Profile cover photo
Profile photo
Jesse Reboucas
36 followers
36 followers
About
Posts

Le narcotrafiquant Joaquin « El Chapo » Guzman a été capturé

Le Monde
Add a comment...

Post has attachment
Como avaliar um representante?
Como avaliar um representante?
areiabrancaverdade.com.br
Add a comment...

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment

Post has attachment
**
PEC 40/2001 - O FIM DAS COLIGAÇÕES PROPORCIONAIS  EM ELEIÇÕES PROPORCIONAIS E O INÍCIO DO CARTEL NA POLÍTICA: O Outro lado da moeda       Culturalmente, nos caracterizamos pela desídia nas responsabilidades no exercício típico da cidadania, o que invariavel...
Add a comment...

Post has attachment
**
PEC 40/2001 - O FIM DAS COLIGAÇÕES PROPORCIONAIS  EM ELEIÇÕES PROPORCIONAIS E O INÍCIO DO CARTEL NA POLÍTICA: O Outro lado da moeda       Culturalmente, nos caracterizamos pela desídia nas responsabilidades no exercício típico da cidadania, o que invariavel...
Add a comment...

Post has attachment
Caro Tallison, li com atenção suas linhas, não estou certo que esta seja uma realidade. Houveram momentos mais e menos honorários na história da civilidade, não vejo como o homem pode se envergonhar de si, pode ser que ele se envergonhe do que ele se tornou. No caso, não seria uma vergonha daquilo que ele é, mas dos fatores que o levaram a ser. Mesmo assim, ainda não estou convencido desse meu posicionamento, tenho que amadurecer devidamente ou mesmo contrariar os pontos que aqui estabeleço.   
Add a comment...

Post has attachment
**
A CRISE POR TRÁS DA CRISE: O PT E O DILEMA BRASILEIRO Nos últimos períodos - principalmente após à reeleição da presidente da República Federativa do Brasil, a excelentíssima senhora Dilma Rousseff - enfrentamos sérios problemas de natureza política, com fu...
Add a comment...

Às vezes, simples reflexões nos fazem descargar grandes fardos.  Escrevo anônimo, sem entrosamento algum com nenhum alvo específico, eis que aí está, pois, a beleza da natureza dessa mensagem. O nosso País vem enfrentando sérios retrocessos, mitigando-se garantias conquistadas à duras penas. O primeiro deles e o mais significativo, na minha opinião, é o apedeutismo da população em geral com o escopo na acrítica da conjuntura, ou quando feita, é posta em termos tão pifeis que "traz lágrimas aos olhos", como dizia Enéas. Se criou um jargão na mediocridade do senso comum que diz: "é culpa do PT" - claro, todos sabemos que às ideologias vem do cimo para baixo, constando nestas muito mais que uma mera ectoscopia de uma expressão, mas mensagens subliminares importantes e que se espraiam no ideário das massas como entonação de grito de luta. A nossa política faliu, eis o maior dos problemas, haja vista ser ela (ou deveria ser) aquilo que Aristóteles dizia:  " a busca do bem comum". Nosso povo, imerso numa barbárie social sem precedentes, traduzidos pelas vestes de verdadeira guerra civil em todo o País; nossos intelectuais, cada vez mais raros, são alvo de jocosidade pela choldra, afeita ao imediatismo ineficiente da pós-modernidade; as relações humanas, ala Zygmunt Bauman, são caracterizadas pela frivolidade, superficialidade, naquilo que ele chama de sociedade líquida - claro, isso é uma breve introdução, estando ausente qualquer elucubração mais elaborada e de fulcro científico, é um mero desabafo. Esses são alguns dos fatores que incidem nos prismas do mundo, onde a população ( a quem foi negado, de fato, o direito de percepção ) vê-se num beco sem saída, sendo manejada de acordo com os interesses de outrem. Para pioras, os "veículos oficiais" de comunicação, inobservando o seu papel histórico de oxigenação da democracia, se valem do falado para manipular ainda mais - faço questão de excetuar importantes e competentes jornalistas, geralmente anônimos, que cumprem a função de educar e informar com a verdade - o que não causa espanto, pois esses meios são geralmente propriedade de políticos inescrupulosos ou de uma quadrilha do qual estes fazem parte, fazendo vezes de 4° poder da República. É nesse meio dantesco que vivemos! Saída? Não sou imberbe, nossa república tem 125 anos de existência, nós nunca estivemos próximos de sair dessa situação, onde, na classificação do Sociólogo, professor emérito da USP, o pernambucano Francisco de Oliveira, somos um Ornitorrinco, haja vista termos a modernidade mais avançada e o retrocesso mais venal. Com essas breves e aleatórias palavras - já que não tive compromisso hermético em me ater a um único tema - termino esse esboço de indignação, não sabendo a quem vou atingir, não sabendo mesmo se alguém irá ler, mas tal qual a Voyager - lançada pelo programa aeroespacial norte-americano para desbravar mundos, detendo um disco de ouro com as chamadas "For makers of music of all worlds and all times" cuja esperança é alcançar alguma vida inteligente - espero que sim. 
Add a comment...

Post has shared content
É mais fácil comprar!
Sempre quis fazer sua própria cerveja? Acompanhe nosso passo a passo e, com um pouco de disposição, você terá 10 litros de uma deliciosa American Pale Ale pra chamar de sua.
http://ow.ly/FtwFy
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded