Profile cover photo
Profile photo
Monique Ivelise
49 followers
49 followers
About
Monique's posts

Post has attachment
Ilíada
Não é pra ser um poema, não é pra ser letra o que sinto, apenas sinto e nem espero que isto seja visto quero um a letra se torne um desabafo, pois antigamente meus desabafos eram com você. Já não posso mais, pois queria que você fosse o meu alento, não como...

Post has attachment
Retomada
Não se mede sozinho mais não se faz como antes nem mesmo se liga a um amigo Se faz de segundos novos como se antes não fossem se não houvesse concordância se não fosse possível falar de nada que antes, fosse antes É necessário ser convincente  antes de apag...

Post has attachment
Valsa da despedida
Seria apenas mais uma de amor. se fosse até hoje. Seria saudade, se não fosse ferida. Apenas mais uma fraqueza de quem pensa no primeiro minuto. Tinha todo o direito de sair, querer algo longe de mim. Apenas ficou nada de nada melodramático, melado, ruim. T...

Post has attachment
Sugestões
Não é nada apenas um pouco um tempo uma gota. Nada é não um talvez quem sabe Jogue-se Não há roupas se não a pele. Um minuto volte quando quiser. Psiu! Toque Levante... Ah,,, Puxe Nós não vemos mais nada. Boa noite quem sabe. (Monique Ivelise)

Post has attachment
Um algo contagiante
Você canta as mesmas músicas para outra Toca os mesmos ritmos Sorrir como antes Joga pula Cansa Como mais um jogo da sua incrível vida de poeta. No te demores, o encanto não persiste a proposta de uma vida livre sem porta retratos, não descompassa mais não ...

Post has attachment
Filha de um vento
Me disseram que era filha do vento, mas faço um sopro aos ouvidos de quem tem medo. Uma filha de momento, que mexeria com as estrutura de um império e conceberia a ironia nas mãos. O que penso, senhores, é a vontade de não mais sair quando me abalam. Da lin...

Post has attachment
Veneno
O que espero não é mais que centavos O que você sente é o maior medo existente. O que faço é virar as esperas. Você, saí e pula dos dias. Se saio é para dançar. Você, para correr. Você é a naja, que encanta outros olhos morde e rasteja. Sou antídoto do seu ...

Post has attachment
O meu preto te afasta
Meus pés ainda estão presos meu corpo ainda se rende a vontade do seu chicote mata, guarda, prende e volta prende, guarda, volta e mata mata alguns sonhos que são regidos a maestria dos tambores sai ao ritmo de quem foge mas não consegue sair sai e volta, p...

Post has attachment
Medos
Dói que se fosse ontem o peito pulsa a vontade se despede a busca de imagem perfeita e serena bate, e desperta um súbito desejo de nada que seja previsto de tudo que foi feito uma mágica aos seus descontrolados medos medo de fugir medo de fingir medo de ced...

Post has attachment
Cartão postal
Enquanto durante as noite revela teus segredos Ao raiar do dia, tapa as palavras como se fossem pequenos defeitos que teus legiões nunca poderiam saber, coisas que o fazem modelo de uma ideologia qualquer. Em contramão, o meu peito se afasta dança ao contrá...
Wait while more posts are being loaded