Profile

Cover photo
Carlos Henrique Xavier
58 followers|17,439 views
AboutPostsPhotosVideos

Stream

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 
    Se  têm  uma  coisa  que  eu  já  ando  cansado  nesse  País,  chamado  Brasil,  é    não  sei  se  insistência,  ignorância,  teimosia  ou  o  que  lá  mais  -  do  brasileiro  de  achar  que  comida  é  arroz  e  feijão.  Se  você,  no  almoço,  optar  por  comer  apenas  pão  com  salsicha  ou  mussarela,  ou  alguma  outra  coisa,  dizem:  “  Não  vai  almoçar,  não?  Não  vai  comer  comida,  não?”,  e  coisas  do  tipo.
    Tudo  se  baseia  nesse  dualismo  do  “arroz  e  feijão”.  É  o  chamado  preto  no  branco.  Parece  que  no  Brasil  só  existem  duas  cores:  o  preto (que  aqui  representa  o  feijão),  e  o  branco (que  aqui  representa  o  arroz).
    Parece  que  se  não  houver  um  arroz  e  um  feijão,  o  brasileiro  parece  achar  que  vai  morrer  sufocado.  O  arroz  e  feijao  no  Brasil,  mais  parece  uma  religião  e  uma  deidade  do  que  outra  coisa.
    Não  tenho  nada  contra  quem  quiser  comer  arroz  e  feijão.  Mas,  o  arroz  e  feijão  não  são  o  básico  da  vida,  não  são  uma  alimentação  básica.  Aliás,  não  existe  uma  espécie  de  alimento  básico  que  você  deve  obrigatoriamente  comer.
    De  segunda  a  segunda,  ou  de  segunda  a  Sábado,  têm que  ter  o  arroz  e  feijão.  Eita  povo  que  não  sabe  variar  o  cardápio,  e  que  se  recusa  a  experimentar  novos  tipos  de  alimentação!
    Por quê  em  vez  de  arroz  e  feijão  todo  dia,  não  se  começa  a  cada  dia  da  semana  fazer  uma  coisa  diferente?  Pôr  exemplo:
Segunda-feira:  nhoque
Terça-feira:  lasanha
Quarta-feira:  pizza
Quinta-feira:  cachorro  quente  e  torta  de  frango
Sexta-feira:  Hambúrger
E  assim  por  diante.
    Usem  a  imaginação,  a  cabeça,  para  que  a  cada  dia  tenha  algo  novo,  diferente,  inovador  para  se  comer.
    Está  na  hora  dessa  mentalidade  brasileira  de  que  o  básico  e' o  arroz  e  feijão,  é  o  branco  no  preto,  mudar,  e  o  brasileiro  começar  a  ver  que  a  vida  não  se  resume  a  apenas  arroz  e  feijão,  e  que  devido  a  essa  mentalidade  está  deixando  de  experimentar  coisas  novas,  novas  formas  de  alimentação,  e  deixando  de  viver  a  vida  como  se  deve  viver.
    Esse  negócio  de  arroz  e  feijão,  já  ficou  algo  chato,  algo  chatíssimo  mesmo.
    Está  na  hora  de  haver  uma  mudança  na  mentalidade  dessa  sociedade  brasileira,  e  de  todos  verem  que  arroz  e  feijão  não  é  o  básico,  que  deixar  o  arroz  e  feijão,  e  experimentar  outros  tipos  de  refeições  não  será  o  fim  do  mundo,  e  que  a  vida  é  muito  mais  do  que  arroz  e  feijão.
    Por quê  nessa  segunda-feira,  pôr  exemplo,  não  deixar  o  arroz  e  feijão  de  lado,  e  não  fazer  e  não  comer  um  nhoque,  ou  senão,  um  delicioso  hambúrger,  ou  cachorro  quente,  ou  senão  fazer  uma  deliciosa  mandioca  frita  e  comer  com  lasanha,  macarrão  e  uma  deliciosa  carne  de  frango?
    Ninguém  vai  morrer  por  não  comer  arroz  e  feijão,  ou  por  deixar  de  lado  arroz  e  feijão.
    Fica  aí  a  dica  para  que  tenhamos  uma  sociedade  melhor  e  menos  preto  no  branco.
    Atenciosamente,  Carlos  Henrique  Xavier.
 ·  Translate
1

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 
Usar palavrões, falar palavrões, não é sinônimo de civilidade, mas de falta de civilidade. Quem é civilizado não fala e não pronuncia palavrões.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
1

