Profile

Cover photo
Pedro Moura
336 followers|377,294 views
AboutPostsReviews

Stream

Pedro Moura
moderator

Actualidade e Partidos Políticos  - 
 
Estes eunucos continuam a vender ilusões e há sempre quem as compre... edp=empresa dos deficits pantomineiros
 ·  Translate
A EDP vendeu 200 milhões de euros do défice tarifário de 2015 e 2016, em duas operações separadas, de 100 milhões de euros, anunciou na sexta-feira a eléctrica liderada por António Mexia.
1
1
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Actualidade e Partidos Políticos  - 
 
Aproveito este desesperado elogio às qualidades do Paulo Portas, para explicar o que é um conflito de interesses.
No ponto 5, 2) do elogio, o menino da foto diz:

"Paulo Portas não se irá dedicar apenas ao pensamento de uma estratégia de internacionalização para a Mota-Engil. Não: será igualmente Vice-presidente da Câmara de Comércio, onde colocará os seus conhecimentos e a sua competência ao serviço de todas as empresas. De toda a economia nacional. Ora, não é função de um ex-governante da República Portuguesa colocar ao serviço da comunidade o seu talento, a sua competência e a experiência acumulada ao longo de anos? Adicionalmente, Paulo Portas irá também coordenar um curso de pós-graduação em geopolítica e geoestratégica na Universidade Nova – contribuindo, assim, para a formação de quadros aptos a compreender os desafios da economia internacional contemporânea. Como se conclui, a Mota-Engil não é o exclusivo, nem o essencial da nova vida de Paulo Portas – é apenas a concretização no sector privado da sua vocação de cosmopolita e de patriota."

Em bold, destaquei o conflito. Quem não perceber deixe um comentário aqui em baixo.
 ·  Translate
Paulo Portas só fez mesmo uma única obra pública, uma obra de interesse público - preparar Portugal para a globalização
3
Basílio Farinha's profile photoPedro Moura's profile photo
4 comments
 
A questão é que fica sempre tudo assente em critérios de honorabilidade pessoal. A história é sempre a mesma. São todos boas pessoas, muito sérias e honestas, até... deixarem de o ser. Lembro-me de alguns.
Tocou noutro aspeto bastante preocupante, as amizades e as amabilidades. Território perigoso, que sabemos ser povoado de toda espécie de "monstros".
A população está farta deste tipo de comportamentos.
A regra básica, na minha opinião seria, um político, após o desempenho das funções, regressa ao mesmo lugar que tinha antes e por lá permanecerá durante um tempo adequado (4-5 anos).
 ·  Translate
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Economia e Fiscalidade  - 
 
Portugal Start UP
Pois é o PM, tal como o anterior adora os empreendedores, mas o que podemos nós (contribuintes) fazer ainda mais para sermos amáveis a eles?
Reparem que nós até já temos bancos (dos quais estamos a resgatar-lhes os créditos perdidos) que oferecem dinheiro aos empreendedores só para os cativar. Só para sedução. 18,5 milhões de euros em sedução!
O nosso país, por intermédio da sua banca, oferece crédito aos "empresários de visão", como o Silvio do Banif, ou o Aprígio do BPN, ou o Zeinal do Bes. Nos outros países este crédito é chamado capital de risco, aqui chama-se simplesmente empréstimos sem garantias reais.
Que lata a destes PM virem pedir-nos ainda mais!
 ·  Translate
O ex-presidente do BES justificou ao Tribunal os pagamentos feitos pela ES Enterprises como sendo uma remuneração extra para cativar Zeinal Bava e a equipa seleccionada para reorganizar a Oi.
4
1
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Actualidade e Partidos Políticos  - 
 
Todos ganham com as PPP, excepto quem as tem de pagar a peso de ouro...
 ·  Translate
 
