Profile cover photo
Profile photo
Amanda Barbosa
27,413 followers -
Acadêmica do curso Pedagogia
Acadêmica do curso Pedagogia

27,413 followers
About
Amanda Barbosa's posts

Post has shared content
“Mas a gente espera, lá no fundo, perdido, soterrado e cansado, que a vida compense de alguma maneira.”

— Tati Bernardi
#quoteoftheday #frase #tatibernardi  
Photo

Post has attachment
Na última semana, foi lançada a cartilha “Todos podemos… É disso que se trata”. É uma parceria da Rio Inclui com o UNICEF. 
'' O objetivo da publicação é divulgar e conscientizar a sociedade, particularmente crianças e adolescentes, sobre os direitos humanos relativos às pessoas com deficiência.
Além do livro voltado para o público infanto-juvenil, foi também desenvolvido um guia de aprendizagem com orientações para educadores sobre como abordar questões relativas à deficiência com as crianças [...] .
O livro será distribuído em escolas da rede pública e particular, visando mudar paradigmas nas concepções, atitudes e abordagens em relação às pessoas com deficiência.''

Essas dicas fazem parte de um artigo do site Inclusive: inclusão e cidadania e você pode ler as dicas na integra em: http://goo.gl/mZxDdN
Photo

Post has attachment
12 coisas para ensinar a seus filhos sobre crianças com deficiência

''Já que ninguém recebe um “manual de instrução sobre paternidade”, algumas vezes, pais e mães não sabem muito o que dizer. Eu entendo perfeitamente; se eu não tivesse um filho com deficiência, eu também me sentiria meio perdida. Então, eu procurei mães de crianças com autismo, paralisia cerebral, síndrome de Down e ocorrências genéticas para ouvir o que elas gostariam que os pais e mães ensinassem a seus filhos sobre os nossos filhos. Considere como um guia, não a bíblia!

1. Não tenha pena de pessoas com deficiência, trate-os como iguais.
2. Ensine seus filhos a não sentir pena de crianças deficientes.
3. Use o que eles tem em comum.
4. Ensine as crianças a entender que há várias formas de se expressar.
5. Saiba que fazer amizade com uma criança especial é bom para as duas crianças.
6. Encoraje seu filho a dizer “oi”.
7. Encoraje as crianças a continuar falando.
8. Dê explicações simples.
9. Ensine respeito às crianças com seus próprios atos.
10. Ajude as crianças a ver que, mesmo crianças que não falam, entendem.. 
11. Inicie uma conversa.
12. Não se preocupe com o constrangimento


Essas dicas fazem parte de um artigo do site Inclusive: inclusão e cidadania e você pode ler as dicas na integra em: http://goo.gl/kksJuR

#Dicas   #Inclusão  
Photo

Post has shared content
7 regras de etiqueta para as comunidades do Google+

As comunidades são locais estratégicos que podemos compartilhar conteúdo e ideias sobre determinado tema, em outras palavras trata-se de um fórum incrível para discutir temas que são importantes para nós com pessoas que compartilham o mesmo interesse. Porém para tirarmos o maior proveito possível e não causarmos desconforto aos outros membros há 7 regras básicas de etiqueta para as comunidades do Google+, que são:

1. Interaja com os membros da comunidade

Responda perguntas e sugestões sobre as suas postagens em tempo hábil. Pode haver casos em que alguém pode não concordar com você e um debate pode surgir. Tudo isso faz parte do jogo e troca ativa de idéias. No entanto, lembre de se manter profissional em toda a sua comunicação, além de sempre que possível você deve participar de debates envolvendo as publicações dos demais membros.

2. Compartilhe conteúdo exclusivo

As comunidades ajudam muito na construção da sua presença online. Para isso, você precisa gerar conteúdo exclusivo. Claro, um pouco do seu conteúdo será baseado no que já foi dito, ou resultados obtidos, e pode ser uma compilação de muitos pontos de vista. No entanto, você deve o apresentar de uma forma original.

3. Capte a atenção do seu público

Verifique se o seu conteúdo tem um título atraente e uma breve descrição que os incentive a ler mais. Além do título e da breve descrição você deve fornecer informações adequadas para o leitor entender do que se trata o conteúdo.

4. Categorize suas publicações corretamente

As comunidades do Google+ fornecem "categorias", a fim de manter as publicações categorizadas para fácil visualização. Navegue pelas categorias cuidadosamente e escolha o que melhor descreve o seu conteúdo.

5. Dê os créditos aos criadores

Ao compartilhar conteúdo de outra pessoa, certifique-se de dar os devidos créditos. Você não gostaria que alguém compartilhasse o seu conteúdo dando a impressão de que é seu trabalho original, não é? Se o criador está no Google+, adicione-o a seus círculos e '+ mencioná-lo' para reconhecê-lo.

6. Use hashtags relevantes

Hashtags ajudam os membros a identificarem conteúdos relacionados a temas específicos (por exemplo, SocialMediaMarketing). Use hashtags adequadas para descrever o seu conteúdo. Além disso, você pode ter notado que alguns usuários adicionam um grande número de hashtags para descrever seu conteúdo. Este é um grande erro. Um máximo de três hashtags para uma única publicação será suficiente.

7. Siga as orientações da comunidade

Cada comunidade no Google+ tem um conjunto de regras e orientações que ajudam os moderadores assegurar o valor máximo para os membros. Leia e as entenda cuidadosamente antes de postar seu conteúdo. 

Divirta-se, aprenda e o melhor, faça com que a sua presença enriqueça a comunidade.

---

Adaptação e tradução de: +solomoIT (http://goo.gl/oMkU7d)
Photo

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment
Wait while more posts are being loaded