Profile

Cover photo
Marcos Andrés Barros Ketterer (MarcvsTraianvsNervaA)
476 followers|1,897,468 views
AboutPostsPhotosYouTubeReviews

Stream

 
 
Over 500 women die in pregnancy or childbirth every day in conflict situations or during natural disasters.

Safe Birth Even Here aims to bring the attention of the world to this challenge and how we can support women's and girls' rights to health, safety and dignity in emergencies.

#SafeBirth   #7DaysofMakeup   #MOTD   #ShareHumanity   #UN4RefugeesMigrants
The first-ever World Humanitarian Summit, taking place in Istanbul from 23-24 May 2016, is a global call to action by United Nations Secretary-General Ban Ki-moon. It will bring together government, humanitarian organizations, people affected by humanitarian crises and new partners, ...
5 comments on original post
1
Add a comment...
 
 
Claustros do Mosteiro dos Jerónimos – Lisboa (Portugal).

Destinado essencialmente ao isolamento da comunidade monástica, era um local aprazível e sereno que permitia a oração, a meditação e o recreio dos monges da Ordem de S. Jerónimo.
Projectado por Diogo de Boitaca, que iniciou os trabalhos no começo do século XVI, foi continuado por João de Castilho a partir de 1517 e concluído por Diogo de Torralva entre 1540 e 1541. Pelo seu valor e simbologia, o claustro do Mosteiro dos Jerónimos representa um dos monumentos mais significativos da arquitectura manuelina. De duplo piso abobadado e planta quadrangular, apresenta na sua decoração a originalidade deste estilo, ao conjugar símbolos religiosos (elementos da Paixão de Cristo, entre outros), régios (cruz da Ordem Militar de Cristo, esfera armilar, escudo régio) e elementos naturalistas (cordas e motivos vegetalistas que coabitam com um imaginário ainda medieval, de animais fantásticos).
Na ala norte do claustro inferior encontra-se o túmulo de Fernando Pessoa, da autoria de Lagoa Henriques, executado em 1985.
[Fonte: Mosteiro dos Jerónimos].

Foto de Joe Daniel Price / 500px..
 ·  Translate
11 comments on original post
1
Add a comment...
 
 
Ponte e Via Romana [Rio Rabagão] – Peirezes, São Vicente de Chã, Montalegre (Portugal).

Pequena ponte em pedra com um só arco com vestígios da calçada romana, encontra-se rodeada de vegetação.
Construída sobre o rio Rabagão em local confirmado da passagem da via militar romana. Esta via romana foi mandada construir no tempo do primeiro Imperador Romano César Augusto.
Na Região esta via romana é parte integrante do percurso da Via militar romana XVII, entre Braga e Astorga, descrita no Itinerário de Antonino.
[Fonte: Portugal Romano].

Fotos de Moacir de Sá Pereira.
 ·  Translate
5 comments on original post
1
Add a comment...
 
 
Casa do Major Pessoa [Edifício Arte Nova] - Aveiro (Portugal).

À semelhança do edifício da Cooperativa Agrícola ou da Casa do Doutor Peixinho, também este imóvel, situado junto à Ria de Aveiro, constitui um dos exemplos mais significativos da expressão que o movimento Arte Nova alcançou nesta cidade piscatória. Construída entre os anos de 1907 e 1909, sob projecto do arquitecto aveirense Francisco Augusto da Silva Rocha, a casa do Major Pessoa destaca-se pela fachada profusamente decorada, onde foram empregues diferentes materiais, que convergem numa composição geral marcada pela procura da linha curva e pela ornamentação de inspiração floral.
Ao contrário de outros países europeus, onde a arte nova alcançou grande fortuna enquanto (...) fenómeno de transição para o futuro movimento moderno dos anos 20 (...)" capaz de "(...) despertar a atenção para a necessidade de mudança que a situação retrógada do ecletismo oitocentista tornava essencial" (FERNANDES, 1993, p. 37), em Portugal este fenómeno restringiu-se, de uma forma genérica, à modelação das superfícies, relegando para segundo plano a estrutura e as novas tecnologias de construção.
No caso específico da Casa do Major Pessoa, a eventual intervenção de Korrodi conferiu a este edifício uma pureza de desenho, conjugada com a nova linguagem curva e ondulante, de inspiração natural, que tanto caracterizou a arte nova aveirense. A fachada, de três pisos, é revestida a cantaria decorada com motivos de malmequeres, lírios, folhas de acanto, girassóis, entre outros. No rés-do-chão, os vãos são separados por dupla coluna de bronze, e protegidos por grades de ferro forjado de desenho de inspiração vegetal. No primeiro piso, o espaço entre as três varandas é decorado por painéis de esmalte, sendo que no segundo andar uma arcaria percorre toda a superfície, protegida por um varandim em ferro. Remata a fachada um óculo inserido num arco japonês, cuja utilização, bastante comum em Aveiro, é visível ainda no edifício da Barrica ou no hotel das Américas. No topo do edifício ergue-se uma águia de grandes dimensões, sobre uma serpente, destacando-se ainda, em bronze dourado, a data de construção da casa e as iniciais do proprietário.
No pátio posterior, ao qual se acede através de um portão com as mesmas iniciais do Major Pessoa, existe um painel de azulejos com a data de 1907 e as assinaturas de Lícinio Pinto e Carlos Branco, produzido na Fábrica Fonte Nova, a mais importante indústria cerâmica da região no campo da arte nova.
[Fonte: Rosário Carvalho - DGPC, IP].

Foto de Alegna13.
 ·  Translate
39 comments on original post
1
Add a comment...
 
 
#Vacancy - Deputy Registrar at the Court of Justice of the European Union: She/he assists the Registrar in the performance of his judicial duties and takes the Registrar’s place if he is prevented from acting.

On that basis, the Deputy Registrar directs the work of the Registry, a department comprising approximately 50 staff from various Member States of the European Union, that is divided into language sections. The Deputy Registrar is responsible for the management of proceedings in cases brought before the Court and ensures the proper conduct of those proceedings.

Check out the requirements and how to apply here http://bit.ly/dptregistrar
Pic: G.Fessy@CJUE
View original post
1
Add a comment...
 
 
Elections for the State Duma in the Russian Federation took place on 18 September. According to the preliminary conclusions of the OSCE/ODIHR Election Observation Mission, the elections were transparently administered by the Central Election Commission, but challenges to democratic commitments remain.
1 comment on original post
1
Add a comment...
 
 
Not refugee children. Not migrant children. Children are #childrenfirst.

Let’s Imagine a world where ALL children have the same rights and opportunities.

Watch the video here: http://ow.ly/f2qb304vI9h

Via +UNICEF
Global voices come together to not just imagine, but do. Together we can create a better future #foreverychild
4 comments on original post
1
Add a comment...
 
 
Igreja de São Vicente de Fora – Lisboa (Portugal).

A Igreja de São Vicente de Fora, também referida como Mosteiro de São Vicente de Fora, localiza-se no bairro histórico de Alfama, na cidade e Distrito de Lisboa, em Portugal.
Remonta a uma igreja, principiada em 1582 no local onde D. Afonso Henriques havia mandado construir um primitivo templo também sob a invocação de São Vicente. Esse santo foi proclamado padroeiro de Lisboa em 1173, quando as suas relíquias foram transferidas do Algarve para uma Igreja fora das muralhas da cidade.
Concluída em 1627, a sua traça é de autoria do arquiteto Filippo Terzi.
A 4 de Dezembro de 1720, João Frederico Ludovice foi nomeado como "Mestre Arquitecto das Obras do Real Mosteiro de São Vicente de Fora", sucedendo ao arquitecto Luís Nunes Tinoco.
É de autoria deste profissional o imponente altar barroco, encomendado por D. João V de Portugal, que ocupa o centro da Capela-mor. Colocado sob o baldaquino, assenta em quatro potentes colunas. Sobre altos plintos destacam-se oito imagens monumentais, de madeira pintada de branco, ao gosto italianizante da Escola de Mafra Ludoviciana, representando São Vicente de Fora e São Sebastião, tendo sido executadas por Manuel Vieira, a quem se devem ainda as belas esculturas de anjos, colocadas sobre as portas de acesso ao côro dos cónegos.
Desde o início de Agosto de 2008 até 22 de Janeiro de 2011 a igreja encontrou-se fechada ao público por falta de condições de segurança, devido a consideráveis quedas de estuque e argamassa no seu interior, alguns pesando mais de um quilograma, a cair de uma altura de cerca de vinte metros.
As obras de restauro da Igreja, destruíram estuques pintados nos tectos. Parte da operação foi autorizada por técnicos ao serviço do Estado, que entenderam que não se justificava refazer os estuques, uma vez que eles não eram originais da época de construção do templo (século XVII), mas houve áreas deste monumento nacional onde a Direcção Regional de Cultura de Lisboa e Vale do Tejo, que acompanhou os trabalhos, assegura não ter autorizado qualquer remoção de estuques.
[Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre].