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 

Uma pessoa pode ter uma ótima argumentação e a estar a convencer toda uma platéia daquilo que ela diz. Mas, por um único palavrão que vier a proferir, toda a platéia que estava a ser convencida de seus argumentos, rejeitará toda a argumentação e não lhe dará ouvidos.
Muitos acabam deixando de convencer pessoas que estavam dispostas a aceitarem seus argumentos justamente, porquê, se achando sábios aos seus próprios olhos, decidiram por falarem palavrões, e com isso, cuspiram na própria comida que haviam preparado.
Portanto, nunca fale palavrões. E se é uma pessoa acostumada a falar palavrões, se esforce para deixar de falá-los. Abandone o hábito de falar palavrões, e verás como às coisas mudarão em sua vida para melhor.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
1

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 

Quem usa de palavrões para vencer debates ou para conseguir derrotar argumentos contrários, na realidade, já perdeu desde o início.
Palavrão não faz de ninguém um ser mais respeitável, mas só demonstra a falta de educação que tal pessoa têm.
É preferível uma pessoa ignorante ao seu lado, mas que não fala palavrões; do que uma pessoa estudada, mas que só sabe falar palavrões ou que gosta de falar palavrões e que não acha ruim de os falar.
Miserável é o homem que fala palavrões. Bendito é o homem que os evita e que sabe falar sem o uso de palavrões.
Quem quiser compartilhar esse post assim como meus outros posts, pode compartilhar com seus amigos.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
1

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 

Pais e mães se o seu filho disser: “Eu sou uma menina”. Ou sua filha vier a lhe dizer: “Eu sou um menino”, não riam, nem achem engraçado, nem pensem que é apenas uma fase. Corrijam a esse vosso filho ou a essa vossa filha imediatamente.
É nas mínimas coisas, que parecem serem inocentes, que se começa a confusão sexual, em que o mal pode começar a se instalar.
Vocês podem nem terem idéia, mas é nesse tipo de coisa, quase inocente, que se é uma raiz de algo ruim, que vai prejudicar o crescimento normal de seus filhos e filhas, levando-os a viverem uma vida achando algo que não é real.
Esse tipo de coisa não é brincadeira inocente. Procurem conversarem com seu filho ou filha, os orientando da forma correta, e procurem saberem se alguém os influenciou a dizerem tal coisa, ou se foi influência da TV, de algum desenho, novela, personagem, ou de alguma coisa.
O mal deve ser cortado pela raiz. Mostre a sua filha que ela é uma menina, e que uma menina é bem diferente de um menino, e que ela deve se sentir honrada de ser uma menina.
E, ao seu filho, mostre a ele que ele é um menino, e que um menino é bem diferente de uma menina, e que ele deve se sentir honrado de ser um menino. Não permita que tal coisa que falou permaneça na cabeça dessa criança e crie raízes.
Se deixarem que tal mal crie raízes, isso irá prejudicar o desenvolvimento da masculinidade do seu filho, levando-o a uma vida infeliz, em que buscará ser feliz e fingindo ser feliz diante dos outros ainda que interiormente esteja sendo infeliz, e agindo de forma contrária a sua própria natureza, o que no fim das contas não lhe trará benefício algum. E, também isso prejudicará o desenvolvimento da feminilidade de sua filha, e a levará a uma vida infeliz, em que ela buscará ser feliz, e fingindo ser feliz diante dos outros ainda que no seu interior saiba que é uma garota infeliz, e agindo de forma contrária a sua própria natureza, o que no final das contas não há de trazer a ela benefício algum.
Isso vos digo, pois bem sei o tempo em que estamos passando, e é importante que todos ouçam e estejam atentos, para darem a devida proteção a seus filhos e filhas, para que tenham uma vida realmente feliz, alegre.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
1

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 

É lamentável, que uma Professora que não aceita ensinar e se curvar a abominável Ideologia de Gênero, seja expulsa de uma escola Pública.
Esse fato só demonstra que hoje em dia, o que querem é que todos se curvem ao baal da ideologia de Gênero, e aí de quem não se curvar.
Não podemos, em hipótese alguma, nos curvarmos a esse baal da Ideologia de Gênero. Parabéns a essa Professora, que com coragem e ousadia, não aceitou essa doutrinação ideológica da ideologia de gênero, que não se curvou a esse baal moderno, que não se vendeu aos desejos das jezabéis modernas e dos Acabes modernos.
É necessário dizer sempre a verdadee que ninguém nasceu no corpo errado. Essa ideologia de Gênero quer incutir na mente de nossas crianças, que ser menino ou menina é relativo, que um menino pode ser menina e uma menina pode ser menino, que se nasce no corpo errado, e que se você se sente uma menina, mesmo sendo um menino, mesmo tendo nascido um menino, visto que tu se sentes uma menina, tu és uma menina.
Segundo essa ideologia de gênero, a sexualidade de uma pessoa é apenas uma construção social. É uma ideologia danosa, que gera uma verdadeira confusão na mente de meninos e meninas, cujos efeitos podem durarem decadas.
Portanto, é importante que não se aceite essa ideologia de gênero, e se combata ela, pois muitos aqui podem nem saberem quão terríveis conseqüências, essa ideologia pode trazer a homens e mulheres, mas trás conseqüências terríveis, e uma confusão na mente de cada pessoa que é por ela submetida, que causa sérios danos emocionais, e que para se libertar disso é uma luta constante e diária, que pode durar anos e décadas.
É necessário que às nossas crianças e adolescentes de hoje, sejam protegidas dessa ideologia danosa, antes que seja tarde demais.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
1

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 

Conseqüência lógica da ideologia de Gênero.
Skantlantan sente que é um peixe. Então, Skantlantan faz cirurgia para mudar todo o seu corpo para se parecer um peixe.
E, então, c omo Skantlantan sente-se que é um peixe, entaõ ela decide ir para o mar ficar nadando no mar como um peixe.
Se você disser para Skantlantan, que ela não é um peixem você é um #peixefóbico e preconceituoso, e está cometendo o famoso “crime de ódio”
E, Skantlantan, entra no mar, achando que é um peixe, e como não sabe nadar, pois ainda que se sinta um peixe, não se é um peixe, a coitada da Skantlantan se afoga no mar, e morre, pensando ser um peixe, mas sem ser um peixe.
Eis aí a triste realidade dessa perversa ideologia de gênero.
Ou damos um basta a isso, ou senão, fatos tristes ocorrerão na sociedade devido a essa criminosa ideologia de gênero.
Se não quiser no futuro ser chamado de #peixefóbico, é só condenar a ideologia de gênero.
#prontofaleimesmo e #pontofinal!
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
2

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 

Bom, que sociedade vivemos hoje?
Vivemos numa sociedade do eu penso, do eu sinto, aonde o que pensa e o que sente sobre si mesmo é o que importa. O subjetivismo domina.
Se uma pessoa se sente bem, isto é o importante. Se uma pessoa pensa de si mesma o que quer que seja, basta isso.
Hoje em dia, ser objetivo, dizer algo que contrarie o que a pessoa sente ou pense de si mesma se tornou preconceito ou crime de ódio em muitos casos.
Se alguém pensar que é uma flôr, terá que se admitir - contra toda a objetividade - que essa pessoa é uma flôr, pois senão poderá ser tachado de preconceituoso. E, o mesmo se aplica ao sentir.
E, a pergunta que fica: em que mundo nós estamos vivendo?
Triste realidade essa realidade em que vivemos no século 21.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
1
Have him in circles
58 people
Mc Italo regger é uma missão's profile photo
William Douglas's profile photo
CELIA DENISE GORAL DE PAULA's profile photo
Roberto Fernando Costa's profile photo
Ricardo Veridiano's profile photo
Velho Pescador's profile photo
Eduardo Andrade's profile photo
Marcel Ngeta's profile photo
Valmir José Schmidt's profile photo

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 

Sugestão para um próximo Filme Nacional Brasileiro: Titanic Brasil. Sim, o nome deve ser: Titanic Brasil. E, a baixo uma sinopse para o filme “Titanic Brasil”.
Sinopse: Ano de 2015, diante de tantos escândalos envolvendo o Governo Brasileiro, e mais a operação Lava Jato, a população vai às ruas pedir o Impeachment, e o Governo Brasileiro, buscando se salvar, toma medidas desesperadas para conseguir se manter no poder, e para evitar que todo esse escândalo respingue na própria Presidente.
Mas, também tal filme pode ser feito por estrangeiro, desde que mantido o nome e a sinopse, tal como eu recomendo. Vai ser bem interessante quando for lançado nos Cinemas.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
1

