Post has attachment
UMA RARIDADE DA NOSSA MUSICA POPULAR DO BRASIL...

Pão com Manteiga – Pão com manteiga (1976) – Disco Completo

Mais uma, das muitas, “Pérolas raras” do Rock Nacional dos anos 70.
A Banda Brasileira “Pão Com Manteiga” foi formada paulista formada em São Paulo em 1976 pelo vocalista e guitarrista Johnny, o Batera Edison, i Violonista e vocalista , o baixista Pierre no Baixo e Vocal e o tecladista Gilberto.
Apesar de pouquíssimo conhecida esta banda, que em vários momentos lembra o “Secos & Molhados” faz um rock bem psicodélico, tanto nas letras quanto nas melodias com um temperinho progressivo e tropicalista.
Vale a pena conferir!
(Rick Jones Anderson)

https://www.youtube.com/watch?v=o__0Y1d2-Ko

Tracklist (Faixas) :

1 Mister Drá 00:00
2 Merlin 2:33
3 Flor Felicidade 5:35
4 Micróbio do Universo 8:23
5 Montanha Púrpura 13:17
6 Multi-Átomos 16:35
7 Serzinho sem medo 18:48
8 Cavaleiro Lancelot 22:16
9 História do Futuro 26:49
10 A Feiticeira 29:02
11 Fugindo do Planeta 30:59
12 Virgem de Andrômeda 34:09 

Post has attachment
J.S. Bach Harpsichord Concerto in D major BWV 1054, Christophe Rousset

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment
"Eu hoje estou pulando como sapo
Pra ver se escapo desta praga de urubu
Já estou coberto de farrapo
Eu vou acabar ficando nu

Meu terno já virou estopa
E eu nem sei mais com que roupa
Com que roupa que eu vou
Pro samba que você me convidou?"...

Sua bênção, Noel! 

Post has attachment
Impacto Cinco – Lágrimas Azuis (1975)

Criado em por Etelvino Caldas, um ex-seminarista que decidiu abandonar a Igreja depois de ouvir um disco dos Beatles, o grupo potiguar Impacto Cinco de Natal - RN, conhecido como uma banda de baile, foi parar nos estúdios da gravadora CBS em 1975 para gravar o LP “Lágrimas Azuis”. Naquela época o quinteto não fazia idéia que estava provocando fortes marcas na história da música brasileira, pois o álbum está entre os álbuns mais cobiçados do rock brasileiro, mencionado em sites especializados e em leilões internacionais.

Esse foi o segundo disco da carreira do grupo que ocupou durante uma semana o estúdio da gravadora. O material já havia sido exaustivamente ensaiado e a direção musical coube a Gileno de Azevedo, O Leno (o parceiro de Lílian). Das 11 faixas, apenas cinco são de autoria dos rapazes do grupo (“Fuga”, “Viver Triste”, “Lágrimas Azuis”, “Um bom lugar” e “Muito tempo de som”). Leno assinou três canções: “Tudo vai mudar” (amanhã), “Carmem, Carmem” e “Sentado no Arco-Íris” que ele compôs em parceria com Raul Seixas.

A música de abertura foi entregue ao piauiense Carlos Roberto Piazzoli, o Piska do “Casa das Máquinas”, que compôs a ótima “Mãos de seda, coração de ferro”. Eles ainda gravaram o cover de “Sábado” composta por Frederico Mendonça de Oliveira (Frederyko) e que já havia sido lançada pelo “Som Imaginário” e ainda viria ser um grande sucesso do “Roupa Nova” no início dos anos 80.
Lembranças (Raulzinho e C.H.Gonçalves) completa o repertório do LP.

A formação da banda na época da gravação era composta por Clauton (bateria, percussão e vocais), Poty Lucena (baixo e vocais), Etelvino Caldas (piano elétrico, órgão, sintetizador e vocais), Joca Costa (guitarras) e Lulinha (vocal). Etelvino Caldas (teclados), Jenilson (vocal), Prentice (guitarra), Joca (guitarra), Idalmar (baixo), Clauton e Ivan (baterias).

Tracklist:

01. Mãos de seda, coração de ferro 00:00
02. Tudo vai mudar (amanhã) 02:35
03. Fuga 06:02
04. Carmen, Carmen 08:54
05. Viver triste 12:01
06. Lembranças 14:47
07. Lágrimas azuis 17:20
08. Sábado 21:43
09. Um bom lugar 24:58
10. Sentado no arco íris 27:59
11. Muito tempo de som 30:33

(Edição : Rick Jones Anderson)

https://www.youtube.com/watch?v=YuFtW7gLsvs

Post has attachment
😍
Wait while more posts are being loaded