+Foto de autor não identificado+
 ·  Translate
11 comments on original post
1
Add a comment...
 
 
We're just a week away from the epic finale of the #Rosetta mission. #Euronews speaks to the team.   
2 comments on original post
1
Add a comment...
 
 
The popular view of life in ancient Egypt is often that it was a death-obsessed culture in which powerful pharaohs forced the people to labor at constructing pyramids and temples and, at an unspecified time, enslaved the Hebrews for this purpose. In reality, ancient Egyptians loved life, no matter their social class, and the ancient Egyptian government used slave labor as every other ancient culture did without regard to any particular ethnicity.

http://buff.ly/2cRwA7D #AncientEgypt #Egypt #History #AncientHIstoryEncyclopedia
The popular view of life in ancient Egypt is often that it was a death-obsessed culture in which powerful pharaohs forced the people to labor at constructing pyramids and temples and, at an unspecified time...
24 comments on original post
1
Add a comment...
 
 
"We face many challenges, but we should not forget the many achievements. Europe’s citizens enjoy a degree of justice, freedom and security that is unknown in many places. We must not take these achievements for granted.” http://bit.ly/DroitsUE

Yesterday FRA Director, Michael O'Flaherty took part in a conference organised by the Commission Nationale Consultative des Droits de l’Homme and the Institut Français des Droits et Libertés in Paris. Read the full speech: http://bit.ly/DroitsUESpeech
 ·  Translate
View original post
1
Add a comment...
Work
Occupation
Autodidacta ("ad honorem dei gloriam").
Skills
Escribir, pintar al óleo, acrílico, carboncillo.......
Story
Tagline
"Quod in vitae spatium agimus in aeternum resonat" (Máximo Décimo Meridio).
Introduction
"Lo que determina el destino del mundo es la perseverancia de los hombres por logra rsus objetivos y anhelos, para hacer del mismo un lugar donde podamos habitarlo todos en armonía, lograr vivir en una sociedad estableciendo la unión de nuestras culturas, pero sin perder el significado y la ideantidad de cada una de ellas, así preveer con antelación cualquier disputa inecesaria y nunca arrepentirnos de nuestros actos, por que siempre pretenderemos actuar del mejor modo, en ello con frecuencia todo lo que sueña por poseer tanto material y espiritualmente debemos elegirlo con cautela, de tal modo, mejorar la congnición y la perspectiva en el modo de ver las cosas con la adquisición de nuevos conocimientos, para cimentar el nuevo futuro que se será la base para un nuevo presente". Así me parece que debe ser nuestro modus vivendi, he intentado cada día de mí vida el hacerlo de tal manera, por que no es menos hombres el que selecciona lo que aprende, al contrario aquel hombre es un ser que se rige por principios y convicciones, quizá no siempre por el valor del mismo, pero el fin siempre debe ser loable, e incuestionablemente para el bien de todos, y el común, no se puede obrar sin pensar en el efecto que causará sobre otros.
Bragging rights
La historia es mi afición, mi hobbie, mi pasatiempo y mi condena, por ello la arqueología, y la antropología vienen a complementarla, y el arte es mi pasión por excelencia.
Basic Information
Gender
Male
El museo nacional del Prado de España con localización actual en Madrid alberga una gran cantidad colecciones de arte en pinturas y esculturas de todos los tiempos, incluyendo entre sus magníficas pinacotecas obras de Diego Velázquez, de Francisco de Goya Y Lucientes, que eran pintores españoles reconocidos por sus formas de ver la pintura, más que como un trabajo como algo simbólico y de mayor valor, también existen obras de italianos, holandeses, alemanes, pinturas flamencas, y sin duda es magnífico contar con una Mona Lisa copiada de la misma Gioconda existente en el Louvre, en la época de Leonardo da Vinci, por uno de sus estudiantes. Además podrás ver otras espléndidas obras de igual valor en todo el museo y en su recorrido, algo que si sabes de pintura y de arte, quedarás más que satisfecho de poder haber visto todo lo que había en el interior de la gran infraestructura monumental arquitectónica del Prado.
• • •
Public - 4 months ago
reviewed 4 months ago
1 review
Map
Map
Map