Profile cover photo
Profile photo
Michelle Saimon
117 followers -
Reikiana, estudante e psicologia e poeta nos caminhos e na página/blog Sobre Dias Nublados. Instagram: @sobre.dias.nublados
Reikiana, estudante e psicologia e poeta nos caminhos e na página/blog Sobre Dias Nublados. Instagram: @sobre.dias.nublados

117 followers
About
Posts

Post has attachment
Me pinto sim
Um  velho homem que
só conheço de rosto O moço barbudo que chega e diz “Porque você se faz tão senhora? Se pinte não, que você fica velha, moça.” Me pinto sim porque sou senhora Porque vivo a me fantasiar de mim Por querer me assemelhar as borboletas Colori...
Add a comment...

Post has attachment
No verso e na pinga
No verso e na pinga, O mundo do poeta gira No verso e na pinga, O poeta pinga e mancha o papel. Se mancha em saudade Toda vez que se desmancha em nostalgias E sua canção  de
noite pinga quando há lua Pinga em chuva quando há dia Dia de sol, pinga raio Em te...
Add a comment...

Post has attachment
Dos janeiros
E de
novo é janeiro. Mal posso acreditar em como é possível sobreviver a rotações
assim, tão rápidas. Ilesos nem tanto, é verdade. Um tanto machucados às vezes,
mas esquecemos quando a ferida dá sinais de cicatrização. Esquecemos tanta coisa.
Só se sobreviv...
Add a comment...

Post has attachment
Livro: Cabaré - Luiz Menezes de Miranda
Nunca mais havia falado sobre livros aqui no blog, porém agora é
preciso. Primeiro, gostaria de parabenizar o poeta por isso. O livro ficou
lindo! O lançamento mais lindo ainda. E agradecer por ter me dado um de
presente. O primeiro contato que tive com os ...
Add a comment...

Post has attachment
Descalços
Deu um giro até alcançar o que lhe afetava os pés descalços. Esse chão foi feito para pisar assim, sim senhor. Os chinelos não deixam sentir direito a umidade do limo. E tudo que é úmido, vive e respira coisas que a gente nem vê, sente. Chinelos só prendem ...
Add a comment...

Post has attachment
Delcalços
Deu um giro até alcançar o
que lhe afetava os pés descalços. Esse chão foi feito para pisar assim, sim
senhor. Os chinelos não deixam sentir direito a umidade do limo. E tudo que é
úmido, vive e respira coisas que a gente nem vê, sente. Chinelos só prendem ...
Add a comment...

Post has attachment
Quero, logo existo.
Escapismos não imprimem em
mim nenhuma mágoa. E mais, acho essa palavra tão linda... Só quero pegar o que
em mim foge. Pertenço a eras que não me pertencem, mas nisso me dou. Faltante me faço e me
refaço, transitando por uma verdade ou outra. Por tantos rio...
Add a comment...

Post has attachment
Busca
Nos abraços do mundo é
que reencontrava seus instintos cobertos das mais densas seivas, nos
esconderijos sem nome. Agora o vento sopra diferente e as correntes já não
fazem tanto barulho, meu amor. Elas quebraram enquanto corria em busca de maçãs
maduras. E...
Add a comment...

Post has attachment

Post has attachment
Do que não sei nomear
Parece que tudo que importa,
vêm na forma deste crepúsculo que me atinge certeiro. E vem  como uma flecha. Nestas ocasiões, algo aqui
se manifesta na mente e penso o quanto sou nada perto de certas coisas. Mas o
quanto sou tudo também. Formada da mesma ener...
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded