Profile

Cover photo
Alessandro Ebersol
1,553 followers|1,086,796 views
AboutPostsPhotosVideos

Stream

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
 
 
SOMOS, SIM, UM PAÍS RICO. DURA E SISTEMATICAMENTE SAQUEADO

É comum ouvirmos no dia a dia expressões que ridicularizam nossa nação, principalmente quando a comparamos com outras potências econômicas mundiais. Contudo, não há como negar que o Brasil tem algumas das maiores riquezas mundiais. Chegamos a ser a 6ª maior economia do globo, tendo a maior área agriculturável do mundo, a maior reserva de água potável do planeta e uma riqueza de fauna, flora, cultural e humana excepcionais.

É certo, também, que somos o país que mais proporciona lucros a banqueiros, com uma das maiores taxas de juros do mundo. E que toda a riqueza que temos não está nas nossas mãos, nem está sendo direcionada para ações que melhorem as condições de vida dos brasileiros, dando dignidade e oferecendo serviços sociais de qualidade, como educação, segurança e saúde.

Se somos tão ricos e não estamos usufruindo dessa riqueza é porque ela está sendo levada. Sistematicamente roubada em esquemas institucionalizados que fazem a grande mídia vender calar-se diante do alarmante gasto de 42% do orçamento federal em juros e amortizações da dívida e enquanto educação recebe menos de 4%.

Sim, somos uma potência.
Quem nos rouba, sabe disso.
Resta nosso povo saber disso e tomar para si o que lhe é de direito.
Taxa de juros básica dos países: http://goo.gl/fj4yyj
PIB dos países do mundo: https://goo.gl/VbLFQa
Ranking Mundial de IDH: http://goo.gl/ioUN8i
 ·  Translate
2 comments on original post
2
Add a comment...

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
 
 
$hell Temer e o negócio em Serra

Mulher de Moro advoga pra Shell. Mesma petrolífera que iria comprar uma ilha dos Marinho através de Paulo Roberto Costa.

Na Síria, todo o massacre começou com a Shell querendo colocar um presidente de uma das suas filiais, no lugar de Assad. Começou seus acordos com a OTAN na Turquia e, de lá também, saíram os extremistas (com muita bufunfa nos bolsos) pra degolar sírios em nome de "Alá a Shell chegando".

Texto de Eduardo Galeano: “No início de 1995, o gerente geral da Shell na Nigéria explicou assim o apoio de sua empresa à ditadura militar nesse país: ‘Para uma empresa comercial, que se propõe a realizar investimentos, é necessário um ambiente de estabilidade. As ditaduras oferecem isso'”.

A Shell está sentada esta semana com o golpista José Serra, enquanto Dilma Rousseff é julgada por um tribunal de facínoras entreguistas. Devem estar discutindo a estabilidade de uma ditadura chegando por aí.

"Guarda em mente a marca "SVASTIKA" e lembrae que é ella um estandarte de escellencia e um forte baluarte contra os monopolios." - dizia o anúncio da Shell nos anos de 1930, sobre seu óleo lubrificante, sem poupar sua entusiasmada disposição em destruir a possibilidade do Brasil ter uma Petrobras.

Malu Aires
 ·  Translate
3 comments on original post
3
Gonzalo Velasco C.'s profile photo
 
sHELL  ;-)
 
Add a comment...

Alessandro Ebersol

Other Consoles  - 
7
Glynner Me's profile photoJulián Rodríguez Romero's profile photoAlessandro Ebersol's profile photo
3 comments
 
+Glynner Me
I had a joystick, back then. So, Mazogs was very good!
Add a comment...

