Profile cover photo
Profile photo
Antonio Auggusto João
105 followers -
Escritor
Escritor

105 followers
About
Communities and Collections
View all
Posts

Post has attachment

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment

Post has attachment
Quando o amor é sincero e verdadeiro como nas Cartas Poéticas, não existe situação difícil, pois se tem fidelidade, comprometimento e parceria. Quando se ama de verdade deve existir um só coração e duas pessoas. Que bom seria se o amor pudesse ser eterno, mas sabemos que o outro lado do amor, ou a indiferença, fere na alma quando estamos sob o domínio da inveja, que culmina na traição. Mas, para que isso nunca acontece, precisamos aprender a enxergar a alma ao corpo, pois mesmo a alma sendo “transparente” a íris é “cristalina”, as cores mais vivas, mais vibrantes e o gosto do beijo transcende o mais alto grau da subsistência. De certo que é preciso saber amar para poder viver, para poder viver além da vida, quando daí, verdadeiramente, poderemos afirmar com a absoluta certeza que o amor é eterno!
AAJ
Photo

Post has attachment
Quando o amor é sincero e verdadeiro como nas Cartas Poéticas, não existe situação difícil, pois se tem fidelidade, comprometimento e parceria. Quando se ama de verdade deve existir um só coração e duas pessoas. Que bom seria se o amor pudesse ser eterno, mas sabemos que o outro lado do amor, ou a indiferença, fere na alma quando estamos sob o domínio da inveja, que culmina na traição. Mas, para que isso nunca acontece, precisamos aprender a enxergar a alma ao corpo, pois mesmo a alma sendo “transparente” a íris é “cristalina”, as cores mais vivas, mais vibrantes e o gosto do beijo transcende o mais alto grau da subsistência. De certo que é preciso saber amar para poder viver, para poder viver além da vida, quando daí, verdadeiramente, poderemos afirmar com a absoluta certeza que o amor é eterno!
AAJ
Photo

Post has attachment
Quando o amor é sincero e verdadeiro como nas Cartas Poéticas, não existe situação difícil, pois se tem fidelidade, comprometimento e parceria. Quando se ama de verdade deve existir um só coração e duas pessoas. Que bom seria se o amor pudesse ser eterno, mas sabemos que o outro lado do amor, ou a indiferença, fere na alma quando estamos sob o domínio da inveja, que culmina na traição. Mas, para que isso nunca acontece, precisamos aprender a enxergar a alma ao corpo, pois mesmo a alma sendo “transparente” a íris é “cristalina”, as cores mais vivas, mais vibrantes e o gosto do beijo transcende o mais alto grau da subsistência. De certo que é preciso saber amar para poder viver, para poder viver além da vida, quando daí, verdadeiramente, poderemos afirmar com a absoluta certeza que o amor é eterno!
AAJ
Photo

Post has attachment

Post has attachment
Bom dia!
Bom domingo!!

Todo ano eu lanço um livro no natal é esse ano não vai ser diferente. Apesar de um ano difícil que passei e estou passando, devido a problemas de saúde, voltei a escrever e para agradecer a Deus pela saúde e pela inspiração, estou trabalhando firme para lançar esse livro no Natal!
Graças a Deus!
AAJ
Photo
Add a comment...

Post has attachment
AS ROSAS SOBRE À MESA

Os livros, os filmes e os discos, esses, você não vai poder levar. Não vão lhe fazer falta.
Da cabeceira da cama vou tirar o teu retrato... não vou querer recordar.
Ao pisar no jardim, não deixe rastros sem saída e não estrague as plantas murchas que estão tentando reviver. Não pise fundo e nem espalhe as terras negras, pois vem de lá toda a inspiração dos versos da minha desilusão. Ao sair de casa, não bata a porta, pois eu não estarei vendo a tua ira. Passando pela sala de estar, junto à mesa de jantar, não se esqueça de recolher as Rosas Sobre à Mesa: Elas não vivem mais. Ficaram murchas, cresceram-se em espinhos, secaram com o tempo, morreram como o amor que um dia eu e você pensamos ter existido.
AAJ
http://portaldoauggusto.blogspot.com.br/?m=0
Photo
Add a comment...

Post has attachment
AS ROSAS SOBRE À MESA

Os livros, os filmes e os discos, esses, você não vai poder levar. Não vão lhe fazer falta.
Da cabeceira da cama vou tirar o teu retrato... não vou querer recordar.
Ao pisar no jardim, não deixe rastros sem saída e não estrague as plantas murchas que estão tentando reviver. Não pise fundo e nem espalhe as terras negras, pois vem de lá toda a inspiração dos versos da minha desilusão. Ao sair de casa, não bata a porta, pois eu não estarei vendo a tua ira. Passando pela sala de estar, junto à mesa de jantar, não se esqueça de recolher as Rosas Sobre à Mesa: Elas não vivem mais. Ficaram murchas, cresceram-se em espinhos, secaram com o tempo, morreram como o amor que um dia eu e você pensamos ter existido.
AAJ
http://portaldoauggusto.blogspot.com.br/?m=0
Photo
Wait while more posts are being loaded