Profile cover photo
Profile photo
Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
649 followers -
Aprimorar as políticas públicas essenciais ao desenvolvimento brasileiro, por meio da produção e disseminação de conhecimentos e da assessoria ao Estado nas suas decisões estratégicas.
Aprimorar as políticas públicas essenciais ao desenvolvimento brasileiro, por meio da produção e disseminação de conhecimentos e da assessoria ao Estado nas suas decisões estratégicas.

649 followers
About
Posts

Post has attachment
O Boletim Mercado de trabalho nº 63 já está disponível no nosso portal! 📘
Acesse agora a publicação que aborda questões como a reforma trabalhista, justiça do trabalho, expansão das políticas para a pequena agricultura, FGTS e fundos individuais de seguro-desemprego, entre outros temas.
Acesse agora 👉: goo.gl/Uow9NZ
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Expor os desafios e propor caminhos para promover a inserção do Brasil na economia mundial são alguns dos objetivos do livro "Cadeias Globais de Valor, Políticas Públicas e Desenvolvimento", que já está disponível no nosso Portal.
Quer entender mais? 🤔
Acesse o mais recente lançamento aqui: https://goo.gl/yrT1ik
Boa leitura! 🤓
Photo
Add a comment...

Post has attachment
A edição número 53 do boletim Radar apresenta cinco artigos que abordam temas relacionados ao crescimento das firmas, às mudanças recentes no mercado de trabalho brasileiro, à crise e recuperação recente da Petrobras e ao desempenho brasileiro nos complexos agroindustriais do café, da soja, do milho e de aves.
Acesse agora:https://goo.gl/FBr8Jg
Photo
Add a comment...

Post has attachment
O projeto “Modelagem da economia brasileira em moldes DSGE” oferece três bolsas pesquisas com duração de doze meses.
Quem pode se candidatar? 🤔
Estudantes regularmente matriculados na graduação na área de economia.
Prazo de inscrição até 04/10
Acesse o edital: goo.gl/ux8Vsd
Boa sorte! 🤞🍀
Photo
Add a comment...

Post has attachment
A seção Visão Geral da Carta de Conjuntura nº 36, divulgada hoje, traz as estimativas para o PIB em 2017 e 2018 e previsões sobre o comportamento da indústria, serviços, agropecuária, consumo das famílias e exportações.
O diretor de Macroeconomia, José Ronaldo Souza Jr., comenta no vídeo abaixo as principais projeções do Grupo de Conjuntura.
Leia o estudo completo aqui: goo.gl/hvBy5r
Add a comment...

Post has attachment
Você sabia que há diferença de remuneração entre sindicalizados e não sindicalizados no mercado de trabalho brasileiro? 🤔
Sim! Embora não se esperem diferenças, trabalhadores sindicalizados ganham diretamente 8,4% a mais do que os não sindicalizados. Além disso, os sindicalizados têm maiores chances de acesso a benefícios como auxílio-alimentação, auxílio-transporte e auxílio-saúde.
Ficou interessado nesse estudo?
Saiba mais: goo.gl/8h6Qo9
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Nos anos 1990 e 2000, alguns analistas investigavam possíveis impactos da Justiça do Trabalho sobre a produtividade trabalhista. De acordo com eles, essa justiça tinha efeitos prejudiciais sobre a produtividade. Mas de que forma? 🤔
Ainda que involuntariamente, a Justiça do Trabalho incentivava comportamentos oportunistas, tanto por parte dos empregadores quanto dos trabalhadores.
Quer saber mais? Acesse: goo.gl/EW1acK
Photo
Add a comment...

Post has attachment
A plataforma do Índice de Vulnerabilidade Social está de cara nova! Atualizamos os dados com base nas Pnads do IBGE, entre 2011 e 2015, e inserimos novas opções de pesquisa por sexo, cor e situação de domicílio (rural/urbano).
Tudo para facilitar para vocês! 🤗
Acesse agora: http://ivs.ipea.gov.br
Photo
Add a comment...

Post has attachment
O livro “A Política Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica no Brasil” já está disponível no nosso portal! 🔊
Acesse agora e entenda sobre essa política, que foi desenvolvida a partir da vontade da própria sociedade! Afinal, a ideia é fomentar um modelo de desenvolvimento sustentável, em prol da população e do meio ambiente.
Download gratuito: goo.gl/zjYYZU
Photo
Add a comment...

Post has attachment
A arma de fogo ainda é o personagem central na história da violência letal.
Cerca de 41.817 pessoas foram vítimas dessas armas no ano de 2015, o que correspondeu a 71,9% do total de homicídios no país.
O Atlas da Violência 2017, que mapeia os homicídios, traz essas e outras informações sobre a segurança pública no Brasil.
Quer saber mais? Acesse: goo.gl/lK5xmV
Photo
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded