Profile

Cover photo
Pedro Rama da Silva
12 followers|71,038 views
AboutPostsPhotosVideos

Stream

Pedro Rama da Silva

commented on a post on Blogger.
Shared publicly  - 
 
Gosto sempre bastante destes teus posts filosóficos sobre os BGs.
Como sou antes de mais um solo gamer (moro em Óbidos e isto de me juntar a pessoal vs tempo para a família é complicado), consigo conjugar as duas coisas.
Antes de mais, tenho-me tentado controlar ao nível dos jogos para não comprar jogos com mecânicas ou temáticas muito semelhantes. Assim, por exemplo, sou um adepto fervoroso do KS, na medida em que permite ver uma maior variedade de mecânicas em jogos.
Um bom exemplo, apoiei o Shadows of Brimstone, pois não tinha nenhum dungeon crawler soloable. Mas, também apoiei o Myth. Ora, o primeiro tem uma temática western, enquanto o segundo tem uma temática high fantasy. O primeiro tem uma mecânica mais dice-y e o segundo uma mecânica mais de cartas e deckbuilding (não sendo um verdadeiro deckbuilder).
Mas, apoiei agora o Gloomhaven, que para mim me parece será um excelente dungeon crawler, pois apesar da temática high fantasy (como o Myth) tem umas mecânicas altamente inovadoras.
Tudo isto para dizer o quê? Que reduzi bastante a compra de jogos aos que se podem jogar a solo e aos que tenham mecânicas ou temáticas inovadoras (ou pelo menos que eu ainda não tenha).
Isto porquê? Porque sinto que se tiver demasiados jogos não os consigo jogar a todos e depois tenho diversos em banho maria.
Com a vertente social tudo isto se complica claro.
Mas, em conclusão, prefiro jogar um leque variado mas restrito (que mesmo assim obriga a um exercício mental forte para alterar entre 30 jogos com regras completamente diferentes dada a variedade que pretendo), do que estar a jogar sempre aos mesmos (jogos com regras semelhantes), e do que estar a jogar sempre jogos novos. Jogar jogos novos para mim reservo para convenções. Aí gosto de experimentar, na medida em que não preciso de aprender as regras a fundo.
That's my two cents :)
 ·  Translate
Podem gostar de jogos de tabuleiro e não serem massivos colecionadores ou viciados em conhecer todas as novidades sobre o tema – e são tantas que é quase impossível seguir tudo. Podem ser daqueles e daquelas aficionados e afi...
1
Add a comment...

Pedro Rama da Silva

commented on a post on Blogger.
Shared publicly  - 
 
Boas.parabens pelo texto.gosto sempre de vir aqui espreitar para um momento de introspecao e dps comentar se for caso disso.
Neste caso, eu jogo sempre para ganhar,excepto quando jogo com o meu filho de 5 anos. Ai tento reduzir o meu jogo, para ver se ele apanha as mecanicas e se dps me dá luta. Nao o deixo ganhar por ganhar.
Ja qd jogo c a minha mulher, nessas raras vezes jogo para ganhar mas tento nao explorar a experiencia que tenha com o jogo.
Por exemplo, outro dia ensinei lhe o Archipelago, jogamos e sem saber mt bem cm nem pq ela ganhou-me, mas aos pontos, e eu de facto estAva a tentar ganhar. Ou seja a mim e a ela deu nos mt mais gozo jogarmos assim.
Cm disse no comentario ao texto anterior, agora tenho principalmente solos ou cooperativos, o que faz com que possa estar mais concentrado em ganhar e menos em nao ferir susceptibilidades. Ja joguei risco com pessoal que nao ficou mada contente por eu me lembrar de uma regra a meio do jogo e a querer usar.pessoal batido no risco, mas que nunca tinha lido o manual. 
 ·  Translate
O texto de hoje tenta refletir sobre a atitude face ao jogo de tabuleiro que me encontro a jogar. Devo procurar vencer em todas as ocasiões ou apenas quando estou a abertamente a competir com os outros? Esta questão surge-me...
1
Add a comment...

Pedro Rama da Silva

commented on a video on YouTube.
Shared publicly  - 
 
coop games that can't be played solo? that's... ridiculous, to say the least. Of course it can be played solo. It's ridiculous for pandemic to have 2-4 players on the box. It's bad advertisement. There's no solo rules? that's ok, you don't have to have solo rules, because you can play 2 characters yourself! they are not competing against anyone. It's like the idiotic rule that you can't show your hand, but you can talk about it with other people. Say what?... 

Pedro Rama da Silva

commented on a post on Blogger.
Shared publicly  - 
 
Interessante. Por essas e por outras é que optei por me focar mais em jogos solo.
Um dos meus jogos fetiche é o world of warcraft com as expansoes.mas nao é para todos.demora tempo.
 ·  Translate
1
Micael Sousa's profile photo
 
Confesso que o jogo a solo não me fascina, ai penso que os boardgames perdem para os jogos de PC. A grande vantagem do BG será mesmo a possibilidade de jogar em conjunto presencial.
 ·  Translate
Add a comment...

Pedro Rama da Silva

commented on a post on Blogger.
Shared publicly  - 
 
Tópico muito interessante para o debate.eu, curiosamente, dada a falta de tempo para andar de um lado para o outro e as minhas obrigações familiares impus-me um limite que basicamente passa por nao comprar nada que não possa ser jogado solo, nem com flavor ou mecânicas iguais. Há excepções como o village, o yedo ou o catacombs, mas abro-as mais por causa da minha mulher ou dos meus filhos. De resto já desisti de muitos kickstarters e jogos por serem mais do mesmo (p.e. dungeoncrawlers) em que ou o flavour ou as mecanicas só mudam ligeiramente. Com isto acabo por me limitar ( se ao menos nao comprasse jogos de 70 euros. ). Mas depois há sempre a veia de colecionador e nao resisto a deixar passar um space hulk, warhammer quest ou heroquest lol
 ·  Translate
Em mais um texto de opinião abordo um tema que deve ser familiar a muitos dos aficionados deste hobbie dos jogos de tabuleiro. A partir do momento em que se começa a entrar neste mundo as solicitações e vontade de comprar jog...
1
Add a comment...
Basic Information
Gender
Male