Rendas das PPP incluem rendas para partidos? (Ventura Leite ex deputado PS)
VENTURA LEITE EX DEPUTADO DO PS QUE ABANDONOU O GOVERNO EM 2009 POR DENUNCIAR AS POLITICAS DE SÓCRATES, divulga algumas aberrações da corrupção.
Portugal detém o recorde do mundo da velocidade do endividamento
-- Portugal é um país muito corrupto ao contrário do que muitas altas figuras, comentadores e afins durante décadas nos quiseram fazer crer.
VEJAM BEM ESTA ABERRAÇÃO, PASMEM - os contratos que garantem as rendas que o estado paga ás parcerias público privadas, e outras que tais, mesmo sendo "legais" são feitas de tal forma que os custos incluem também uma renda para os partidos.
- Os grupos activos da corrupção funcionam de forma solidária e funcionam independentemente de quem estiver no poder, sem ligar a ideologias ou a partidos políticos, são transversais a todos os partidos e existe solidariedade entre eles.
-- Caiado Guerreiro denuncia os contratos das PPP como sendo de agiotas, onde todo o risco é passado para o estado e todo o rendimento para os privados. Algo estranhissimo
-- Mas Ventura Leite explica que isso não é nada estranho porque essas empresas depois transferem financiamentos para os partidos e garantem empregos ao partido,
SOBRE AS PPP E A FALTA DE MORAL DOS QUE AS NEGOCIARAM .. http://apodrecetuga.blogspot.pt/search?q=PPP#.VKP1TiusVws

"Permitam-me os militantes do PS, que avance, para variar, com o nome de um homem de corpo inteiro. A figura de um deputado socialista, que, se fosse cidadão americano, poderia ter sido imortalizado no livro de Kennedy. Chama-se Joaquim Ventura Leite. Em 15 de Abril de 2009, este socialista usou, por sua conta e risco, motivado pelo seu dever de consciência, uns escassos dez minutos de tempo de antena na Assembleia da República, para denunciar a rota de desastre em que o País se encontrava. Ao contrário do mitómano que conduziu o País a este descalabro, Ventura Leite chamava a atenção para o facto de que a economia portuguesa estava "viciada em crédito". Mostrou que entre 1997 e 2007 (portanto, antes da crise internacional) o total da dívida nacional havia crescido 3, 2 vezes, contra um mísero crescimento do PIB de 1,6 vezes. Mais: se o nosso crescimento do produto tivesse sido igual ao do crescimento da dívida, então o nosso rendimento per capita", afirmava Ventura Leite, seria superior ao do da Alemanha e do Japão!
Escusado será dizer que Ventura Leite não voltou a aparecer nas listas do PS. Para os pequenos calculistas, não há nada pior do que a coragem e grandeza de um homem de mãos nuas. Armado com a única coisa que talvez justifique a existência da nossa espécie sobre este planeta: a coragem de viver de acordo com a dura disciplina de uma ética da dignidade e da honra. http://www.dn.pt/inicio/opiniao/interior.aspx?content_id=1873753&seccao=Viriato%20Soromenho%20Marques


https://www.youtube.com/watch?v=hNOvpcJ3gKU&index=10&list=PLPAKyd_5x-2tvbLNGjg_E2h13QX81fEgE
 ·  Translate
1 comment on original post
6
1
Add a comment...

Pedro Moura

Hints and Tips  - 
 
Marshmallow+Google play Music+LG Health

Apparently those 3 can't live together.
Google Play Music, keeps randomnly pausing and resuming musics all the time. Deactivating LG Health, seems to have fix this annoying bug
1
Ashley Appadoo's profile photoXavier Grabulosa Ribot's profile photo
2 comments
 
No issues for me running stock. Happened to me on lollipop though.
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Economia e Fiscalidade  - 
 
Vou aproveitar a excelente reportagem que a SIC está a transmitir sobre o BANIF, para mostrar mais uma das perversidades deste sistema sócio-económico em que sobrevivemos.
O PIB, o santo Graal do capitalismo, que todos querem ver crescer, tem numa das suas parcelas de calculo, o montante que o país viu ser investido no seu território. Não há qualquer descriminação das caraterísticas desse investimento. Tudo serve e desde logo podemos assegurar que todas as "negociatas" bancárias agora muito bem documentadas,, não só as dos falidos mas também as dos sobreviventes comatosos, contribuíram para o PIB do ano em que se realizaram.
Todas as burlas que os chamados "investidores" conseguiram extrair dos bancos, com a conivência das respectivas administrações, acabaram por beneficiar o maior indicador que o capitalismo usa para atestar a "saúde" dos diversos países.
Por outras palavras, o Estado, onde se inclui o suposto regulador da atividade de concessão de créditos, ficam satisfeitos, sempre que algum "empreendedor" entra pelos bancos dentro, armado com um projeto imobiliário.
O sistema é verdadeira e intrinsecamente corrupto desde a nascença.
As regras estão montadas (não só aqui, como em todo o mundo dito ocidental) para favorecer os "corajosos empreendedores" a roubar enormes quantias de dinheiro. Dinheiro esse que, ao contrário do que ouvimos ontem um deputado comunista dizer, não é dos depositantes. É confrangedor ver um deputado da republica que ainda pensa que os bancos emprestam o dinheiro dos depositantes...
97% do dinheiro que os bancos emprestam , é criado instantaneamente (a partir do ar que respiramos) sob a forma de dívida, diretamente na conta do credor.
Para quando uma comissão parlamentar para debater a reforma estrutural deste sistema oficial de apoio à corrupção?
Não seria este tema que devia estar na cabeça de todos os políticos e economistas do planeta? Ou será que o sistema já não tem reforma possível e só estamos à espera do seu colapso em forma de catástrofe mundial?
 ·  Translate
2
1
Add a comment...
Have him in circles
336 people
Josinete Silva Paz's profile photo
Miguel Ruibal's profile photo
Carlos Correia's profile photo
Dawn Mission Engagement and Communications (E/C)'s profile photo
Action Direct Limited's profile photo
taru ime's profile photo
Maria Ema “pukinha” dos Santos Puka's profile photo
shri paul Sharma's profile photo
miguel castanheira's profile photo

