isto não aconteceu com os que de principio estiveram comigo, eles o abandonaram, não acreditaram neles mesmo, e assim, o orientador enfrentou com um pequeno numero de capoeiristas, que alimenta minha vontade, e todos meus alunos. Nunca tomei conhecimento dos que não estão comigo, sim, porque a capoeira não me é privilegio, o Centro é para todos que visitar, jogar fazer parte; eu não desanimava, jogava com todosPhoto: mestres que visitassem o Centro. Nunca perdi meu animo, sempre alegre com todos que perguntasse pelo Centro, não respondia fraqueza. Então procurei reunir vários camaradas que andavam dispersos aqui e aculá, mais com muita dificuldade. Dos meus melhores na menina dos meus olhos, sem amor ao esporte, sempre fugindo, sempre sou procurado, como procuro e convido para o completo futuro dos nossos sucessores. Aqui juntos e unidos tenho até hoje, a idéia física. Ofereço-vos a todos os meus amigos , tem compreendidos com força e coragem, e vontade;estas são minhas palavras e o meu sistema .Uma resolução corajosa: é preciso que tenhamos todos por um e um por todos, é a pratica desta ciência, meus camaradas, vos mesmo não sabes o que tens em se, se é seu, a natureza ti deu, procure aperfeiçoá-lo, confiem em si, ame o seu esporte, e não seja egoísta aoPhoto: egoista, e verifique a verdade, é uma luta infinita, em resumo, a difinição geral e abstracto que caracterisa cada existencia, e cada ser. A luta provida pelo puro egoismo, é como a luz da razão; é violenta, feroz e brutal. Ao contrario, a simpatia é que a ilumina. Graças a Deus, e aos amigos de bôa vontade. Apezar de tudo, ignorando a luta sustentada no ambiente agitado e incerto, a opinião geral dos camradas proclamava as finanças durante ao anos de 1941 a 1952, não acreditava muitos dos meus camaradas que pudesse registrar a capoeira na Bahia. Ora, a pior impressães, que lhe faltava, era a bôa fé para acreditarem nele mesmo. Hoje tudo bem diferente do que imaginava, dei minha palavras, e os meus sacrificios: por organisar este Centro de capoeira angola ai ja dou como resposta ao a dispeitados. São centenas de capoeiristas, e observadores, sabia que a capoeira ja estava no nível baixo amofinando-se, perdendo o seu valor, e hoje,Photo: o Centro está a par de um desenvolvimento gradual e progressivo da atividade fisica, camaradas não respire uma luta contra os nossos companheiros que venha nos erros, ou com perigos por ambição. Agora o capoeirista procura o objetivo deferentes, tambem é interessante se todos jamais para receberem as aclamação do triunfo. Sem ambição, sem dispeitos, sem decepições, sem toumar jogo ante de sua veis, se todos companheiros comprenheder a encontra este erros em se, só assim, somos felizes. Note bem, destruir ? É ser corvade, é mostrar sua fraqueza. Se fugir é ser fujão do que é seu. Os mestres não pode ensinar com discortez nem de modo agresivo, não devemos procurar ficar isolados porque nada podemos fazer; sem amor ao esporte. O bom capoeirista nunca se exalta procura sempre estar calmo para poder reflitir com percisão e acerto; não discute com seus camaradas ou alunos, não toma jogo sem ser suaPhoto: vez; para não aborrecer os companheiros e dai surgir uma rixa; ensinar aos seus alunos sem procurar fazer exibição de modo agresivo, e nem apresentar-se de modo discortez sem amor a nossa causa que é a causa da moralisação e aperfeiçoamento desta luta tão bela quanto util a nossa educação fisica, na capoeira, não devemos procurar ficar isolado, porque nada podemos fazer; é muito certo o trocado popular que diz: a união faz a força; portanto só devemos ter em mente a prosperidade do nosso Centro, e isto só podemos adequirir com perseverança desprendimento e força de vontade para realisamos o nosso ideal de uma capoeira perfeita ?????? de erros, de uma raça forte, e sabia que num futuro proximo daremos ao nosso amado Brasil. Foi sempre uma tradição na vida brasileira, vividamente conhecida na Bahia. E, vocês do futuro, firme por amor ao esporte mas tambem por seu cavalheirismo esportivo: É uma recomendação para o respeito as regras e aos regimentos escrito: um apeloPhoto: para que procedamos correto e decentemente os aspectos de nossa vida na sociedade; um apelo que sendo atendido estamos sujeito a obter justa vantagem em qualquer circunstancia; quero demonstra-lhe mais agudo, e