xta-feira, 10 de maio de 2013
NÃO FIQUE EM QUIBROTE HATAAVÁ

NÃO FIQUE EM QUIBROTE HATAAVÁ
Nm 11:31-35
INTRODUÇÃO:
Quando o povo de Israel saiu do Egito, a bíblia diz que eles não saíram a sós, mas, uma “mistura de gente” o acompanhou.
Esta mistura é chamada na bíblia de “vulgo” ou “populacho”.
Este populacho que estava no meio deles eram os mestiços de israelitas com egípcios.
Eles não podiam se juntar a uma das tribos porque não sabiam a qual pertenciam Tendo sangue egípcio, eles sentiam saudades daquela terra.
O povo de Israel caminhou 40 anos no deserto e durante estes 40 anos Deus fez grandes milagres no meio deles.
Mas, apesar dos milagres e das maravilhas operadas por Deus no Egito, e no deserto, o povo murmurou várias vezes.
Em Nm 11 a bíblia diz que a mistura de gente que estava com eles começou a murmurar por causa de carne:
O vulgo, que estava no meio deles, veio a ter grande desejo; pelo que os filhos de Israel tornaram a chorar e disseram: Quem nos dará carne a comer? Nm11:4.
A conseqüência da murmuração foi terrível. A bíblia diz que Deus feriu o povo com uma praga muito grande, Nm 11.33.
Muitos morreram e foram sepultados em Quibrote-Hataavá, repita comigo:- Quibrote-Hataavá.
Essa é uma palavra muito interessante:
Quibrote: é plural de “qeber”, que significa tumba, sepulcro ou sepultura. Quibrote significa justamente isso, tumba.
Hataavá: “hat” é um artigo em hebraico e “ta’avah” significa cobiçosos.
Então, Quibrote-Hataavá significa tumba dos cobiçosos; sepultura dos cobiçosos.
O lugar onde o povo que murmurou foi enterrado recebeu este nome Quibrote Hataavá, ou seja, “o povo que desejou outro alimento”.
Na tradução da bíblia revista e atualizada diz: “povo que teve o desejo das comidas dos egípcios.”
Eu quero meditar nesta oportunidade sobre algumas verdades reveladas neste nome Quibrote Hataavá: então, vejamos:
1° CUIDADO COM O POPULACHO QUE ANDA NO NOSSO MEIO
Veja bem, no deserto o povo teve fome e Deus enviou o maná, era o alimento que caia do céu, símbolo da provisão de Deus para o seu povo.
Todos os dias de manha havia alimento para o povo de Deus, mas eles sentiram saudade da comida do Egito.
Desejaram se alimentar de outro alimento que não era o alimento que Deus tinha dado para eles.
Agora, estes que tiveram este desejo não eram os verdadeiros israelitas, mas o populacho que estava no meio deles. V.v 4.
Nos dias atuais, na igreja de Jesus Cristo, existe também no nosso meio o populacho.
São falsos crentes que vivem no seio da igreja.
Parecem crentes, andam como crentes, falam como crentes, se vestem como crentes, mas são falsos!
Tem crente que parece que é, mas, infelizmente não é: é só populacho no meio de Israel.
Agora, existe uma maneira de nos detectarmos o populacho no nosso meio, e qual é esta maneira?
Quando você ver no nosso meio pessoas que não tem desejo de adorar, não têm desejo de orar, não gostam de ler a Bíblia, tem desejo de contribuir com os dízimos com as ofertas etc.
Entenda que estes são o populacho no nosso meio, não são verdadeiros israelitas, é uma mistura de gente, vulgo, populacho.
Assim como o populacho dos dias de Moises não vão entrar na terra prometida porque os seus corações esta no Egito. Vão ficar em kibrote Havaatá.
2°àVEJAMOS O QUE SIMBOLIZA O MANÁ?
Quando Deus tirou seu povo da escravidão do Egito rumo à Terra Prometida, Ele os guiou pelo deserto por 40 anos.
No deserto eles não podiam plantar e colher, o que os levou a murmurarem contra o Senhor e contra Moisés.
Na verdade o que Deus queria era que os israelitas dependessem totalmente da provisão divina para seu sustento.
O livro de Êxodo nos conta que Deus lhes enviou pão do céu. E isto aconteceu por um período de quarenta anos Dt 8.2-3.
Todas as manhãs (menos ao sábado) o povo de Israel abria suas tendas e presenciava um milagre: o pão que Deus lhes dava. O maná.
Ao verem o maná, que era algo novo, jamais visto, os israelitas começaram a perguntar uns aos outros:- O que é isto?
Do som desta pergunta feita no hebraico é que surgiu o nome “maná”, que significa “o que é isto?
A bíblia diz em Ex 16:31. Que o maná era como semente de coentro; era branco e tinha o sabor de mel e azeite fresco. Era moído, cozinhado, em panelas e dele fazia bolos.
O maná pode ser visto como a providência e o poder de Deus, e de onde ele vem? O poder e providência de Deus vêm do alto.
Não vem de homens nem de seus próprios esforço, não vem de demônios, ele vem do alto de Deus.
O povo de Israel poderia esperar que providência de Deus brotasse do chão ou até mesmo podiam esperar que os peixes saltassem da água, porém antes o povo teve que olhar para o alto.
E é para lá que devemos estar olhando na hora da provação, na hora da necessidade na hora da fome e do desespero.
Devemos olhar para o alto de onde vem o poder de Deus, devemos olhar para cruz de Cristo de onde vem a nossa salvação. A nossa salvação vem de CIMA.
O que simbolizava o maná? Para entendermos claramente, vamos fazer uma comparação de dois textos bíblicos: um do Velho Testamento, e um do Novo Testamento.
No primeiro o discurso de Moises em deuteronômio: - Sim, ele te humilhou, e te deixou ter fome, e te sustentou com o maná, que nem tu nem teus pais conhecíeis; para te dar a entender que o homem não vive só de pão, mas de tudo o que sai da boca do Senhor disso vive o homem. Dt 8:3.
No segundo quando satanás tentou Jesus no deserto e disse: - se tu és o filho de Deus transforma estas pedras e pães.
Mas Jesus lhe respondeu: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus. Mt 4.3:4.
Observe bem que:.Em Deuteronômio, vemos que as Escrituras dizem que o homem não vive só de pão, mas de tudo o que sai da boca do Senhor.
E segundo o texto, o que é que saía da boca do Senhor? O maná!
Agora, Jesus usa estas mesmas palavras ao ser tentado pelo Diabo no deserto, E O INTERPRETA ao dizer:
- Nem só de pão viverá o homem, mas de toda Palavra que sai da boca de Deus.
Ele substituiu aqui a expressão maná por Palavra de Deus.
O maná, portanto, é um tipo da Palavra de Deus: é o alimento que vem do céu para o sustento do seu povo.
Infelizmente tem muito crente desprezando este alimento, prefere a comida o Egito a o maná que vem do céu.
Eu vou ser mais objetivo tem crente que prefere ver novela, assistir TV, fazer fofoca, participar de algo ilícito do que ouvir a palavra de Deus.
Ao invés do maná do céu, estão atrás de cebola, melão, alho, comida do Egito, ao invés da palavra de Deus prefere o show gospel, o louvorsão, as danças.
Veja bem o que acontece hoje nos dias atuais nas igrejas;o culto começa e ai e cântico e mais cânticos, apresentações, enrolaçao e quando o povo já esta enfadado ai dizem agora é momento principal vamos ouvir a pregação da palavra.
Só o povo já esta enojado e metade da igreja fica do lado de fora na hora da mensagem.
É o populacho no nosso meio que só gosta da comida do Egito, mas não temprazer em se alimentar do maná de Deus que é a sua o palavra.