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
 
 
"A cara de pau e a parcialidade de Rodrigo Janot e Gilmar Mendes estão tão escancarados que a hipótese de que toda essa sequência de fatos (vazamento da Lava Jato para a Veja - capa contra Toffoli sem indicação de qualquer cr...
1 comment on original post
1
Add a comment...
Have him in circles
1,553 people
Dalby Maria Brynn's profile photo
Stella Mary's profile photo
Pete Weller's profile photo
Rodrigo Ebersol's profile photo
Walkiria Freire's profile photo
Graphix OpenSource's profile photo
Daniel Jackson's profile photo
Eduardo alcantara barreto's profile photo
Rong Hoo's profile photo

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
 
 
Apoiadores do Golpe se preparando para o debate político.
#Golpe2016
Partidos que foram contra o golpe: PCO, PT, PDT, PC do B e PSOL

RELAÇÃO DAS 56 AMEAÇAS A DIREITOS TRAMITANDO NO PARLAMENTO

(PLS) 627/2015, que admite a prorrogação da jornada de trabalho dos trabalhadores do campo de 2 a 4 (quatro) horas extraordinárias, ou seja 12 horas de trabalho para quem já ganha mal em jornadas de 8 horas.,


Regulamentação da terceirização sem limite permitindo a precarização das relações de trabalho (PL 4302/1998 – Câmara, PLC 30/2015 – Senado, PLS 87/2010 – Senado);

Redução da idade para início da atividade laboral de 16 para 14 anos (PEC 18/2011 – Câmara);

Instituição do Acordo extrajudicial de trabalho permitindo a negociação direta entre empregado e empregador (PL 427/2015 – Câmara);

Impedimento do empregado demitido de reclamar na Justiça do Trabalho (PL 948/2011 – Câmara e PL 7549/2014 – Câmara);
Suspensão de contrato de trabalho (PL 1875/2015 – Câmara);
Prevalência do negociado sobre o legislado (PL 4193/2012 – Câmara);

Prevalência das Convenções Coletivas do Trabalho sobre as Instruções Normativas do Ministério do Trabalho e Emprego – MTE (PL 7341/2014 – Câmara);

Livre estimulação das relações trabalhistas entre trabalhador e empregador sem a participação do sindicato (PL 8294/2014 – Câmara);

Regulamentação do trabalho intermitente por dia ou hora (PL 3785/2012 – Câmara);

Estabelecimento do Código de Trabalho (PL 1463/2011 – Câmara);
Redução da jornada com redução de salários (PL 5019/2009 – Câmara);

Vedação da ultratividade das convenções ou acordos coletivos (PL 6411/2013 – Câmara);

Criação de consórcio de empregadores urbanos para contratação de trabalhadores (PL 6906/2013 – Câmara);

Regulamentação da EC 81/2014, do trabalho escravo, com supressão da jornada exaustiva e trabalho degradante das penalidades previstas no Código Penal (PL 3842/2012 – Câmara, PL 5016/2005 – Câmara e PLS 432/2013 – Senado);

15.Estabelecimento do Simples Trabalhista criando outra categoria de trabalhador com menos direitos (PL 450/2015 – Câmara);

Extinção da multa de 10% por demissão sem justa causa (PLP 51/2007 – Câmara e PLS 550/2015 – Senado);

Susta a Norma Regulamenta (NR) 12 sobre Segurança no Trabalho em Máquinas e Equipamentos (PDC 1408/2013 – Câmara e PDS 43/2015 – Senado);

Execução trabalhista e aplicação do princípio da desconsideração da personalidade jurídica (PL 5140/2005 – Câmara);

Deslocamento do empregado até o local de trabalho e o seu retorno não integra a jornada de trabalho (PL 2409/2011 – Câmara);

Susta Norma Regulamentadora 15, do Ministério do Trabalho Emprego, que regula as atividades de trabalhadores sob céu aberto (PDC 1358/2013 – Câmara);

Susta as Instruções Normativas 114/2014 e 18/2014, do Ministério do Trabalho, que disciplinam a fiscalização do trabalho temporário (PDC 1615/2014 – Câmara);

Estabelecimento da jornada flexível de trabalho (PL 2820/2015 – Câmara e PL 726/2015 – Câmara);
Estabelecimento do trabalho de curta duração (PL 3342/2015 – Câmara);

Transferência da competência para julgar acidente de trabalho nas autarquias e empresas públicas para a Justiça Federal (PEC 127/2015 – Senado);

Aplicação do Processo do Trabalho, de forma subsidiária, as regras do Código de Processo Civil (PL 3871/2015 – Câmara);

