Profile cover photo
Profile photo
Mia Couto, escritor
199 followers -
"O que faz andar a estrada? É o sonho. Enquanto a gente sonhar a estrada permanecerá viva. É para isso que servem os caminhos, para nos fazerem parentes do futuro." - (Fala de Tuahir), em "Terra sonâmbula", de Mia Couto.
"O que faz andar a estrada? É o sonho. Enquanto a gente sonhar a estrada permanecerá viva. É para isso que servem os caminhos, para nos fazerem parentes do futuro." - (Fala de Tuahir), em "Terra sonâmbula", de Mia Couto.

199 followers
About
Posts

Post has attachment
"Quando as teias da aranha se juntam, elas podem amarrar um leão."

(Provérbio africano), em "A confissão da leoa", de Mia Couto. Lisboa: Editorial Caminho, 2012.
http://www.elfikurten.com.br/2012/11/mia-couto-o-afinador-de-silencios.html
Add a comment...

"Quero morar numa cidade onde se sonha com chuva. Num mundo onde chover é a maior felicidade. E onde todos chovemos."

- Mia Couto, em "Antes de nascer o mundo". São Paulo: Companhia das Letras, 2009.
Add a comment...

Post has attachment
Vagas e lumes
Há quem se deite
em fogo
para morrer.

Pois eu sou
como o vagalume:
- só existo
quando me incendeio.

- Mia Couto, em "Vagas e lumes". Lisboa: Editorial Caminho, 2014.
--
Poemas de Mia no site:
http://www.elfikurten.com.br/2015/05/mia-couto-poemas.html
Photo
Add a comment...

Post has attachment
"A única eternidade que nos é certa: continuarmo-nos em nossos filhos...como flor que morre na imortalidade da semente."
- Mia Couto, em "Na berna de nenhuma estrada".
-
© Keith Mallett - carícias
Visite nosso site: http://www.elfikurten.com.br/2012/11/mia-couto-o-afinador-de-silencios.html
Photo
Add a comment...

Post has attachment
"As palavra pareciam sair-lhe não da boca, mas de todo o corpo."
- Mia Couto, no livro "A varanda do frangipani". São Paulo: Companhia das Letras, 2007
____
Ngor, Dakar, Senegal
Foto: Beatrix Jourdan
Mia Couto no site: http://www.elfikurten.com.br/2012/11/mia-couto-o-afinador-de-silencios.html
Photo
Add a comment...

Post has attachment
- Mia Couto, do conto “A despedideira”, no livro “O fio das missangas”
___
Vida e obra de Mia Couto: http://www.elfikurten.com.br/2012/11/mia-couto-o-afinador-de-silencios.html 
Photo
Add a comment...

"A minha mensagem é simples: mais do que uma geração tecnicamente capaz, nós necessitamos de uma geração capaz de questionar, capaz de repensar o país e o mundo. Mais do que gente preparada para dar respostas, necessitamos de capacidade para fazer perguntas."

- Mia Couto, no ensaio "Os sete sapatos sujos" (Intervenção no ISCTEM, Maputo). em "E se Obama fosse africano? e outras interinvenções Ensaios". Lisboa: Editorial Caminho, 2009.
Add a comment...

"Não fomos feitos para caber numa receita puritana encomendada para domesticar e padronizar o mundo. O discurso do politicamente correto é um crime contra as nossas nações, contra originalidade e a diversidade dos nossos povos."

- Mia Couto, na "Conferência do Fronteiras do Pensamento 2012.
Add a comment...

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
Wait while more posts are being loaded