tem compreensivo interesse nos premenores tecnico de jogo de angola caparadas, persisamos ainda de brilhantes capoeirista que unam fazendo-se colegas, reunam os seus votos mans cincerios que formulam o seu crecente progresso, é um apelo pessoal e colaboração. Gual a razão que o capoeiristas não unem-se para compreender, e fortalicer o seu esporte ? A verdade é que todos aqueles que queixa se dedicar a esse esporte, quer como capoeirista quer como juiz ? Deve procurar aprender municiosamente as regras da capoeira de angola; para qeu possa falar o dicidir com autoridade. Infelismente grande parte dos nossos capoeiriste tem conhecimento muito incompleto das regras da capoeira, pois é o controle doPhoto: jogo que proteje aqueles que praticam para que não discambe exesso do vale tudo, note bem, estou falando em cintido de demonstração e não em dezafio, porque sempre traz consequensias as vezes desastrosas; tira toda a beleza, e o brilho da capoeira, e o capoeirista perde a sua capacidade, por falta de esplicação. É o único esporte que tem até hoje sua modalidade para atender a sua possibilidade, porque ? Criam: meus caros amigos, não podia deixar de dizer a verdade, entre estas linhas, é minha fé de oficio, capoerista sou; tive bom mestre, tenho provado, só dou valor a este, porque tem tudo que é de bom, não inveja as outra, porque, dá, empresta, vende e tem com sigo, e é brasileira. E quando eu naci, foi a primeira que aprendi aos des anos, os capoeiristas do tempo passado tem  manhas, jogo no corpo, os mestres do passado estão ai, lhe acompanhado com observação, e não ver regras, porque ?! é que os mestres só ensina jogar, e não dá esplica-Photo: ção: é a capoeira vem amofinando-se quando no passado ela era violenta, muitos mestres africanos, e outros nos chamavam atensão, quando não estava no ritimo, esplicava com decencia e dava-nos educação dentro do esporte da capoeira, esta é arazão que todos que vieram do passado tem jogo de corpo e ritimo. Os mestres rezeva sergredos, mais não nega a esplicação. Vocês deve cantar com inredo inprovisado, e é isto justamente que eu venho imprimindo no centro desde 1941. E minhas palavras sej fatos de conforto e esperança que sai do meu coração com gestos confirmativos de circunscrever observações exclusivamente a capoeira de origem angola. Não nego a capacidade, muitos excelentes capoeiristas encluindo os despeitados, eu digo, assumir o cargo que me foi comfiado por muitos mestres e moradores do Jingibirra; fim de Liberdade.Photo: Eu ti digo, comecei a educar-me nesse jogo, por força de vontade, e não foi com trez meses, ou com menos, porque o tempo é muito pouco poristo é que eu pinoteio, salto, tenho agilidade, tenho manhas, jogo no coropo, dibre para me livra do agresso, sirvo-me dos pés, da cabeça, tenho as armas prediletas, um pequeno cacête com peia de ticum ou linho, tenho varias maneiras para defezas, de um faca ou uma navalha e outras coisas, não usamo muita arma de fogo porque temos muitos truque, tenho muitos alunos dando provas do que aprendeu comigo, só dou valor a este esporte se é bom observador; para que possa ser um bom juiz. Um amigo faz-me esta pergunta; Pastinha, porque este camarada não joga com presteiza ? É porque não lhe ensinaram na regras; Todos mestres deve ter conhecimento das regras, e maior numero não tem conhecimento. Eu conheço mestres que sabe tanto quanto eu; mais nãoPhoto: ensina, todo mundo sabe que o gato ensinou a onça, e o que ia acontecendo ? São os capoeirista, é arazão; de ser, se não assim, não livrava do cabo do mato. Em cada districtos tinha um mestre para ensinar e nos dias de festa, era de regras, prestar contas, mostra os alunos, mostra coisa nova, truques, inrêdos, enprovisado, e o mestre geral, clasificavam com uma argola, era o premio, era de grande valor, prova do mericimento, angola ou gêje, dentro jogo tudo era segredo. A verdade bem espalha-se em nossos caminhos em favor da experiencias uteis, cooperando eficientemente preparando-se para o futuro. Com franqueza, ja é tempo de zelar pelo esporte. O propositos, meu não era fazerm-me melhor do que os camaradas, sim, valorizar o esporte. Tenho força de vontade, de ver trez tempo, capoeirista do passado, prezente e futuro, no passado, era dos barbaros que mutilavam.Photo: Amigos porque vocês não cantam ? A capoeira só é bonita jogando, cantando e só perdeu a beleza porque não canta, e o velho deu ao centro, mestre de campo, mestre de canto, mestre de bateria, mestres arquivistas, fiscal, contra-mestre, não á razão para sintirem mal, não á ambição, é só saber respeitar as regras, que é para dá ao centro mais progresso, levantamos esta luta que é genuinamente nossa, e que é tão bela como muitas outras, se não for mesmo mais bela, é que tem a vantagem nos ter sido legado pelos nossos antepassados, e que devemos zelar como um patrimônio esportivo. amigo és observador desta luta ? Veja se ver outra diante de ti, melhor do que a capoeira. Não queiram aprender a capoera para valentia, mais sim, para a defeza de sua integridade fisica, pois um dia, pode ter necessidade de usa-la para sua defeza. Cuja defeza é contra qualquer agressor, que venha-lhe ao encontro com navalha, faca, foice e outras armas. Guando iniciei-mePhoto: no esporte via como defendia-se os meus mestres com muitas manhas, malicia que não pode dizer que esta luta não depende de tempo para aprender. É dever de todos capoeiristas saber cantar e responder, não é defeito não saber cantar; mais é defeito não saber responder, pelo menos o côro. É proibido na bateria pessôas que não respondem o côro. em todas rodas, ou grupo de capoeira coloca-se uma moeda no centro da arena, os dois camaradas vão disputar para apanha-la com os labios em primeiro lugar. Com fé e coragem para ensinar a mosidade do futuro estou apena zelando esta maravilhosa luta que é deixa de erança adequirida da dança primitiva dos caboclos do abtuque e candobrê orginada pelos africanos de Angola ou gêjes; muitos adimira essa belisima luta, quando os dois camaradas joga sem egoismo, sem vaidade, é maravilhosima, e educada.Photo: Á mestres que diz uma serei de coisa, que foge da finalidade da capoeira; mais não tira o valor dela, ela é agis e artimanhas, é inportantíssima para quem sabe observar com carinhos as coisas belas, muito bem, porque, todos os capoeirista são maus para seus camaradas ? Mais não são todos, sim, no meu centro tenho, e como conheço muitos que são educado; e não procura imitar ao companheiro: sim, é porque o mestre não interessa a inritação, e o procura o jeito que favoresse aprendizagem, quer aprender rapido, e não tem enfluensia. Não é permitido, por mestre nenhum, se ele mestre for conhecedor das regras da capoeira, não concentir jogar em roda, ou grupo sem fiscal, se não tem fiscal como pode ter controle, quem ajuda o o campo ? Não pode entra em contato sem chegar sua vez. Todos os capoeiristas tem por dever obdeser as regras do seu esporte, cooperando para valorizar, porque, somos responsavel pelos erros, no causo de disputa, ou dezafio, procurar as autoridade éPhoto: um juiz. Não deve ser aplicado e nem forçar o seu companheiro para obter recursos é erros gravissimo, esta sujeito o fiscal suspender do jogo. É proibido no jogo e prinsiparmente em baixo fonsional golpes, ou truque, não por amão. é fau. Os golpes que não pode ser fonsionado em demonstração; golpes de pescoço, dedo nos olhos, cabeçada solta, cabeçada presa, meia lua baixa, balão acoitado, rabo de arraia, tesoura fechada, chibata de clacanhar, chibata de peito de pé, meia lua virada, duas meia lua num lugar só, pulo mortal, virada no corpo com presa de calcanhar, presa de cintura, balão na boca da calça, golpes no joelho, e nem truques.Photo: Todos os mestres tem por dever fazer ciente que é falta usar as mãos no seu adeversario; se não fizer assim, não prova ser mestre, os que tem educação prova a sua decensia jogando com seu camarada e não procurar conquista para enporcalhar seu companheiro, já é tempo de compreender, ajudar do seu esporte, é ajudar a moralisar; levantar a capoeira, que ja estava decrecendo. Pastinha tem trabalhado para o triufo do centro, eu satifeito e dou graça a Deus; unam-se e fassa progridir mais. Nunca houve na vida, e na historia da capoeira um conjunto que desse melhor inpreções do que nos por toda Bahia; É para amanhã em todo Brasil.Photo: A capoeira é a luta das lutas. A capoeira é a segunda luta ? Porque a primeira é a dos caboclos, e os africanos juntou-se com a dança, partes do batuque e parte do candobrê, procuraram sua modaliadde. Em cada fregrisia um africano com uma responsabilidade de ensinar, para fazer dela sua arma contra o seu persiguidor, se comunicavam no cantos inprovisados dançava e cantava, inredos inventava, truques, piculas, para dar volta no corpo, esconder o chicote, inventando miseria, o corpo todo faz mizerêr, cabeça, mão, pernas, e só consegue com manhas. E o meu mestre bom, eu aprendi na rua da Laranjeira, e lecionei na rua Sta. Izabel em 1910 a 1912, quando eu abandoei a capoeira, e voltei, em 1941, para organizar o centro de capoeira, o 1o. na Bahia. Na escola de Aprendiz Marinheiro da Bahia eu era o 110, e lecionei os meus camaradas de 1902 a 1909, bom tempo. hoje á uma academia, é a primeira de angola. E,Photo: tenho varios alunos, em particular, e tenho trenéos; raro era os negros que não tem suas preferências por Santa Ifigenia, São Benedito e São Elesbão, São Corme e outros de sua ceita. Guando me perguntam de onde veiu a capoeira, eu respondo, não sei, porque os mestres da minha época, não afirma, ela tem muito inredo. Tem capoeiristas por todas praias, e friguizias,Photo: A capoeira para quem não ver com observação, não conhece bem, não lhe dá o minumo valor. Ela dá possibilidade não só para capoeira, como também outras, coisas, que do corpo dependa, e não pode negar o seu real valor. Já é, e é conhecido, e confirmado tradicional, não lhe da valor. é porque, não viu o corpo fazer mezerêr, pois note bem amigo a capoeira esta dividida em trez partes, a primeira é a comum, é esta que vê ao o publico, a segunda e a terceira parte, é rezevada no eu de quem aprendeu, e é rezevada com segredo, e depende de tempo para aprender. a prova está no conhecimento da capoeira do passado e do prezente, a do passado era violenta, para malandragem,  e a de hoje, é como todos verem. rezevamos a mizéria, pela democracia. nos queremo divirtimento. E tudo mais depende da raça, de que quem aprende a capoeira; e a minha raça já enveleceu, tambem sou tradicional, vivo na historia da capoeira; e amo ela,Photo: porque vim do passado, e hoje <?> ao famosos, e preparando os famosos do futuro, com vocês e amanhã falaram dos nomes Bezouro, Samuel de Deus, Caciano Balão, Chico Midá, Samuel da Calcada, Chico da Barra, Piroca, Chico Casumbar e muitos ontros atePhoto: Falando em manha de capoeira ! Penço que todos capoeiristas são, maoso, porque a propria lhe dá aspiração, ensina idealisar, porque todos nasce com a capoeira, não só os homens como as mulher; não é novidade na Bahia. Está gravado na historia da capoeira as mulheres que jogavam a mandinga, e batucavam, tem como cito, Maria Homem, Julia vulgo Fugareira e muitas outras que deixo os meus camaradas contarem; e assim ia a capoeira perdendo sua finalidade, não pode, nunca, perder porque a capoeira está em todas lutas, eu n"ao discuto, o que está no conhecimento dos observadores, mostro em dezenho, ou fotogrifias, melhor nos firmes. ainda lhe dou a teoria com pratica, porque os nêgos com sua manha maliciosa para vencer o seu maior persiguidor, não tardaro vencer os cabos do mato, armado até os dentes, até cordas, quando os nêgos juntou-se sua trez poderosas armas, não perdeu para os cabo do mato, qual foros as trez armas dos nêgos ?Photo: Depois que os nêgos se achou ser forte com sua armas manhosa, tornoce-se dificil para o cabos do mato por as mãos nos nêgos, porque ? Escoregavam mesmo que quiabo, eles aplicavam truque no proprio corpo. A capoeira éra e é desconfiada até as sombras, hoje meno, porem, os nêgos não tinham medo da policia imperial, pode verificar que o persiguidor era os cabo do mato. Pois elis odiava o Senhorinho mau, e aninha-se no mato, e eles só empregavam as mãos na defesa e no ataque, se dizem que a capoeira não tem golpes, porque, sofreu suas repressões nos tempos de engenho, e da policia Republicacna ai esta a solução. Ela tem, ou não tem, nome na história, é bem observada por centenas de milhares de brasileiros, e estrangeiros. O capoeirista que conserva a sua fé no que tem, porque aperfeisoou, não prevalesse para aceitar insultos que não interessa; Se ele aceitar, entra na historia, não enterrompa que vai fazer mizerer a comida é enbaixou, ou encima, pode apresiatoPhoto: as pernas fazem mizerias. E a capoeira está procurando entra, e viver na sociedade, o capoeirista de hoje para o futuro é respeitadôr, e decente, as duvidas se esvahem, da manete dos capoeiras, aprendendo a ninhá-se nas vontade e na esperança de crer !
Em Maio de 1955.
Ao sahir de Brotas, instalamos provisoriamente no Pelourinho no. 19, quando convidei o socio e amigo Daniel Angelo dos Reis para junto trabalharmos para o ingradicimnto do Centro E. C. Angola pelo que foi aceito pelo mesmo, então comesamos a trabalhar, pelo que foi bem socidido pelo me convite, pois encontrei um amigo muito dedicado esforçado. Trabalhador até mesmo no caso monetario quando era persiso. então aclamei junto com os companheiros Diretor geral foi tambem aceito pelo o mesmo pelo criterio e confianã demonstrado ficou encoarregado de resolver todos os casos do Centro, e tambem dos contratosPhoto: para as Exibições pelo que ja realisamos 8 sendo a primeira para o Bispo da França, no Bevedere, a segunda para uns turista no largo da sé no palanque, a terceira para congresso dos Medico Paulista em a Salvador sendo presidente do congresso o Dr. Menando Farias. a quarta Comapnha N. A. Bahia e Turismo, no X. P. T. B. Armação pela manhã; a quinta na Base Naval do Salvador a seista na lagóa do Abaité, sendo que motivo de chegar-mos atrazado por causa do transporte enviado por eles foi realisado no Hotel da Bahia no Salvador sabado do Carnaval, a setima na sede do Vitoria a oitava na rampa do Mercado Modelo para firmagem; esta no dia 9 de dezembro de 1956, e mais Exibições em passeio por conta dos socios S. Thomé de paripe, itapoan Itaparica madre Deus, Candeia, etc. N. B. O Centro me foi entregue, ao Vice Presidente Vicente Ferreira Pastinha somente papes que foram o seguintes uma propostas cheia, e outras em branco, e outras sendo um diario oficial do registro, uns papes para oficio ePhoto: Depois, quando o correu o falicimento do Snr. Amôsinho: daí em diante ficou o Centro sem finalidade, porque foi abandonado por todos os mestres, hoje são desertores. Gravo em minha memoria os distintos que foi servir a Deus; Em Setembro de 1942, faliceu Aberrêr, no Fuisco de Baixo, jacaré; Em Fevereiro de 1944 fiz nova tentativa para organisar o Centro, fui procurado por muitas pessôas o que consegui em 23 de Março com alunos e amigos, camaradas no Centro Operário da Bahia, tambem foi abandonado por falta de entendimento. Depois de dois anos e meses. 1949 Fui procura pelo Snr. Ricardo ex-instrutor de luta da Guarda Civil, para que eu fosse reorganisar o Centro de capoeira que estava sem finalidade. Eu sempre pronto quando me procuravam, estava em minha casa, um domingo, quando dois camaradas me convidou para ir ver um terreno na Fabrica de Sabonete Sicool no Bigode, e la levantei a capoeira, e o Centro entrouPhoto: uns talões para cobra Mensalidade não, tendo talões de joias, entregue tambem um livro pequeno para presença. O livro de Ata foi visto, mais não entregue até então não existia livro de Registro de socio, nem livro caixa como também, nem mesa, nem armario, para melhor dizer, nem um banco, para os socio sentar emagene as visitantes. pois senhores tudo esta ja muitas coisas existe com o esforço nossos Vicente e Daniel e os nossos socio que concorre para esta arte como tambem algum vleho que são pouquisimo que ficara com nosco. e sendo auxiliado pelo amigos do esporte Dr. Wilson Lins, Dr. Tancredo Teixeira, Snr Alfredo Alaim Melo. Mario Cravo , e Caribé, Geraldo Reis Lessa, e outros.
foi entregue a presidencia ao Snr. Wilson Lins.Photo: Historico de Biografia do Centro E. C. Angola

Subindo a ladeira da praça encontrei-me com o Snr. Ricardo e Snr. Paulo Santos silva, foi nesta ocasião que tive a oportunidade de conhecer Snr. Paulo S. Silva, em sua casa convocamos uma reunão e elegemos o Snr.Paulo como Presidente em Setembro de 1952. Se o Centro Esportivo de Capoeira Angola foi fundado em 23 de Fevereiro de 1941; e não em 1o de Outubro de 1952, como diz o Estatutos, Snr. paulo S. Silva diz ainda no mesmo Estatuto que ele é Idealizador e Fundadôr, diclpe minha expressões Snr. Paulo, os legitimos fundadores s"ao: Amosinho, Aberrêr, Antonio Maré, Zeir, Daniel Noronha, Livino Diogo, Vitor H. U., Olampio, Onça Preta, Alemão, Pompilio dos Santos, Domingo do Magalhães, Athalydio Caldeira Presidente, Aurelydio Caldeira V. Presidente, e Vicente Ferreira Pastinha idealisadôr que deu o nome de Centro Esportivo de Capoeira Angola escolhi as côres, para camisas e feitas por mim. Disculpe-me Snr. Paulo.Photo: esqueceu da proposta, vos fizete em reunião para mudar as côres das camisas de preto e amarelo, para branco, com o escudo vermelho ? E não foi aceito por nenhum, se quer. se eu lhe entreguei tudo ja pronta para registra-la, como Snr. Paulo Stos. Silva pode confirmar o que esta no registro e no estatuto, errou Snr. Paulo; a verdade não morreu.Photo: Centro Esportivo de Capoeira Angola tem o prazer de convidar a sociedade Bahia, Autoridades, Imprensa e povo em geral para assistirem a 1a Demonstração Publica Oficial da Capoeira Genuinamente Angola, a ser realizada no dia 24 do corrente, as 20 30 hs na sede do esporte Clube Brasileiro no Edificio Oceania - Barra. Ingressos Cr$20,00.
Vicente Ferreira Pastinha, P. S. Silva.
Eu não tenho conhecimento da renda.

Em 5 de julho de 1957 fomo contratado a dar uma demonstração no Bahiete foram firmado a nossa e a regional, primeira vez o encontro dos dois Vicente Pastinha e BimbaPhoto: Qual foros as trez armas dos nêgros ? O batuque, o candobre e a luta dos caboclos, a baixo esta a esplicações. 
Para que serve o berimbau ?
Não é só para indicar o jogo. E, porque o birinbau na hora H. é pirigouzo ? É perigouso, nas, mãos de quem sabe maneijar o birimbau, ou coisa semelante. Porque trena-se apanhar a moeda com a boca ? Não é com interesse na moeda que tem valor dinheiro, é para a sua hora de aperta, aplica-se o truque, e o agressor, vai, ou não, na onda. Porque cantam com inredo ? inprovizado ? É para quando chegar na roda pessôas que é estranha, ou mestre, o inproviso adeverte a roda se deve ou não continuá, ou anima-se. Porque dividiram a capoeira ? a 1a é a de largo, diz demonstrações, a 2a é a do agressor, é segredada, a 3a é a dos golpes, cacetinho, e outras. Porque dizem que a capoeira não tem glopés ? Se a capoeira não tem golpés ? Os caboclos, não lutavam, os nagôs não idea-Photo: lisavam no batuque, na dança do candobre, o batuque é luta, o candobre é para da volta no corpo, que eles diziam, ginga meu fio, pra dibra das garras do agressor e o restos não é mais com migo.Photo: Em 1952 eu fui convidado air a S. Paulo, por dois superiores da S. O. R. na Praça 15 de Novembro de 1952Photo: Prezado Senhor
Tendo lido hoje uma grande noticia no jornal "Estado de São Paulo sôbe a capoeira, consegui algo que a muito procurava e encontrei o endereço de um grande capoeira baiano, sem dúvida alguma, os mestres dessa arte. Resolvi então, vos escrever pedindo uma informação e t tomar a liberdade de vos dar uma sugestão. Sou paulista, moro em São Paulo, sempre tivi grande adimiração pela capoeira e grande vontade de aprender essa arte de defesa e ataque, por mais que procurasse de um bom ou mau capoeira, que tivesse uma escola onde eu a pudesse aprender. Venho então muito respeitosamente a vos, pedir que tenha a gentileza de me mandar um endereço onde eu possa aprender aqui em São Paulo. Caso não haja em todo S. Paulo uma única academia, vos daria a sugestão de abrir aqui uma, podendo eu lo de inicio vos arrumar inú-Photo: meros alunos sem qualquer vantagem econômica de minha parte e claro ! É grande a procura de escolas desse gênero por parte de rapazes que a querem fazer o grande esporte nacional, e nunca deixa-la cair no esquecimento. As probabilidades de sucesso dessa sua academia, como podeis ser, seriam, digo, são inormes devido a grande procura e ausencia de establicimentos desse gênero em todo o sul do país, particularmente em são Paulo. 
Abaixo vai o endereço para onde deverá ser remetida a resposta desta.
Atenciosamente
Ruy Vieira d'Almeida
R. Groenlândia no 1717
Jardim Europa
São Paulo
115661 12-11-56
Como diz o envelope Academia de Capoeira de Vicente Pastinha. Ladeira do Pelourinho 19.Photo: Todas F.g.as 1 é ataque, e as F.gas. 2 é defezas. as defezas tem trez ataque, os ataque tem trez defeza.

Zum, zum, zum
Capoeira mata um
Zum, zum, zum
No terreiro fica um.Photo: qual o primeiro ataque em baixo ?
Canto para saudações

Deus o salve luz do dia
Deus o salve quem o cria
Deus o salve todos que me ouve
Com toda minha a legria
A capoeira a traindo o mundo
Não me diga se é mentira
Estamos todos alegre
No some de nossa bateriaPhoto: A primeira guarda para

Eu não leio meu A.B.C.
Porque não sei cantar
Foi no gingibirra
Que me dero este lugar
Foram lá muitos mestres
Para comigo jogarPhoto: Photo: Menino venha ver
O que estou dizendo
Que a banha lá
Esta se derretendo.Photo: Quebra milho como gente
Macaco.
Macaco que quebra dendê
Macaco.Photo: Eu nasci no sabado
No domingo eu me criei
Na segunda-feira
Capoeira eu jogueiPhoto: Sinhazinha que vende ai ?
Vendo arroz do Maranhão
Meu sinhor mandou vendê
Na terra de SalomãoPhoto: Menino você leia
Minha ladainha
O Centro perciza
É de uma madrinha
A manhã um reinado
Com sua rainhaPhoto: Brasil nosso Brasil
Pavilhão do nosso amor
Eu ja fui juvenil
E masci no Salvador
A capoeira por todo Brasil
No momento de festa, ou de dorPhoto: Brasil nosso Brasil
Ó Patria do amor
Do teus filhos és mãe gentil
Nasci em Salvador
A capoeira por todo Brasil
No momento de festa, ou de dor
Capoeira aos mil
Encontra-se em Salvador.Photo: Camarada vamos para o mangue
No mangue tem caranguejo
Camarada vamos para cama
Que na cama tem pesevejoPhoto: Muito povo as centenas
Vê a capoeira em confusão
Quem ja viu apenas
De enverno a verão
Tem no centro dois bichos
Um é cobra mança, e o outro é gaviãoPhoto: Ja me perguntaram
Qual dos dois é o melhor
Se é o mestre Olampio
Ou o mestre corior
No meu Centro
Cada qual é melhor
Quem tever mena prezencia
Este, leva a piorPhoto: Capital de Assunsão
Fortaleza e Itamarati
É engano de toda Nação
Na sepultura do Brasil.Photo: Menino você leia
minha ladainha
O Centro perciza
É de uma madrinha
Amanhã um reinado
Com sua rainha.Photo: Santo Amaro
São Felix
Cachoeira
A capoeira na Bahia não perdeu
Chamamos todos capoeiristas
para moralizar a capoeiraPhoto: inicio, ou
maldadePhoto: Photo: Eu não sou folha de flande
Nem prato esmaltado
Não vou jogar com você
Porque é mal educado.Photo: 2 maldoso
as possiçães
é bem visível

a maldade no 
jogo em baixo

Anum não canta em gaiola
Nem bem dentro nem bem fora
So cana no formigueiro
Quando vê formiga fora.Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: Photo: