Post has attachment
PhotoPhotoPhotoPhotoPhoto
07/12/2017
6 Photos - View album

Post has attachment

Post has attachment

Estudos na Confissão de Fé de Westminster
CAPÍTULO XVII
A PERSEVERANÇA DOS SANTOS
“Eu lhes dou a vida eterna; jamais perecerão” João 10. 28
I. Os que Deus aceitou em seu Bem-amado, os que ele chamou eficazmente e santificou pelo seu Espírito, não podem decair do estado da graça, nem total, nem finalmente; mas, com toda a certeza hão de perseverar nesse estado até o fim e serão eternamente salvos. Fil. 1: 6; João 10: 28-29; I Ped. 1:5, 9.
II. Esta perseverança dos santos não depende do livre arbítrio deles, mas da imutabilidade do decreto da eleição, procedente do livre e imutável amor de Deus Pai, da eficácia do mérito e intercessão de Jesus Cristo, da permanência do Espírito e da semente de Deus neles e da natureza do pacto da graça; de todas estas coisas vêm a sua certeza e infalibilidade. II Tim. 2:19; Jer. 31:3; João 17:11, 24; Heb 7:25; Luc. 22:32; Rom. 8:33, 34, 38-39; João 14:16-17; I João 2:27 e 3:9; Jer. 32:40; II Tess. 3:3; I João 2:19; João 10:28.
III. Eles, porém, pelas tentações de Satanás e do mundo, pela força da corrupção neles restante e pela negligência dos meios de preservação, podem cair em graves pecados e por algum tempo continuar neles; incorrem assim no desagrado de Deus, entristecem o seu Santo Espírito e de algum modo vêm a ser privados das suas graças e confortos; têm os seus corações endurecidos e as suas consciências feridas; prejudicam e escandalizam os outros e atraem sobre si juízos temporais. Sal. 51:14; Mat. 26:70-74; II Sam. 12:9, 13; Isa. 64:7, 9; II Sam. 11:27; Ef. 6:30; Sal. 51:8, 10, 12; Apoc. 2:4; Isa. 63:17; Mar. 6:52; Sal. 32:3-4; II Sam. 12:14; Sal. 89:31-32; I Cor. 11:32.

ROTERIO PARA ESTUDO
1. A Perseverança dos santos e o seu significado (XVII.I)
1.1 Diz respeito àqueles que foram chamados e santificados (Fl 1.6; 1 Ts 5. 23-24)
1.2 Indica a impossibilidade do salvo cair do estado de graça. (Jo 10. 28; 1 Pe 1. 3-9)
2. A perseverança dos santos e a sua natureza (XVII.II)
2.1 É garantida pela imutalidade do decreto da eleição (Jr 31. 3; 2 Tm 2. 19; Hb 6. 17-20)
2.2 É desenvolvida no salvo mediante a ação da trindade, a saber:
• O livre e imutável amor de Deus Pai (Jo 3. 16; Ef 1. 4 e 5; 2Ts 3.3-5)
• A eficácia do Mérito de Jesus Cristo (Rm 8. 35-39; Hb 7. 25; 9. 12-15; 10. 10-14)
• A permanência do Espirito e da semente de Deus neles (Jo 14. 16; e 17; 1 Jo 3. 9)
2.3 É coerente com a natureza da graça (Jr 32. 38-41; Hb 8. 10-12)
3. A perseverança dos santos e o pecado (XVII. VII)
3.1 A perseverança dos santos não isenta o salvo das tentações (2 Sm12. 9, 13; Mt 26. 70-74)
3.2 O que acontece quando os salvos cedem as tentações?
Incorrem no desagrado de Deus (2 Sm 11. 27; Is 64. 5-9)
Entristecem o Espirito Santo (Ef 4. 30)
São privados das graças e do conforto de Deus (Sl 51. 8, 10, 12)
Experimentam o sofrimento (Sl 32.3, 4; 51.8)
Prejudicam e escandalizam os outros (2 Sm 12.14)
Atraem sobre si juízos temporários (2 Sm 12. 10; 14-15; Sl 89. 30-33)

RECAPITULANDO OS CONCEITOS
1. O que é perseverança dos santos?
2. Por que o salvo jamais perde a sua salvação?
3. Qual a relação entre a perseverança dos santos e o pacto da graça?
4. A perseverança dos santos impede que os salvos pequem?
5. O que acontece quando os salvos pecam?
PERGUNTA PARA DEBATE
1. Como entender o caso de pessoas que se converteram e depois retornaram a velha vida?
2. É possível a um salvo viver a vida inteira longe de Deus, sem buscar a santificação? Argumente.

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment

Post has shared content
A Palavra de Deus é o que nos fortalece contra o pecado! Rádio BBN http://ow.ly/V4mN8
Photo

Post has attachment
Deus abençoe nossas crianças da IPC.
Photo
Photo
12/10/2017
2 Photos - View album

Post has attachment
Wait while more posts are being loaded