Profile cover photo
Profile photo
Clara C'Ovo
2 followers
2 followers
About
Posts

Post has attachment
PEDRA DO AR
Acendo-me na paixão, inflamada vivo nela, montada em meteoros, cadente como uma estrela. São pequenos pontos luz, sinais, Celeste, fogo criativo, sem eles, apago-me, não vivo. Viva o fogo que me conduz, essas pontuais fogueiras onde acendo meu rastilho: num...
PEDRA DO AR
PEDRA DO AR
blogclaracovo.blogspot.com
Add a comment...

Post has attachment
LITEIRA
Quando passei pelo carrossel, naquela sexta-feira treze, sem ti, e olhei o cavalo vermelho, quase não resisti, a sentar-me no corcel e cavalgar, cavalgar, cavalgar sem fim, mas de repente percebi que se das rédeas puxasse a dor e   moderasse o passo, límpid...
LITEIRA
LITEIRA
blogclaracovo.blogspot.com
Add a comment...

Post has attachment
BEIJOS
Apenas assim resulta para mim, quando me sinto, pressinto e não me bato com o cinto, me moldo e esculpo com habilidade, ditada pela falta, pela necessidade, quando me modero para obter o que quero, quando penteio o cabelo para que fique belo, quando discuto...
BEIJOS
BEIJOS
blogclaracovo.blogspot.com
Add a comment...

Post has attachment
TO FERNANDO
- Ando num desassossego - Atenção ao plágio, Esse é do Pessoa! -Ou então numa azáfama. - Isso são bichos carpinteiros. - Ando numa luta permanente, - Boa, contra quem? - Sonho que remo contra a corrente nos esteiros. - Contra a corrente? - Sim, a minha ment...
TO FERNANDO
TO FERNANDO
blogclaracovo.blogspot.com
Add a comment...

Post has attachment
**
JOANINHAS Porque me impõem
normas? E me encadeiam com
ouro? E dizem que vem lá o
besouro? E me julgam vendida? Se minha riqueza é um savoir-faire à minha medida? © Maria Clara C’Ovo,
2015. Imagem in: Southerly (blog)
BLOG CLARA C'OVO
BLOG CLARA C'OVO
blogclaracovo.blogspot.com
Add a comment...

Post has attachment
CONTAS DE SOMAR
Existo numa passividade que me enerva e inebria - será que nasci para tia? -, numa falta de ação, que me apoquenta, com esperança e alegria (também) - ou serei apenas mãe? - Porque sou tão lenta quando tudo à minha volta se movimenta? Sinto, quando choras, ...
CONTAS DE SOMAR
CONTAS DE SOMAR
blogclaracovo.blogspot.com
Add a comment...

Post has attachment
MENÚ
Cola-se a mim este desejo que não sei se sou ‘mim’ se a vontade de dar-te um beijo. E ao beijar-te, explode meu ego, voam estilhaços, deixas meu eu desalinhado, em pedaços que colocas em cima da mesa, ou da cama, tanto faz, para quem ama. © Maria Clara C’Ov...
MENÚ
MENÚ
blogclaracovo.blogspot.com
Add a comment...

Post has attachment
BIOGRAFIA
Não, não morrerei: morri já, morri ontem, morro hoje, morrerei amanhã. Mas quando eu morrer, de vez, da derradeira célula, nascerá uma flor e depois outra e outra e outra flor, porque ficarei para sempre (eterna) nesta terra (onde morres tu agora, sem mim),...
Add a comment...

Post has attachment
CARMEN DE BIZET
Surges em sintonia, oblíquo nas minhas almas, és de mim outro bocado a tinta de minha pena. Sinto-te nas palmas de minhas mãos abertas numa milonga pequena, - nos punctos
contra puntum - nos animais, nas pedras leio teu ser poema. © Maria Clara C’Ovo, 2015.
Add a comment...

Post has attachment
CEGONHA
Minha engrenagem roda: recito minha vida   em cada intervalo. Nascem flores no jardim. Canto o amor e acontece assim. Ao dizer do mundo a beleza: germinam frágeis avencas. Nados vivos, expulsos,   aparatosos   na marquesa. O feitiço minhas palavras enrola, ...
CEGONHA
CEGONHA
blogclaracovo.blogspot.com
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded