Profile cover photo
Profile photo
Marcos Andrés Barros Ketterer (MarcvsTraianvsNervaA)
482 followers -
"Quod in vitae spatium agimus in aeternum resonat" (Máximo Décimo Meridio).
"Quod in vitae spatium agimus in aeternum resonat" (Máximo Décimo Meridio).

482 followers
About
Marcos Andrés's posts

Post has shared content
Castelo de Almourol - Vila Nova da Barquinha, Santarém (Portugal).

O Castelo de Almourol, no Ribatejo, localiza-se na Freguesia de Praia do Ribatejo, Concelho de Vila Nova da Barquinha, Distrito de Santarém, em Portugal, embora a sua localização seja frequentemente atribuída a Tancos, visto ser a vila de onde se vislumbra melhor.
Erguido num afloramento de granito a 18 m acima do nível das águas, numa pequena ilha de 310 m de comprimento por 75 m de largura, no médio curso do rio Tejo, um pouco abaixo da sua confluência com o rio Zêzere, à época da Reconquista integrava a chamada Linha do Tejo, actual Região de Turismo dos Templários. Constitui um dos exemplos mais representativos da arquitectura militar da época, evocando simultaneamente os primórdios do reino de Portugal e a Ordem dos Templários, associação que lhe reforça a aura de mistério e romantismo. Com a extinção da Ordem do Templo o castelo de Almourol passa a integrar o património da Ordem de Cristo (que foi a sucessora em Portugal da Ordem dos Templários).

+Foto de autor não identificado+
Photo

Post has shared content
Santuário de Santa Luzia - Viana do Castelo (Portugal).

O Santuário de Santa Luzia Erica, também referido como Santuário do Monte de Santa Luzia, Basílica de Santa Luzia, Templo de Santa Luzia e Templo do Sagrado Coração de Jesus, localiza-se no alto do monte de Santa Luzia, na freguesia de Santa Maria Maior, na cidade, concelho e distrito de Viana do Castelo, em Portugal. Um dos "ex libris"" da cidade, do seu sítio descortina-se uma vista ímpar da região, que concilia o mar, o rio Lima com o seu vale, e todo o complexo montanhoso envolvente, panorama considerado um dos melhores do mundo segundo a National Geographic.
A Basílica no alto do monte de Santa Luzia foi principiada em 1903, por iniciativa do padre António Martins Carneiro, com projeto do arquiteto Miguel Ventura Terra.
A última etapa da sua construção, sob a direção do arquiteto Miguel Nogueira Júnior a partir de 1925, é considerada como inspirada na Basílica de Sacré Cœur, em Paris. Os trabalhos de cantaria em granito são de responsabilidade do mestre canteiro, Emídio Pereira Lima.
Aberto ao culto em 1926, os trabalhos estenderam-se até 1943.
Desde 1923 o santuário é servido pelo Elevador de Santa Luzia.
O santuário compreende ainda o "Núcleo Museológico do Templo-Monumento de Santa Luzia", constituído por uma sala na parte inferior da basílica. O acervo é constituído por talha, imagens, azulejos, e outros.
[Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre].

+Foto de autor não identificado+
Photo

Post has shared content
Santuário de Santa Luzia - Viana do Castelo (Portugal).

O Santuário de Santa Luzia Erica, também referido como Santuário do Monte de Santa Luzia, Basílica de Santa Luzia, Templo de Santa Luzia e Templo do Sagrado Coração de Jesus, localiza-se no alto do monte de Santa Luzia, na freguesia de Santa Maria Maior, na cidade, concelho e distrito de Viana do Castelo, em Portugal. Um dos "ex libris"" da cidade, do seu sítio descortina-se uma vista ímpar da região, que concilia o mar, o rio Lima com o seu vale, e todo o complexo montanhoso envolvente, panorama considerado um dos melhores do mundo segundo a National Geographic.
A Basílica no alto do monte de Santa Luzia foi principiada em 1903, por iniciativa do padre António Martins Carneiro, com projeto do arquiteto Miguel Ventura Terra.
A última etapa da sua construção, sob a direção do arquiteto Miguel Nogueira Júnior a partir de 1925, é considerada como inspirada na Basílica de Sacré Cœur, em Paris. Os trabalhos de cantaria em granito são de responsabilidade do mestre canteiro, Emídio Pereira Lima.
Aberto ao culto em 1926, os trabalhos estenderam-se até 1943.
Desde 1923 o santuário é servido pelo Elevador de Santa Luzia.
O santuário compreende ainda o "Núcleo Museológico do Templo-Monumento de Santa Luzia", constituído por uma sala na parte inferior da basílica. O acervo é constituído por talha, imagens, azulejos, e outros.
[Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre].

+Foto de autor não identificado+
Photo

Post has shared content
Palácio de Mateus – Mateus, Vila Real (Portugal).

Construído no século XVIII pelo 3º Morgado de Mateus, António José Botelho Mourão, o Palácio de Mateus (Casa ou Solar de Mateus) é um dos maiores exemplos da arte barroca no norte de Portugal. A construção deste solar setecentista é atribuído ao arquiteto italiano Nicolau Nasoni e as obras terão sido concluídas por volta de 1750. A fachada principal é o ex-líbris do Palácio de Mateus, com as cimalhas curvas, frontões, pináculos e estatuárias barrocas, mas impõe-se também uma visita aos restantes espaços da casa, com especial destaque para a capela, a adega e a biblioteca. No exterior os imensos jardins de bucho arranjados e o túnel de cedros que cobre a escadaria nascente são igualmente dignos de uma visita, sendo também paragem obrigatória o lago principal do palácio, um espelho de água que reflete a imagem da casa e onde desde 1981 “dorme” uma escultura de Cutileiro mesmo ao centro.

+Foto de autor não identificado+
Photo

Post has shared content
Plastic remains in our ecosystem for years, harming thousands of fish and marine mammals every day. It's not too late to #SaveOurOcean if we take action now.

The Ocean Conference aims to be the game changer that will reverse the decline in the health of our ocean for people, planet and prosperity. It will be solutions-focused with engagement from all.

Learn more : oceanconference.un.org

#GlobalGoals
Photo

Post has shared content
Casas típicas de Santana – Santana, Madeira (Portugal).

Santana é considerada uma das freguesias mais pitorescas e características da Ilha da Madeira, não só pelas suas majestosas paisagens florestais, constituídas em grande parte pela Floresta Laurissilva, classificada como património da humanidade, como também pelas suas casas de colmo.
As casas tradicionais de colmo são habitualmente consideradas as típicas casas de Santana e são amplamente divulgadas, por todo o mundo, em cartazes turísticos promocionais.
Calcula-se que as casas de colmo sejam vestígios das construções primitivas, feitas de madeira e de colmo e que se encontravam por toda a ilha. A plantação e boa produção dos cereais e madeira permitiam ao homem recorrer, nesses tempos, a estes meios para construir as suas habitações.
Tecnicamente, esta construção poderá ser designada de casa de empena, em forma de V invertido, no qual o colmo atinge, em alguns casos, o nível do solo.
Estas casas têm três tipos de construção: as casas de empena de fio, casas de empena de meio fio e casas de quatro águas.
As casas de fio têm a empena (frontispício) triangular e são cobertas de restolho desde a cumeeira até ao solo, formando duas águas. Estas eram compostas por um sótão onde se guardam produtos agrícolas e por um piso térreo, geralmente área habitacional,  que se encontrava dividido em duas partes separadas por um frontal. O acesso ao sótão fazia-se normalmente através de uma escada de pôr ou de encosto
Além das casas de palha com paredes de pedra, em Santana também chegaram a ser construídas casas de palha com paredes de madeira. As casas de palha com paredes de madeira, em certas circunstâncias, poderiam ser transportáveis, para mudar de sítio ou apenas para nivelar.
As casas de fio apoiavam as traves directamente no chão, enquanto que as de meio fio eram mais "modernas", assentavam a sua cobertura sobre uma estrutura de pedra previamente construída para o efeito.
Tanto as casas de fio como as de meio fio dispõem de uma empena e nela encontram-se a porta e duas janelas pequenas com os tapados normalmente verdes ou azuis. Nalgumas casas podemos ver o sótão com acesso exterior (o caso das casas de dois pisos).
As casas de palha têm de ser "abafadas" de cinco em cinco anos conforme a qualidade do restolho e o tempo.
Para restolhar/abafar a casa utiliza-se a palha de trigo barbelho de pragarra por ser o mais duradoiro.
No abafamento ou restolhar das casas de palha são necessários quatro homens, com experiência, que desempenham tarefas diferentes, mas encadeadas. São necessários cerca de vinte e quatro a vinte e seis "maranhos" de palha de trigo e oito dúzias de varas.
[Origem: Junta de Freguesia de Santana].

