Profile cover photo
Profile photo
ONEIDA MATOS
64 followers -
Pessoas inteligentes falam de idéias, pessoas comuns falam de coisas e pessoas medíocres falam de outras pessoas.
Pessoas inteligentes falam de idéias, pessoas comuns falam de coisas e pessoas medíocres falam de outras pessoas.

64 followers
About
Posts

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
Execelente!!
Add a comment...

Post has attachment
Photo

Post has attachment
Amar por amor

Amar por amor é falar tudo e nada
Na profundeza de um olhar infinito,
E lentamente procurar o sim dito
Dentro do olhar da amante amada.

Buscar no arrepio da pele a suavidade
E o frescor aveludado da manhã,
O aroma inconfudível da paixão
Aguçado ao sabor úmido da avelã.

É sorver, morder e beijar ardentemente
E com a pureza de um inocente
Aos caprichos se abandonar.
Deixar que um gemido ecoe docemente
Menos que isso é transa simplesmente
Amar é se perder querendo se doar.

(Oneida Matos - Poetisa)
Photo

Post has attachment
Amar por amor

Amar por amor é falar tudo e nada
Na profundeza de um olhar infinito,
E lentamente procurar o sim dito
Dentro do olhar da amante amada.

Buscar no arrepio da pele a suavidade
E o frescor aveludado da manhã,
O aroma inconfudível da paixão
Aguçado ao sabor úmido da avelã.

É sorver, morder e beijar ardentemente
E com a pureza de um inocente
Aos caprichos se abandonar.
Deixar que um gemido ecoe docemente
Menos que isso é transa simplesmente
Amar é se perder querendo se doar.

(Oneida Matos - Poetisa)
Photo

Post has attachment
Amar por amor

Amar por amor é falar tudo e nada
Na profundeza de um olhar infinito,
E lentamente procurar o sim dito
Dentro do olhar da amante amada.

Buscar no arrepio da pele a suavidade
E o frescor aveludado da manhã,
O aroma inconfudível da paixão
Aguçado ao sabor úmido da avelã.

É sorver, morder e beijar ardentemente
E com a pureza de um inocente
Aos caprichos se abandonar.
Deixar que um gemido ecoe docemente
Menos que isso é transa simplesmente
Amar é se perder querendo se doar.

(Oneida Matos - Poetisa)
Photo

Post has attachment
Amar por amor

Amar por amor é falar tudo e nada
Na profundeza de um olhar infinito,
E lentamente procurar o sim dito
Dentro do olhar da amante amada.

Buscar no arrepio da pele a suavidade
E o frescor aveludado da manhã,
O aroma inconfudível da paixão
Aguçado ao sabor úmido da avelã.

É sorver, morder e beijar ardentemente
E com a pureza de um inocente
Aos caprichos se abandonar.
Deixar que um gemido ecoe docemente
Menos que isso é transa simplesmente
Amar é se perder querendo se doar.

(Oneida Matos- Poetisa)
Photo
Add a comment...

Post has attachment
UM DIA DE VERÃO

Pela manhã, logo cedo
Na primeira hora ela aparece,
Saudando o sol que acorda,
Louvando o dia que amanhece.

Bailando de um lado a outro,
Anunciando o calor da estação,
A dançante borboleta revela:
É um dia lindo de verão!

As cores que nas asas cintilam,
Não há decorador que as faça,
Igual o Criador não existe,
E ela se mostra com graça.

Bem delicada a flor poliniza
Uma lei natural que obedece
Pois assim o jardim que visita
A cada ano cresce e floresce
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
DESEJOS CONTIDOS

Meus sentidos atravessam fronteiras
na ânsia te procura o meu desejo
sinto a maciez no toque dos seus dedos
deslizando o caminho nunca alcançado
descobrindo cada ponto sensível no tato
meu delírio arrisca-te um beijo...na boca!
E o amor se faz carne,
deslumbrante em sonora cantiga,
almejante,
latejante,
magoado.
Na eterna a busca ao deleite
os corpos insinuam bailado,
explode em gemido exasperado
e flui pelos lençóis,
arrebatado.!
Photo
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded