Profile cover photo
Profile photo
Darío Vuturuá
1 follower
1 follower
About
Darío's posts

Post has attachment
Seqüência 22 – É guerra!
Nos tempos difíceis que se seguiram, coalisões foram formadas,
grupos se nomearam e amizades foram rompidas. Tudo por causa de um
tatu, que depois de solto foi capturado pelo mecânico da oficina de
motos, morto e assado na mesma tarde em que todos partilhav...

Post has attachment
Seqüência 21 – Efeito Barbara Evans
O quintal estava vazio, toda a erva do mundo tinha sumido e
Pernalonga estava debruçado sobre a mesa, apertando sementes com uma
faca, algumas delas giravam sob o peso da lâmina, sem estalar,
escorregando e sendo projetadas como uma bala, quicando nas pared...

Post has attachment
Seqüência 20 –retorno amigo
            Pernalonga acordou razoavelmente bem
para alguém que andara alucinando com o assassinato de amigos e fora recém-empregado
como cobrador para um padre traficante. Esfregando a barba por fazer e os olhos
repletos de remela, abateu-se com a verdade...

Post has attachment
Seqüência 19 – Lagarto, Pernalonga e a história do micro-ondas
CENA 19 – INT - SALA DA CASA DE HOSANA – DIA HOSANA está de joelhos, olhos fechados, a biqueira de
um narguilé descansa em uma mão, enquanto a outra tem um terço enrolado aoredor do punho fechado sobre o coração. A sala não é a mesma descrita
anteriormente,...

Post has attachment
Seqüência 18 – Romessuiterrome
            Pernalonga
já tava de saco cheio de aguentar Furquinha e o bando de malucos usuais
chegando a qualquer hora em sua casa, enchendo o saco atrás de maconha. Agora,
trabalhando o dia inteiro virando massa, ele queria mais era chegar em casa e
ter a...

Post has attachment
Seqüência 17.1 - quem se explica se condena, quem cegueia tiroteia pena
            Voltar para casa foi uma boa decisão depois da cana. Eu poderia ter vagado um pouco,
caindo na casa de conhecidos por um tempo, até finalmente voltar pra cá, mas se
fizesse jamais chegaria em Macuco num momento tão propício. Como meu novo amigo
...

Post has attachment
Seqüência 17 - amigo novo tem que mostrar valor
            Darío já aprendeu que ao fumar na capela , tem que se ficar sempre atento se a polícia
não chega e, ainda mais importante, tem sempre que vigiar os três carros que
estão sempre passando juntos no centro, na madrugada. Para alguém cuja
principal ...

Post has attachment
Seqüência 16.2 - Cuidado com a boca e os olhos
            Francisquim chegou logo depois.
Jogou uma partida com Pernalonga. Alguns baseados depois, falou da noite
anterior: - Pensei que você fosse dar uma de gostoso e ia ficar oferecendo
maconha pra todo mundo ali. Molecagem, Perna. O Hosana não quer e...

Post has attachment
Seqüência 16 - Marralha!
            Dario despertou
abraçado a um travesseiro duro, encharcado da própria baba. Estava, ele quis
pensar que sim, no quarto do tio de Pernalonga, que a essa altura Dario já tinha
se tocado de que era, na verdade, um traficantezinho do interior, metid...

Post has attachment
Seqüência 15.6 - Voltando pra casa
Dario e Pernalonga não conseguiram uma carona, mas este queria chegar
cedo em casa e aquele não tinha muita opção, e os dois preferiram fazer todo o
caminho a pé, no meio da madrugada, sem nem uma lua cheia a lhes fazer luz;
experiência assombrosa a de pass...
Wait while more posts are being loaded