Agora a bíblia fala também do maná escondido. Veja o que disse o apostolo
Paulo aos Colossenses:
No qual [Cristo] estão ESCONDIDOS todos os tesouros da sabedoria e da ciência. Cl2:3.
Veja bem: assim como o maná encontrava-se escondido dentro da arca, da mesma maneira, em Cristo, estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência!
A arca simboliza Jesus Cristo e o maná a Palavra de Deus.
E o maná encontrava-se ESCONDIDO dentro da arca.
Da mesma forma os tesouros da sabedoria e da ciência – os mistérios do Reino, a Palavra de Deus – estão escondidos em Cristo.
É importante ressaltar a expressão “escondido”, quando Deus ordenou a Moises que fizesse a arca ele ordenou que ele colocasse dentro dela uma porção do maná que caiu no deserto.
Então, o maná não estava apenas guardado na arca, mas escondido! A arca não tinha janela nem vitrine; era um baú coberto pela tampa do propiciatório sobre o qual estavam os querubins.
O que se colocava dentro dela não era visto por ninguém. Jesus mesmo autenticou esta verdade ao dizer à igreja de Pérgamo:
- ao que vencer lhe darei do maná ESCONDIDO… Ap 2:17, sabe o que isto significa?
Se alguém olhasse para a arca não veria o maná escondido, exceto se fizesse um exame mais cuidadoso, abrindo a arca para examinar seu conteúdo.
Da mesma maneira, se você tiver um contato apenas superficial com Cristo jamais descobrirá os tesouros da sabedoria e da ciência!
Jamais poderá conhecer os mistérios do Reino!
Um contato distante e superficial com Jesus jamais lhe revelará os tesouros escondidos! E, infelizmente, esta é a realidade da maioria dos cristãos que, servindo a Jesus por anos e anos, jamais chegam a experimentar do maná escondido.
Pois vive uma vida de fé superficial, não oram, não lêem a bíblia, não se consagram, e pior ainda sentem saudades do Egito.
Estes irão ficar no meio do caminho em Quibrote Hataavá.
Ei! Ainda há mistérios no Reino. Há verdades a serem compreendidas. Não são verdades novas, são verdades antigas.
Elas são uma novidade para estes dias apenas porque estão sendo restauradas, restituídas por Deus já que a Igreja deixou estas verdades de Lado.
O salmista Davi no Sl 25:14 disse que estes tesouros escondidos são revelados aqueles que temem a Deus:
O conselho do Senhor é para aqueles que o temem, e ele lhes faz saber o seu pacto.
Os que temem a Deus são vencedores e aos vencedores Deus entrega o Maná escondido.
A palavra de Deus descreve o maná para nós, como um alimento maravilhoso, contendo tudo o que o povo de Deus precisava para seu sustento, e contribuindo para a sua saúde também.
Por exemplo, lemos em Dt 8:4, que através de toda a sua caminhada pelo deserto, os seus pés não se incharam Mas agora, almejando a carne sobre tudo, desprezavam o mais excelente maná.
O maná é uma figura do Senhor Jesus, e da Palavra de Deus que O revela para nós.
Quando falamos da palavra de Deus estamos falando também do evangelho de Jesus.
Agora não estamos falando de 2 pessoas, por que Jesus é parte do evangelho, Jesus é o evangelho quando se apresenta em forma de pessoa.
O evangelho é Jesus quando fala
O evangelho é Jesus como palavra escrita
Jesus é o evangelho como palavra viva.
Evangelho que dá, evangelho que sobe, evangelho que oferece, evangelho que agrada, evangelho que alimenta, evangelho que sustenta, evangelho que edifica, evangelho que aviva, evangelho que cura, evangelho que expulsa demônios, evangelho que dá poder.
Evangelho do a: amor b: bondade c: coragem d: d

