Profile cover photo
Profile photo
Luisa Mell
863 followers -
animais proteção ong apresentadora cachorro gato vegetariana vegana protetora
animais proteção ong apresentadora cachorro gato vegetariana vegana protetora

863 followers
About
Luisa Mell's posts

Post has attachment
Gente, olhem que lindo este vídeo. A cachorrinha chamada Casey de 14 anos, ficou com a família da sua dona, que mudou-se por dois anos para o exterior. Após tanto tempo fora, ao retornar, a alegria da cachorrinha foi tanta ao reencontrar a dona, que ela chega a desmaiar de alegria. É como eu sempre digo: um amor incondicional que nunca morre!

Post has attachment
Passeio de cães de Campos do Jordão! pq cachorro é membro da família brasileira! #adotei
Photo

Post has attachment
Lindo!
Este filhote de hipopótamo foi separado de sua família por um tsunami e acolhido por um santuário. Sem outros filhotes para brincar, adotou esta tartaruga de 103 anos como sua melhor amiga!
#BomDia
Photo

Post has attachment
Soneca no carro... #caraamassada #velhote #marleylindo
Photo

Post has attachment
Gente, ontem após eu publicar a história triste do urso polar no zoológico da argentina, algumas pessoas me escreveram defendendo zoológicos, afirmando que eles são lares de recuperação para alguns animais. Este conceito é errado. O nome disso é santuário.

Zoológicos tem fins lucrativos, incluindo os do Brasil. Eles compram animais de caçadores especializados, de circos ou os capturam na natureza para em seguida aprisiona-los e transforma-los em atração aos visitantes. Quem financia? Quem paga para entrar! Já santuários, são locais fechados ao público que recebem animais vítimas do desmatamento, da caça, dos circos e dos zoológicos, cuidam desses animais e sempre que possível, os reintegram a natureza, sem explora-los comercialmente. Um lindo exemplo de santuário no Brasil, é o Santuário Ecológico Rancho dos Gnomos

Diga não à zoológicos. A liberdade e dignidade perdida dos animais, como o caso do urso Arturo, é financiada por quem compra o ingresso.

#FreeArturo
Photo

Post has attachment
Urso polar em depressão precisa de nossa ajuda.

Gente, olhem a situação deste pobre urso polar chamado Arturo. Aos 8 anos de idade, ainda uma criança, Arturo foi sequestrado de seu habitat natural e afastado de sua família para servir de atração em um zoológico da Argentina, onde vive há 21 anos. Além do sofrimento pelo total isolamento, o zoológico não oferece nenhuma condição digna para Arturo que deveria viver em temperaturas abaixo de 0º, mas é obrigado a aguentar o calor de quase 40º do zoológico. Tudo isso levou Arturo a entrar em uma profunda depressão e hoje, ele chora e sofre enquanto turistas bobos pagam para assistir a sua tragédia.

Ao saber de sua situação, um Centro de Conservação de Ursos Polares no Canadá se ofereceu para cuidar de Arturo, mas o zoológico da Argentina não autorizou. O Greenpeace então criou uma petição para gerar pressão sobre o zoológico que até agora, permanece irredutível.

Vamos ajudar Arturo? Compartilhem este post com a hashtag #FreeArturo  (hashtag oficial da campanha) ou se você tiver cidadania argentina, assine a petição abaixo. Ele não tem mais ninguém além de nós! 

Petição: http://www.greenpeace.org.ar/osozoo/
Photo

Post has attachment
Todos os dias recebo milhares de pedidos de ajuda de donos desesperados que estão com seus cães perdidos! Vou começar pelas redes sociais uma série de dicas p evitar este sufoco p do os e esta tragédia p os animais. P começar, a mais básica e fácil dica: identifique já! Sabe amigos, muita gente acha que tem um cão educado e que ele nunca irá fugir... Mas entendam: bicho é bicho, um barulho diferente, algum animal, um acidente... Vários motivos que podem fazer com que ele se assuste e acabe fugindo. Por isso faça já sua plaquinha de identificação, com tel de contato claro! Meu nome está escrito errado kkkk mas o tel tá certo que é o q importa neste caso. Compartilhem esta ideia, postem fotos do seu animal com a plaquinha p estimular mais e mais pessoas a darem este passo importante! Marquem os amigos que tem animais de estimação neste post! #identifiquejá
Photo

Post has attachment
Gatinho "triste" conquista as redes sociais!
Photo

Post has attachment
Gente vejam esta história: 

As duas crianças que aparecem na foto, são Mbogo, de 7 anos e Wanjiku, de 6 anos e vivem no Quênia. As duas foram abandonadas pela mãe alcoólatra. A avó assumiu cria-las, mas sem condições de se locomover direito, não tem como acompanha-las até a escola ou olhá-las em tempo integral. Foi quando um milagre chamado Oscar aconteceu. O Oscar era um cãozinho de rua e assumiu institivamente a tarefa de vigiar as crianças. Todos os dias, ele as acompanha até a escola, mostrando o caminho, aguarda as aulas acabarem e as leva de volta para casa em segurança. Sempre que as crianças saem para brincar, Oscar não tira o olho delas e já as ajudou muitas vezes a reencontrar o caminho de volta. Tudo, sem ninguém ensinar-lhe nada. Para ficar melhor, uma sociedade de proteção animal local, a KSPCA, castrou e vacinou o Oscar há 2 anos e sempre que pode, ajuda a manter sua saúde e a dos cães que vivem na região.

Um lindo exemplo de amor incondicional e de superação. Mesmo com todas as dificuldades impostas pela vida, como a pobreza extrema e ausência da família, os meninos dedicam-se aos estudos com a ajuda de Oscar.
Photo

Post has attachment
Elefante chora ao ser libertado.

Gente, vejam que incrível essa história: o elefante da foto, Raju, viveu 50 anos preso a uma pequena corrente na Índia e até a semana passada, só havia conhecido a maldade humana. Além das surras, os aros em volta de suas pernas eram tão apertados, que machucavam constantemente sua pele cada vez que ele se movia e a tristeza era sua única expressão. Na semana passada, porém, uma equipe do Wildlife soube de sua situação e planejaram um resgate na calada da noite. Sem alarde, aproximaram-se do elefante e começaram a liberta-lo. Para a surpresa da equipe, durante o resgate, Raju não só ficou em silêncio, como colaborou, posicionando-se para que a equipe pudesse ajuda-lo. Mas o mais surpreendente, foi quando ele começou a chorar. Todos ficaram surpresos ao ver lágrimas rolarem pelo seu rosto: "Ele era tão incrivelmente emocionante para todos nós. Nós sabíamos em nossos corações que ele percebeu que estava sendo liberado. Os elefantes não são apenas majestosos, mas eles são animais altamente inteligentes, e têm sido provado que eles tem sentimentos de tristeza, por isso só posso imaginar o que a tortura de meio século tem sido para ele", disse Sayanarayan, um dos seus salvadores.

Ele então viajou mais de 700 quilômetros até um santuário de elefantes, onde está agora, sendo readaptado e convivendo pela primeira vez com outros elefantes, também vítimas de abuso. Seus primeiros passos em liberdade, fizeram toda a equipe chorar.

Dá para não se emocionar? #FéNaHumanidade
Photo
Wait while more posts are being loaded