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 

Ab! Tá bom. Agora, lá vêem zoofilia. Daqui a pouco, esses depravados que amam depravações vão quererem até falar em fazer sexo com porta, com parede, com cama, com colchão, e tudo em nome da “ousadia”, de ser “corajoso”, como se para fazer tal coisa necessitasse de coragem e ousadia.
Fico agora me perguntando se essa Repórter da Época, a Sra. Cristiane Segatto, faz sexo com animais, ou quer fazer e está louca para sair do “armário”? Isto pergunto, pois para escrever “Sexo com animais: por que fingir que isso não existe?” e ficar com esse discursinho de que “Quebrar o tabu é a melhor forma de reduzir seus danos. Acredito nisso.”, só pode ser ou de uma pessoa que defenda a zoofilia, ou que esteja a fim de fazer isso, e quer agora que a sociedade aceite tal coisa. Não há outra explicação plausivel para tanto devaneio junto.
Só sei dizer - e estava mesmo querendo falar isso faz um longo tempo e vou aproveitar a oportunidade para o fazê-lo - que é justamente esse negócio de querer quebrar o tabu - como se tabu fosse coisa ruim - que está cada vez mais destruindo a sociedade. Os chamados tabus, são justamente os limites que mantém uma sociedade sadia, e que dizem a qualquer um: “Aqui é o limite. Passar daqui é perigoso!” São placas de Alerta, que nos alertam os limites e perigos, e justamente por não se dar ouvidos aos tabus e viver quebrando os mesmos, que a sociedade está cada dia mais decaindo-se. Nenhuma sociedade se mantém por muito tempo sem os tabus.
E, não me peçam para postar o link desse artigo dela, que não hei de postar. Quem quiser que busque pelo Google.
Daqui a pouco veremos algum “Intelectual” ou “Repórter Moderninho Ousado e Corajoso”, com o seguinte Artigo: “Sexo com Portas, Mesas, Camas, Colchões, Paredes, Árvores e Magmas: por que fingir que esse tipo de coisa não existe?”, e defendendo o fim do tabu sobre esse tipo de coisa, e com dados e informações dos praticantes dessa “Nova Categoria Sexual Moderninha”.
Agora, aonde tudo isso irá chegar, nem me perguntem, pois ainda vêm coisas piores do que isso do que depender desse tipo de pessoas que se acham “inteligentes”, e n o direito de mudar a “mentalidade retrógrada de nossa sociedade”.
Bom, vou terminando essa postagem por aqui.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
1

Carlos Henrique Xavier

Shared publicly  - 
 
Acorda Povo! Deixa de ser ignorante e de ficar caindo nesse conto do vigário das vacinas.
Se vacina funcionasse realmente e imunizasse - vamos dizer a verdade - bastaria tomar apenas uma única vez na vida e não se precisaria de se tomar pelo resto da vida, e nem se precisaria de se ir aos médicos, e os hospitais hoje em dia estariam totalmente vazios pela falta de doentes, e os médicos teriam que arranjarem outra ocupação.
Se vacina funcionasse, bastaria simplesmente se vacinar e se casar com alguém vacinado, que o filho que nascesse do tal nasceria totalmente imunizado, e não precisaria de vacina alguma.
Se vacina funcionasse e imunizasse de verdade, toda essa indús tria da vacinação já est aria comletamente fechada.
Vacinas são a maior fraude de toda a história humana.
Não se enganem! Vacinas não imunizam a ninguém, só trazem problemas graves de saúde e matam mais do que qualquer guerra, ato terrorista e muito mais do que qualquer bomba atômica.
Diga Não às Vacinas e Sim a Vida! Quem diz sim às Vacinas está dizendo Não a vida e sim à Morte.
Agora leiam a notícia abaixo, e parem de crerem no governo e em secretária de saúde, ministério da Saúde, e na ONU, que são um bando de mentirosos e enganadores.
Atenciosamente, Carlos Henrique Xavier.
 ·  Translate
WASHINGTON, EUA — Ainda que as pessoas que se opõem à vacinação compulsória para sarampo sejam amplamente retratadas como ignorantes e até perigosas por algumas autoridades, especialistas e até reportagens da mídia noticiosa, os registros dos Centros de Controle de Doenças (CCD) revelam uma ...
1
People
Have him in circles
58 people
Mc Italo regger é uma missão's profile photo
William Douglas's profile photo
CELIA DENISE GORAL DE PAULA's profile photo
Roberto Fernando Costa's profile photo
Ricardo Veridiano's profile photo
Velho Pescador's profile photo
Eduardo Andrade's profile photo
Marcel Ngeta's profile photo
Valmir José Schmidt's profile photo
Basic Information
Gender
Male