Post has attachment

Referência: Lv 17:14

""Porquanto a vida de toda a carne é o seu sangue; por isso tenho dito aos filhos de Israel: Não comereis o sangue de nenhuma carne, porque a vida de toda a carne é o seu sangue; qualquer que o comer será extirpado." Lv 17:14
este trecho explica a razão do derramamento do sangue de um animal como sacrifício, e e o significado disso como expiação. o sangue do animal era identificado com a sua vida
(alma também)
(cf LV 17:14) sendo assim o sangue fazia expiação pela vida humana pela morte de uma vida noutras palavras. o ser humano não precisava perder sua vida por ter pecado. porque a vida do animal era o preço que respondia pela vida humana. esse princípio da expiação vicaria através do sangue alheio ajuda- nos a compreender a importância do sangue de Cristo
para obtemos a nossa salvação
sob o novo concerto. quando Jesus Cristo derramou o seu sangue na Cruz. ele deu sua vida
em substituição à vida do pecador (cf romanos 5:1) Visto que a vida de Jesus estava isenta de pecado. sendo perfeita diante de Deus. seu sangue é de valor infinito e resulta em perfeita salvação para todos aqueles que o aceitão e o seguem (cf cl 1:14)
(Hb 9:13-14) (João 1:7) (Ap 7:14)



"

Post has attachment

"NO princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus." João 1:1
O verbo. João começa seu evangelho denominando Jesus de o verbo mediante este título de Cristo. João o apresenta como a palavra de Deus personificada e declara que nestes últimos dias Deus nos falou através do seu filho.
(Confere hebreus 1-1) Havendo Deus antigamente falado muitas vezes e de muitas maneiras. A os pais. Pelos profetas a nós falou-nos nestes últimos dias pelo FILHO. As escrituras declaram que Jesus Cristo e a sabedoria multiforme de Deus
(1coríntios 1:30) mas vós sois dele.  em jesus Cristo,
O qual para nós foi feito por Deus sabedoria e justiça e santificação e redenção
(EFESIOS 3:10-11) para que agora pela igreja a multiforme sabedoria de Deus seja conhecida dos principados e potestades nos céus
(V11) segundo o eterno propósito que fez em cristo Jesus. Nosso senhor
(COLOSSENSES.  2 :2-3)  para que os seus corações sejam .
e estejam Unidos em caridade e enrriquecidos da plenitude da inteligência conssolados Para conhecimento do ministério de Deus-Cristo
(Vecicolo 3)  em quem estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência
E a perfeita revelação da natureza e da pessoa de Deus (João 1:3-5)  todas as coisas foram feitas por ele e sem ele nada do que foi feito se fez. (V 4) nele estava a vida e a vida era a Luz dos homens (v 5) e a Luz resplandece nas trevas. e as trevas não a compreenderam
(João 14:18)  não vos deixarei órfão
Voltarei para vós. (Colosenses 2 :9)
Porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade.
Asim como as palavras de um homem revelam o seu coração
E mente. Asim tabem Cristo como
O verbo revela o coração e a mente de Deus
(João 14;9) disse lhe Jesus estou a tanto tempo convosco e não mim tendes conhecido Filipe? Quem mim vê a mim vê o pai e como dizis tu mostra nos o pai? (V 10) não crês tu que eu estou no pai e que o pai está en mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo. Mas o pai que esta em mim e quem faz as obras



Post has attachment
A primeira palavraé empregada a respeito dos estóicos e epicureus (somente em At 17.18), que eram aqueles pensadores gregos, representantes do que ainda se chamava filosofia. Esta última palavra, que se encontra em Cl 2.8, não se refere à filosofia grega, mas sim àquele especial sistema de pensamento e prática dos falsos mestres de Colossos, qualquer que ele fosse. Talvez se tratasse simplesmente de regras de conduta e de observâncias cerimoniais.
-
votes visible to Public
Poll option image
0%
Louvado seja deus
0%
100%
So jesus salva
100%

Post has attachment
Se nois não buscrmos a Jesus se nois não se apegarmos com Jesus não vai avér mudança não adianta nada eu dizer isso e pecado àquilo e pecado. E esquecer que aquilo também e pecado
Na cadeira de Moisés estão assentados os escribas e os fariseus fação tudo o que eles dizem mais não fação o que eles fazem
Pois eles dizem e não fazem. 
-
votes visible to Public
100%
So jesus salva
0%
So jesus salva

Post has attachment
Photo

Post has attachment
Photo

Post has attachment
Wait while more posts are being loaded