Reforma da execução trabalhista (PL 3146/2015 – Câmara).
Substitutivo apresentado na CAPADR estabelece a inexigibilidade do cumprimento simultâneo dos requisitos de “utilização da terra” e de “eficiência na exploração” para comprovação da produtividade da propriedade rural (PL 5288/2009 – Câmara);

Alteração da Lei 5.889/1973, que estatui normas reguladoras do trabalho rural, e a Lei 10.101/2000, que dispo?e sobre a participação dos trabalhadores no lucro ou resultados da empresa, visando a sua adequação e modernização (PLS 208/2012 – Senado);

Alteração da Lei no 1.079/1950, para definir como crime de responsabilidade de governador de Estado a recusa ao cumprimento de decisão judicial de reintegração de posse (PLS 251/2010 – Senado);

Alteração da Lei 8.629/1993, para dispor sobre a fixação e o ajuste dos parâmetros, índices e indicadores de produtividade (PLS 107/2011 – Senado);

Regulamentação da compra de terra por estrangeiros (PL 4059/2012 – Câmara e PL 2269/2007 – Câmara);

Alteração da Lei de Biossegurança para liberar os produtores de alimentos de informar ao consumidor sobre a presença de componentes transgênicos quando esta se der em porcentagem inferior a 1% da composição total do produto alimentício (PLC 34/2015 – Senado).

Dispensa do servidor público por insuficiência de desempenho (PLP 248/1998 – Câmara);

Instituição de limite de despesa com pessoal (PLP 1/2007 – Câmara);

Criação do Estatuto das Fundações Estatais (PLP 92/2007 – Câmara);

Regulamentação e retirada do direito de greve dos servidores (PLS 710/2011 – Senado; PLS 327/2014 – Senado; e PL 4497/2001 – Câmara); e
Extinção do abono de permanência para o servidor público (PEC 139/2015 – Câmara);

Fim da exclusividade da Petrobras na exploração do pré-sal (PL 6726/2013 – Câmara);

Estabelecimento de que a exploração do pré-sal seja feita sob o regime de concessão (PL 6726/2013);

Estabelecimento de independência do Banco Central (PEC 43/2015 – Senado);

Privatização de todas as empresas públicas (PLS 555/2015 – Senado);

42.Proibição de indicar dirigente sindical para conselheiros dos fundos de pensão públicos (PLS 388/2015 – Senado);

Estabelecimento do Código de Mineração (PL 37/2011 – Câmara);
Demarcação de terras indígenas (PEC 215/2000);

Cancelamento da política de Participação Social (PDS 147/2014 – Senado);

Alteração do Código Penal sobre a questão do aborto, criminalizando ainda mais as mulheres e profissionais de saúde (PL 5069/2013 – Câmara);

Retirada do texto das políticas públicas do termo “gênero” e instituição do Tratado de San José como balizador das políticas públicas para as mulheres. É um total retrocesso para todo ciclo das políticas (MPV 696/2015 – Senado);

Instituição do Estatuto do Nascituro – provavelmente maior ameaça aos direitos sexuais e reprodutivos das mulheres. Seria concretizada a criminalização generalizada das mulheres, inviabilizando, inclusive, o aborto previsto no Código Penal (PL 478/2007 – Câmara);

Instituição do Estatuto da Família – retrocesso para grupos LGTBs e mulheres: não reconhecimento como família – ficam fora do alcance de políticas do Estado (PL 6583/2013 – Câmara);

Redução da maioridade penal (PEC 115/2015 – Senado);
Instituição do Estatuto do desarmamento (PL 3722/2012 – Câmara);

Estabelecimento de normas gerais para a contratação de parceria público-privada para a construção e administração de estabelecimentos penais (PLS 513/2011 –Senado);

Aumento do tempo de internação de adolescentes no sistema socioeducativo (PLS 2517/2015 – Senado);

Atribuição à Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania do exame do mérito das Propostas de Emenda à Constituição (PEC), acabando com as comissões especiais (PRC 191/2009 – Câmara); e
Alteração da Constituição para que entidades de cunho religioso possam propor Ações de Constitucionalidade perante o STF (PEC 99/2001 – Câmara).