Pedro Moura
moderator

Economia e Fiscalidade  - 
 
Não é nada de diferente do que andaram a fazer os outros bancos, até rebentarem, a pergunta recorrente é também sempre a mesma. Terá de ser sempre assim? Não haveria possibilidade de alterar as regras de funcionamento desta banca terrorista?
Há.
A primeira alteração era acabar com a liberdade que eles têm de produzir dinheiro a partir do ar, sempre que concedem crédito a alguém. É esse à vontade que abre portas a estes empréstimos "assassinos" concedidos com a leviandade de um negócio à mesa de café...
Uma segunda alteração era separar completamente a banca de retalho, da banca de investimento, reservando para esta ultima este tipo de brincadeiras empresariais.
Uma terceira, era acabar de vez com a possibilidade dos Estados salvarem bancos à custa dos contribuintes, invocando o mandamento do "too big to fail", e deixar o mercado atuar nos bancos, tal como em qualquer outra empresa.
Já agora porque não extinguir os créditos concedidos por bancos falidos. Não seria mais saudável para todos que isto acontecesse, em vez de cobrar esses "mal parados" a gente inocente (nós contribuintes) que nada tiveram que ver com esses negócios fraudulentos, e que agora têm de pagar as dívidas que os Limas, os Vieiras e os Caprichosos, deste mundo fizeram?
 ·  Translate
Entre os empréstimos de risco, encontram-se créditos concedidos ao Grupo Espírito Santo, ao Grupo Lena ou ao empresário angolano António Mosquito.
4
1
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Economia e Fiscalidade  - 
 
O salgueiro tem razão, mas esqueceu-se da explicar que os estrategas dessa "estratégia" são os seus colegas CEO dos bancos e dos ex-bancos.
Quem é que lhes tirou (aliás, roubou) valor? Terão sido os espanhois? Os angolanos? A Merkel? Os chineses?
Salgueiro, por uma vez podias ser sincero e explicar o jogo todo em vez deste jogo de sombras que tanto gostas de jogar. Se dizes que há uma estratégia, no mínimo devias ser obrigado a dizer quem a elaborou... o problema é que não podes, não é?
 ·  Translate
Antigo ministro e vice-governador apresentou ao presidente da Assembleia da República o manifesto Reconfiguração da Banca em Portugal - Desafios e Linhas Vermelhas.
2
1
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Cx Ideias Educação  - 
 
Em Estados fracos, dementes e por consequência disso, falidos, é isto que acontece em todas as atividades onde ele "vive".
É assim nos livros escolares, como bem retrata o Paulo Morais, mas é também assim, nos medicamentos, nas gasolinas, na eletricidade, na TDT, nas obras públicas, nos colégios (como bem recentemente descobrimos) etc. Sempre que se estabelece uma relação comercial entre um Estado como o nosso, e uma corporação privada, podemos ter a certeza que nós, os que contribuímos para o orçamento, vamos, como se costuma dizer: entrar pela madeira dentro...
 ·  Translate
E sofrem as famílias que, no início de cada ano lectivo, gastam fortunas na aquisição de livros.
3
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Actualidade e Partidos Políticos  - 
 
 
AGORA É PAULO PORTAS QUE VAI TRABALHAR PARA O ALBERGUE DE CORRUPTOS DA MOTA ENGIL
António Mota é decididamente o empresário do regime.
Nos partidos do arco do poder, contrata políticos de todos os quadrantes.
A Mota-Engil controla desde esta semana mais um setor económico em Portugal, a recolha e tratamento de lixos. Como este negócio é um monopólio, os consumidores ficam à mercê deste grupo empresarial, a quem doravante pagarão uma taxa vitalícia.
António Mota é decididamente o empresário do regime. Nos partidos do arco do poder, contrata políticos de todos os quadrantes.
Já nos anos 80, Duarte Lima, enquanto líder parlamentar do PSD, representava os interesses do grupo Mota. Até aos dias de hoje, em que encontramos o ex-ministro laranja Valente de Oliveira na Administração do grupo Mota.
Também o ex-ministro Ferreira do Amaral, presidente da Lusoponte, está na sua esfera de influência. Rui Rio prestou-lhe tributo, condecorando-o. E estão agora sob investigação judicial os seus negócios com Luís Filipe Menezes...
António Mota contrata também na área socialista. Jorge Coelho, ex-governante nas obras públicas, presidiu durante anos a este poderoso grupo. A ele se juntaram outros responsáveis da governação socialista, desde o ex-secretário de Estado Luís Parreirão a Rangel de Lima, antigo presidente da Estradas de Portugal. Mota pesca também nas águas do CDS. Ao seu núcleo duro de gestão pertence António Lobo Xavier. E até Paulo Portas já foi a Angola promover as relações entre a construtora e o governo de Eduardo dos Santos.
Não é pois de estranhar que o grupo Mota seja dos que mais se alimentam da manjedoura que é o orçamento de estado. Constrói estradas e pontes, é o maior detentor de negócios na área das parcerias público-privadas rodoviárias, o que lhe dá acesso a receitas milionárias garantidas. Através da Liscont, controla o porto de Lisboa, cuja recente prorrogação de contrato obteve sem qualquer concurso público. Doravante, irá ter garantida mais uma renda permanente, proveniente do negócio dos lixos, com a atribuição que Passos Coelho lhe outorgou: a posse da Empresa Geral de Fomento.
António Mota financia campanhas políticas, relaciona-se intimamente com governantes. Cavaco Silva apadrinha e preside às suas ações caritativas. O seu grupo confunde-se com o regime.
1- Jorge Coelho‘deu’ à Mota-Engil maiores negócios das SCUT e posteriormente tornou-se presidente executivo da Mota-Engil.
Não há ilegalidade, mas há muita promiscuidade. A construtora passou a ter dois ex-ministros e um ex-secretário de Estado das Obras Públicas na direcção.
a) - Jorge Coelho atribuiu mais de mil milhões de euros em concessões rodoviárias a consórcios liderados pela Mota-Engil enquanto ministro. E agora prepara-se para liderar aquela que é a maior construtora portuguesa- Mota Engil . Ilegal? Não. Mas levanta questões de ética e de potenciais conflitos de interesses.
João Cravinho, o antecessor de Jorge Coelho na pasta das Obras Públicas disse ao Expresso, sem querer comentar este caso em particular, que “é intolerável definir parcerias público-privadas e depois gerir esses interesses particulares”. Mas a Mota-Engil é uma empresa de ex-governantes.
b) - Durante a sua passagem pelo Ministério do Equipamento Social (Obras Públicas), 1999 e 2001, Jorge Coelho tem intervenção em duas das principais auto-estradas SCUT atribuídas à Mota-Engil: Na altura, era secretário de Estado Luís Parreirão, que há quase seis anos é um dos principais gestores da Mota-Engil e responsável pelas concessões.
LEIA A LISTA LONGA NESTE LINK
 ·  Translate
Tweet Por incrível que pareça ao consultar a compilação que se segue, irá perceber que em Portugal os "suspeitos" reincidem uma e outra vez, sem pudor, o que reflecte falta de medo, de vergonha e excesso de impuni...
View original post
4
Alfredo Soares (James)'s profile photo
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Actualidade e Partidos Políticos  - 
 
Uma turma do privado custa hoje 80500 €, dizem-nos, e lá teremos de acreditar porque não temos os dados para calcular. Do mesmo modo dizem que uma turma do publico custa uns superiores 97000.
Acontece que ainda há 3 anos a mesma turma do privado custava mais 100 mil e só com a troika é que os valores desceram.
O que nos garante portanto, que daqui por uns anos (poucos) o Estado não irá ser chantageado, como é habitual, a subir de novo o pagamento pelas turmas privadas.
A estratégia tem sido sempre a mesma. Da energia, ás telecomunicações e às PPP, o método é sempre o mesmo. O que é preciso é criar dependência do Estado face ao privado. Depois de criada essa ligação, o preço é simples de fabricar e o pagante também está logo encontrado, somos todos nós.
 ·  Translate
 
"Um património educativo ímpar no nosso país vai ser destruído. A nossa comunidade vai ficar mais pobre. Que interesse tem transferir, à força, milhares de crianças para escolas que ficam mais caras ao Estado e que as famílias não querem?"
A crónica de Manuel Araujo:
 ·  Translate
1 comment on original post
2
1
Add a comment...

Pedro Moura
moderator

Actualidade e Partidos Políticos  - 
 
Hoje estou em maré de Reformas Estruturais!!
Agora apresento uma relativa a Gorduras do Estado.
Aquela coisa que ninguém sabe bem o que é, mas que se existir é para aplicar aos outros... Aqui está uma.
 ·  Translate
 
"No ano de 2011 o IFAP atribuiu subsídios no valor de €9.823.004,34 às empresas e membros das famílias da tauromaquia:
No passado dia 21/03/2012 foi publicada no Diário da República a lista dos subsídios atribuídos pelo IFAP no 2.º semestre de 2011, tal como se havia publicado a listagem relativa ao 1.º semestre de 2011 no dia 26/09/2011.
Desde 2006 as famílias da tauromaquia e suas empresas, receberam milhares de Euros, do IFAP, Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas... ou será de parasitas e toureiros?
Ortigão Costa - 1.236.214,63 €
Lupi - 980.437,77 €
Passanha - 735.847,05 €
Palha - 772.579,22 €
Ribeiro Telles - 472.777,55 €
Câmara - 915.637,78 €
Veiga Teixeira - 635.390,94 €
Freixo - 568.929,14 €
Cunhal Patrício - 172.798,71 €
Brito Paes - 441.838,32 €
Pinheiro Caldeira - 125.467,45 €
Dias Coutinho - 389.712,42 €
Cortes de Moura - 313.676,87 €
Rego Botelho - 420.673,80 €
Cardoso Charrua - 80.759,12 €
Romão Moura - 248.378,56 €
Brito Vinhas - 53.686,78 €
Romão Tenório - 283.173,89 €
Sousa Cabral - 318.257,79 €
Varela Crujo - 188.957,35 €
Assunção Coimbra - 330.789,44 €
Murteira - 137.019,76 €

Subsídios em sistema de regabofe? Afinal a economia de Portugal é sustentada pelo estado? É assim que se promove a produtividade? A competitividade? A concorrência leal? Que se desgasta o erário público? Uma lista que se prolonga por dezenas de páginas e onde se podem identificar nomes sonantes da Tauromaquia e seus familiares.
(Se quiser pesquisar os nomes nas listas basta abrir nos links que indico e quando estiver na página carrega nas teclas ctrl+g, que abre um caixa de busca no canto superior da página, depois é só escrever os nomes que quer pesquisar, e estes ficarão assinalados a cor.)
1º Semestre de 2011, 2º Semestre de 2011, 1º Semestre 2012, 2º Semestre 2012.
É assustador... Os poucos que trabalham neste país, e que ainda possuem emprego, são obrigados a sustentar tanto parasitismo?
Isto é uma vergonha, mesmo os que abominam as touradas, mesmo os que passam fome e não podem fugir aos impostos, têm que pagar subsídios a estes senhores... e bem chorudos...? Temos que sustentar luxos da igreja? E subsídios para teatros? Um em cada esquina? Não tens emprego? Tens fome? Abre um teatrinho ou pede subsídios ao IFAP!
Não há carga fiscal que aguente tanta má gestão e parasitismo dos nossos impostos.

Para o caso de querer conhecer mais a fundo, como vivem bem, estes senhores das touradas, que cobram bilhetes caros para torturar animais, mas ainda recebem milhares de euros do estado...

