Profile

Cover photo
Misericórdia de Braga
Lives in BRAGA
15 followers|6,282 views
AboutPostsPhotosYouTube

Stream

Misericórdia de Braga

Shared publicly  - 
1
Add a comment...

Misericórdia de Braga

Shared publicly  - 
 
Creche Rainha D. Leonor e Creche Santa Isabel, abrem as inscrições para  a frequência no próximo ano letivo em Abril e Maio.
 ·  Translate
1
Add a comment...
 
“O Congresso Internacional “500 Anos de História das Misericórdias”, organizado pela Santa Casa da Misericórdia de Braga, em parceria com a União das Misericórdias Portuguesas e com o Departamento de História da Universidade do Minho, pretende assinalar a perenidade das Misericórdias Portuguesas e relatar factos ligados aos 515 anos passados desde a fundação da primeira Misericórdia, a de Lisboa, em 1498.
Realiza-se nos dias 21 e 22 de novembro de 2013, no Auditório São Marcos, em Braga e contará com a presença de investigadores nacionais e internacionais, representantes das Misericórdias portuguesas e estrangeiras e membros ligados ao Estado.
No dia 22 de novembro, às 15h30, será o lançamento da livro “A Santa Casa da Misericórdia de Braga. 1513-2013”, cuja apresentação será feita pelos Autores, o Professor Doutor José Viriato Capela e a Professora Doutora Maria Marta Lobo de Araújo (Universidade do Minho).
 
As inscrições já se encontram abertas e podem ser feitas através da pag. WEB: www.scmbraga,pt
 
 ·  Translate
1
Add a comment...
Have them in circles
15 people
Maria Judite Machado Xavier's profile photo
Flávio Ferreira's profile photo
Domingos Xavier's profile photo

Misericórdia de Braga

Shared publicly  - 
1
Domingos Xavier's profile photo
 
Parabéns, a cidade de Braga tem uma Instituição com reconhecido e longo trabalho, 500 anos, na área  da Saúde e Apoio Social...
 ·  Translate
Add a comment...

Misericórdia de Braga

Shared publicly  - 
 
Procissão de Quinta-Feira Santa  a 17 de Abril

A procissão de Endoenças, também conhecida por procissão do Senhor da Cana Verde ou mais popularmente conhecida como procissão do Senhor Ecce-Homo, tem lugar na noite de Quinta-Feira Santa. Esta cerimónia tem origens na visita que outrora se efectuava às sete Igrejas, inspirada nas Sete Estações Romanas,  como reza o Compromisso  da Santa Casa da Misericórdia de Braga, reflectia «a penitência aos fiéis cristãos que reconheceram seus pecados, e por eles quiseram fazer alguma satisfação penal nos dias em que o mesmo Filho de Deus quis pagar por nós derramando Seu precioso sangue».

A realização desta procissão  é expensas das Santas Casas da Misericórdia, instituídas em Portugal pela rainha D. Leonor, em 1498. Ainda hoje, é a estas instituições que cabe a tarefa de promover e organizar esta solenidade e por isso considerada a Festa da Irmandade, à qual todos os Irmãos eram então obrigados a assistir. O papel desempenhado outrora pelos Irmãos foi hoje parcialmente substituído pelo figurado que integram o cortejo religioso.

Na cidade de Braga, a procissão da noite de Quinta-Feira Santa tem como figura central a imagem do Senhor Jesus Cristo "Andor do Senhor da Cana Verde" coroado de espinhos, com as mãos atadas, segurando um ceptro, figurado numa cana verde.

A procissão, pelas suas características, é uma das solenidades da Semana Santa mais participada pelos bracarenses e por  fiéis de todo o país e da vizinha Galiza que nesta noite enchem a cidade de Braga para assistir.

Os farricocos   neste dia, percorrem a cidade descalços e com os seus hábitos de penitentes e   com as suas matracas para chamarem os irmãos da Misericórdia para a procissão da noite
 ·  Translate
1
Add a comment...

Misericórdia de Braga

Shared publicly  - 
 

CERIMONIAS DIA 1 DE NOVEMBRO
A Santa Casa da Misericórdia de Braga, promove no próximo dia 1 de Novembro, ás 15,30 horas no Cemitério de Monte D`Arcos a tradicional Procissão de Defuntos.
 
Sairá da Capela Privativa da Santa Casa da Misericórdia, percorrerá o recinto do Cemitério e na qual como de costume, se incorporam as Irmãs, os Irmãos e todas as pessoas que o pretendam fazer, terminando com Missa na Capela do Cemitério Municipal, às 16,00 horas.
 
Sábado, dia 2 ás 11,00 horas será celebrada na Capela do Cemitério uma Missa sufragando as almas dos Irmãos falecidos.
 
 
 ·  Translate
1
Add a comment...

Misericórdia de Braga

Shared publicly  - 
1
Misericórdia de Braga's profile photo
 
Foto de Grupo Dia do Funcionário 25/05/2013
 ·  Translate
Add a comment...
People
Have them in circles
15 people
Maria Judite Machado Xavier's profile photo
Flávio Ferreira's profile photo
Domingos Xavier's profile photo
Work
Occupation
Actividade de Acção Social
Basic Information
Gender
Other or Decline to State
Story
Tagline
Instituição Particular sem Fins Lucrativos
Introduction

Foi esta Instituição fundada em 1513, e constituída Irmandade pelo Arcebispo D. Diogo de Sousa em 1558. A sua administração é exercida por uma Mesa Administrativa trienalmente eleita pelos seus cerca de 700 Irmãos, constituída por 7 elementos, Provedor, Vice-Provedor, Secretário, Tesoureiro e 3 Vogais.

 

Resenha Histórica

 

                            Ainda não se conhece a data exacta da fundação da Confraria da Misericórdia da cidade de Braga, encontrando-se, actualmente, a Investigadora Drª. Fátima Castro a proceder a pesquisas, na tentativa de encontrar a data certa ou aproximada da fundação da Santa Casa da Misericórdia de Braga.

                            Através dos Livros das Provisões da Santa Casa da Misericórdia do escrivão do público e judicial, João Barros Pereira de 10 de Março de 1756 e do escrivão Francisco Ventura Maciel, de 20 de Maio de 1794, conhece-se a Carta de privilégios e liberdades, concedida por D. Manuel em 31 de Maio de 1514 para que a acção da Instituição bracarense pudesse encontrar maior êxito.

                            Na carta o Soberano reconhecia também o muito e " contínuo " trabalho que já tinham os dirigentes da Confraria. Por ela sabemos ainda que houvera um antigo "Compromisso", que regera a Confraria da Misericórdia de Braga e que nesse ano de 1514 fora então confirmado e melhorado. Porém há documentos de 1504 onde se refere a existência das Misericórdias de Lagos e do Porto e onde, nesses documentos, Braga é tida como a irmã mais velha da Misericórdia de Lisboa. Também há documentos que referem a edificação da Capela, chamada da Misericórdia Velha, em 13 de Abril de 1509.

                        É de admitir que no início do arcebispado de D. Diogo de Sousa em 1505, cujas funções desempenhou até 1532, já existisse a Confraria da Misericórdia de Braga.  Com este prelado passou a dispor de melhores instalações e entre 1513 e 1530 (não se sabe a data certa) foi agasalhada na capela de Jesus da Misericórdia, que ele fundara na Sé.

Na segunda metade do século XVI outros prelados ficam notoriamente ligados à Misericórdia de Braga. Primeiro D. Frei Baltazar Limpo, de seguida D. Frei Bartolomeu dos Mártires dão o seu apoio à construção da nova Casa, que a Confraria da Misericórdia queria erguer para melhor prover os pobres, doentes, presos e cumprir outras obras de Misericórdia. As autoridades seculares da cidade deram o seu consentimento como, aliás, era necessário.

           Obtidas as autorizações indispensáveis, assegurados minimamente os recursos materiais (alguns provenientes das vendas de bens imóveis e outros donativos) a obra realizou-se. Com o novo edifício para o culto e para os serviços, a prática das obras da Misericórdia - materiais e espirituais  reorganizou-se e ampliou-se.

Tornava-se necessário ampliar as fontes de receitas e simultaneamente satisfazer a devolução dos fieis por esta confraria. Por tudo isto criou-se em 1585 a Irmandade dos Cem Irmãos, que era a reconversão da antiga confraria numa Instituição mais ajustada à realidade da época mas na prossecução dos mesmos objectivos assistenciais.

Passava, assim, a existir mais pessoas para os serviços que a Irmandade prestava bem como mais entradas de esmolas obtidas pelas admissões dos novos membros. Com essas esmolas, com as rendas do património existente e do património ampliado pelas doações e heranças, a Santa Casa dispunha de mais meios que aplicava nas suas obras.

A contabilidade era rigorosa, os tesoureiros, celeiros e mordomos eram os principais responsáveis pela administração dos bens. O recebimento das rendas e as despesas que se aplicavam por autorização da Mesa eram anualmente objecto de verificação. Para além dos membros da Mesa ligados gratuitamente à gestão da Santa Casa da Misericórdia, havia pessoas que mediante um salário faziam os serviços de assistência e os de administração da fazenda quando era necessário fazer cobranças ou receber à justiça.

            Actualmente está a considerar-se o ano de 1513 como ano da fundação da Santa Casa da Misericórdia de Braga, e constituída em Irmandade pelo Arcebispo D. Diogo de Sousa, mas espera-se, mediante as investigações em curso, encontrar uma data mais aproximada da sua fundação.

Places
Map of the places this user has livedMap of the places this user has livedMap of the places this user has lived
Currently
BRAGA