Desastre anunciado: PLP 257 e PEC 241 exterminam de vez com os direitos dos brasileiros
www.intersindicalcentral.com.br/desastre-anunciado-plp-257-e-pec-241-exterminam-de-vez-com-os-direitos-dos-brasileiros/

 
 ·  Translate
3 comments on original post
2
Add a comment...

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
 
 
Linux protects your money!

Somebody has stolen my credit card details and gone on an online spending spree, but my bank detected it straight away. How? Because they noticed I always do all my shopping on a Linux computer and the fraudster was using Windows 10.

And there was I thinking I already knew all the benefits of using Linux. There are hidden bonuses!
10 comments on original post
7
2
duane attaway's profile photoChris Ahlstrom's profile photo
2 comments
 
They nmapped you! :-D
Add a comment...

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
 
Mais grana nem sempre é sinal de coisa melhor
More bucks not always equal to more quality
https://www.youtube.com/watch?v=D3rwBWkLyX8
 ·  Translate
3
1
Paulo Silva's profile photo
 
é por estas que os filmes independentes são os únicos que vejo no cinema (o problema é que quase sempre só passam nos festivais)
 ·  Translate
Add a comment...

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
2
Add a comment...

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
 
 
COMO É QUE SE CONSEGUE FICAR NUMA INTERINIDADE TODO ENLAMEADO?



Ex-senador Valmir Amaral acusa Padilha de cobrar propina de seu pai
:

Empresário afirma que ministro interino da Casa Civil recebeu R$ 200 mil em propina quando comandava o Ministério dos Transportes; a família do ex-senador era dona de uma empresa de ônibus que decretou falência; segundo Amaral, Padilha teria recebido cerca de R$ 200 mil e, depois de ter o dinheiro em mãos, tirou a linha de ônibus da companhia de uma licitação; em entrevista, ele diz a Temer: "Tira esse ladrão do seu lado"; assista


24 de Agosto de 2016 às 14:38 // Receba o 247 no Telegram Telegram










Revista Fórum - O ex-senador Valmir Amaral, em entrevista coletiva, acusou o ex-ministro dos Transportes e atual ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, de cobrar propina de seu pai, já falecido, Delmo Amaral.

A família era dona de uma empresa de ônibus que decretou falência. De acordo com o ex-senador, Padilha teria recebido cerca de R$ 200 mil e, depois de ter o dinheiro em mãos, tirou a linha de ônibus da companhia de uma licitação.

Valmir afirma que tem sido perseguido e pede ao presidente interino Michel Temer que exclua Padilha de sua lista de aliados no governo.

“Tira esse ladrão do seu lado, presidente! O chefe da Casa Civil é ladrãozão. Pegou R$ 200 mil do meu pai quando era ministro dos Transportes […] dinheiro foi entregue em uma caixa. […] Você pega o Diário Oficial, ele colocou uma linha da empresa na licitação e depois que meu pai pagou ele tirou a linha da licitação”, disse.

Valmir Amaral enfrenta uma série de dificuldades no momento. A casa do político, que ocupa uma área de 19 mil m² em uma área nobre de Brasília, foi demolida, cumprindo decisão judicial. Além disso, o pai dele foi condenado a pagar R$ 1 milhão por dano ambiental, mas, após morrer, deixou a dívida para os filhos.

Veja o vídeo:
 ·  Translate
3 comments on original post
1
Add a comment...

Alessandro Ebersol

Shared publicly  - 
1
Add a comment...
People
Have him in circles
1,553 people
Dalby Maria Brynn's profile photo
Stella Mary's profile photo
Pete Weller's profile photo
Rodrigo Ebersol's profile photo
Walkiria Freire's profile photo
Graphix OpenSource's profile photo
Daniel Jackson's profile photo
Eduardo alcantara barreto's profile photo
Rong Hoo's profile photo
Basic Information
Gender
Male
Story
Tagline
This is not the Star Wars movie you are looking for. Believe me.
Links