+Foto de autor não identificado+
Photo

Post has shared content
Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra - Coimbra (Portugal).

A Biblioteca Joanina é uma biblioteca do século XVIII situada no Palácio das Escolas da Universidade de Coimbra, no pátio da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. Apresenta um estilo marcadamente rococó, sendo reconhecida com uma das mais originais e espectaculares bibliotecas barrocas europeias. Além de local de pesquisa de muitos estudiosos, o espaço é ainda frequentemente utilizado para concertos, exposições e outras manifestações culturais.
[Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre].

+Foto de autor não identificado+
Photo

Post has shared content
Arco Triunfal da Rua Augusta [Praça do Comércio] - Lisboa (Portugal).

A Praça do Comércio, mais conhecida por Terreiro do Paço, é uma praça da Baixa de Lisboa situada junto ao rio Tejo, na zona que foi o local do palácio dos reis de Portugal durante cerca de dois séculos. É uma das maiores praças da Europa, com cerca de 36000 m² (180m x 200m). É o centro da cidade de Lisboa, bem como a sua principal praça.
Em 1511, o rei D. Manuel I transferiu a sua residência do Castelo de São Jorge para este local junto ao rio. O Paço da Ribeira, bem como a sua biblioteca de 70 000 volumes, foram destruídos pelo terramoto de 1755. Na reconstrução, coordenada por Eugénio dos Santos, a praça tornou-se no elemento fundamental do plano do Marquês de Pombal. O Complexo Ministerial com arcadas que circunda a praça, albergam parte dos departamentos dos Ministérios do Governo Português e ainda o famoso café Martinho da Arcada, o mais antigo de Lisboa, e um dos preferidos de Fernando Pessoa.
Após a Revolução de 1910 os edifícios foram pintados a cor-de-rosa. Contudo, voltaram recentemente à sua cor original, o amarelo. O lado sul, com as suas duas torres quadradas, está virado para o Tejo.
No centro da praça, vê-se a estátua equestre de D. José, erigida em 1775 por Joaquim Machado de Castro, o principal escultor português do século XVIII. Ao longo dos anos, a estátua de bronze ganhou uma patina verde. No lado norte da praça, encontra-se o Arco Triunfal da Rua Augusta, a entrada para a Baixa. A área serviu como parque de estacionamento até à década de 1990, mas hoje este vasto espaço é usado para eventos culturais e espectáculos.
[Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre].

Foto de Live today / Flickr.
Photo

Post has shared content
The impacts of climate change are being felt around the world. For many children, a change in climate is felt through a change in water. In times of drought or flood, in areas where sea level has risen or ice and snow have unseasonably melted, children are at risk – as the quality and the quantity of the water they rely on is under threat.

A new UNICEF report says that 1 in 4 kids will live in areas of extreme water stress by 2040. Climate change is contributing to a growing water crisis, putting the lives of millions of children at risk.

Read the full report here: http://uni.cf/thirsting_for_a_future

📷: UNICEF / Sokhin
Photo

Post has attachment
Kaiser Martikvs Marestyrth I. Marcvs Ivlivs Caesar Romvlvs Traianvs Nerva Avgvstvlvs I. Germanicvs. Marcos Andrés Barros Ketterer. Cat Head Corporation. The Roman Knight. Marcvs. History & Designs. Escritor, artista y pintor.
Photo
Photo
1/4/17
2 Photos - View album
Wait while more posts are being loaded