Profile cover photo
Profile photo
Marcelo Monteiro
356 followers -
I am an acme of things accomplished And I am an enclosure of things to be (Sou um ápice de coisas realizadas/Eu sou um cercado de coisas que serão) Walt Whitman
I am an acme of things accomplished And I am an enclosure of things to be (Sou um ápice de coisas realizadas/Eu sou um cercado de coisas que serão) Walt Whitman

356 followers
About
Marcelo's posts

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment
Vídeo da performance no lançamento da coleção "Mergulho Abyssal" de Vanessa berg, no Estúdio Hybrido. 

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment
PhotoPhotoPhotoPhotoPhoto
Mergulho Abyssal coleção de Vanessa Berg - Estúdio Hybrido 4 anos
27 Photos - View album

Post has shared content
Dia 6 de Junho no Vila Flores, Rua Hoffmann 447, as 19h, a exposição com performance ao vivo do Projeto 3s
O Estúdio Hybrido apresenta pela primeira vez ao público, um recorte do "Projeto 3s".

Abertura no dia 06 de Junho de 2015 as 19h, com performance do grupo ao vivo as 20h.
Local: Vila Flores - Rua Hoffmann 447 - Bairro Floresta - Porto Alegre 

O projeto é composto por:

Marcelo Monteiro - artista visual
Marcio Vaz - artista visual
Carla Vendramin - bailarina
Hugo Varella - poeta/visual/musical
Joana Castilhos - artista visual
Vanessa Berg - design de moda
Cassio Forti - musico
Scafandro - grupo musical experimental

“O artista avança, recua, debruça-se, franze os olhos, comporta-se com todo o seu corpo como um acessório de seu olho, torna-se por inteiro órgão de mira, de pontaria, de regulagem, de focalização.” (Valéry, 2003, p. 71)

"Se a minha virtude é uma virtude de bailarino; se muitas
vezes saltei de pés juntos em êxtase de ouro e esmeralda; e se
meu Alfa e Ômega é que tudo o que é pesado se torne leve,
todo corpo vire bailarino, todo espírito vire pássaro: então, em
verdade, é isto o meu Alfa e Ômega."
(Nietzsche

"A linha, como deslocamento do ponto no espaço e no tempo, constitui o registro mais fiel do movimento."(T.Poester)

3s - O projeto
O Estúdio Hybrdo, a partir de uma pesquisa de Marcelo Monteiro, organizou uma ação de modelo vivo em movimento com o intuito de unir em um mesmo processo criativo diferentes linguagens artísticas. A base para o início de um diálogo entre os artistas escolhidos pelo Estúdio Hybrido surgiu dos escritos de Paul Valery sobre os desenhos das bailarinas de Degas, do gesto e do desenho de Caribé e da pesquisa de Teresa Poester sobre o gesto no desenho, entre influências de outros autores (Michaux, arte oriental). Usando ainda um vídeo (“Beams Story”, do artista Matthew Dear) como referência inicial, Marcelo fez, por meio da
rede social, o convite aos artistas escolhidos e, através da web, se iniciou uma conversa plena de possibilidades criativas. A proposta: fazer 3 encontros, de aproximadamente 3 horas cada, no período de uma semana. Foi acordado que o centro da ação seria a bailarina, e todos
artistas, de maneira livre e crescente, buscariam alcançar uma sincronia iniciada pelos ritmos e gestos da primeira (e também pelas impressões das ações dos artistas entre si). As áreas artísticas envolvidas no processo foram: dança, música, desenho, pintura, fotografia, vídeo e
poesia. O processo possibilitou a cada integrante do projeto a consciência de seu próprio processo criativo e, ao mesmo tempo, uma amplificação dos sentidos e da percepção do todo.
Consequentemente, gerou um diálogo simultâneo e plural entre as ações e criações das diversas áreas artísticas envolvidas. A proposta tinha uma intenção mais experiencial do que experimental, indo ao encontro da experiência vivida, e consistiu em cada artista tentar resgatar o tempo do gesto e do movimento no tempo da ação. Essa proposta nos remeteu ao
nome do projeto - “3s”, ou seja, 3 segundos - tempo que o cérebro humano leva para registrar o tempo presente. A dinâmica do processo não teve a pretensão de chegar a uma conclusão, mas ao invés disso, se aproximar do caráter de “poiética”, tema este também estudado por
Valery, que trata a obra-sendo-feita, ou seja, é uma reflexão sobre o que está em obra na obra, dos meandros do processo criativo.

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment
Wait while more posts are being loaded