1 - Parte- 2.600.000,00 € dos contribuintes gastos em subsídios para as Touradas nos Açores de 2004 a 2010!!
8.000,00 € - Associação Regional de Criadores de Toiros da Tourada à Corda (Portaria n.º 416/2004 de 6/7)
8.000,00 € - Associação Regional de Criadores de Toiros da Tourada à Corda (Portaria n.º 428/2004 de 1/6)
13.250,00 € - Associação Regional de Criadores de Toiros da Tourada à Corda (Despacho n.º 399/2004 de 25/5)
2.000,00 € - Tertúlia Tauromáquica Terceirense (Despacho n.º 399/2004 de 25/5)
1.000,00 € - Mário Miguel Simão Fernandes Silva – Terceira (Despacho n.º 399/2004 de 25/5)
1.000,00 € - Tiago Sousa Pamplona Reis – Terceira (Despacho n.º 399/2004 de 25/5)
1.000,00 € - Jorge Humberto Ávila Silva – Terceira (Despacho n.º 399/2004 de 25/5)
66.000,00 € - Associação Regional de Criadores de Toiros da Tourada à Corda (Portaria n.º 634/2005 de 13/12)
923,78 € - Luísa de Fátima Dias Cota Rocha – Terceira (Despacho n.º 1212/2005 de 25/10)
1.500,00 € - Tiago Sousa Pamplona Reis – Terceira (Despacho n.º 1212/2005 de 25/10)
1.500,00 € - Tiago Sousa Pamplona Reis – Terceira (Despacho n.º 1212/2005 de 25/10)
250,00 € - Tertúlia Tauromáquica Terceirense (Município de Paia da Vitória em 2006)
1.250,00 € - Tourada Estudantes Sebastião Bendito (Município de Angra do Heroísmo em 2007)
1.000,00 € - Tertúlia Tauromáquica Terceirense (Município de Angra do Heroísmo em 2007)
19.484,00 € - António Manuel da Rocha Ferreira - Aluguer de toiros de lide para Sanjoaninas 2009 (Culturangra)
17.622,60 € - Transporte de 12 cavalos de lide, entre Lisboa e a ilha terceira, Sanjoaninas 2009 (Culturangra) CONTINUAR A VER A LISTA EM :: http://apodrecetuga.blogspot.pt/2012/05/agora-vai-saber-verdadeira-razao-porque.html#.V0wUJ5ErLIU
 ·  Translate
Tweet "No ano de 2011 o IFAP atribuiu subsídios no valor de €9.823.004,34 às empresas e membros das famílias da tauromaquia: No passado dia 21/03/2012 foi publicada no Diário da República a lista dos subsídios atri...
1 comment on original post
6
Add a comment...
People
Have him in circles
336 people
Josinete Silva Paz's profile photo
Miguel Ruibal's profile photo
Carlos Correia's profile photo
Dawn Mission Engagement and Communications (E/C)'s profile photo
Action Direct Limited's profile photo
taru ime's profile photo
Maria Ema “pukinha” dos Santos Puka's profile photo
shri paul Sharma's profile photo
miguel castanheira's profile photo
Basic Information
Gender
Male
Apps with Google+ Sign-in
  • CSR Racing
Story
Tagline
"excuse the fuck out of me", Vince Masuka
Especialistas em carne. Convém reservar pq é pequeno mas vale bem a pena.
Food: Very GoodDecor: Very GoodService: Very Good
Public - 2 years ago
reviewed 2 years ago
Provei a francesinha deles no festival na baixa e foi decididamente a pior que comi até hoje.
Public - 3 years ago
reviewed 3 years ago
Boas e económicas refeições
Quality: GoodAppeal: GoodService: Good
Public - 3 years ago
reviewed 3 years ago
Não esquecer de pedir miscaros e a fabulosa Pizza de cogumelos selvagens e trufas negras... Já agora experimentem o hamburger especial deles e a francesinha híbrida!
Food: ExcellentDecor: Very GoodService: Very Good
Public - 3 years ago
reviewed 3 years ago
9 reviews
Map
Map
Map
Atmosfera acolhedora, confortável e boa comida.
Public - 3 years ago
reviewed 3 years ago
Gostei muito do anho com arroz de forno e da vazulaque de anho! Querem saber o que é vazulaque? Ide lá meus amigos, ide lá.
Food: Very GoodDecor: GoodService: Good
Public - 3 years ago
reviewed 3 years ago
Ambiente mt tranquilo, projecto interessante
Food: Very GoodDecor: ExcellentService: Excellent
Public - 4 years ago
reviewed 4 years ago