Profile cover photo
Profile photo
emanuel moura
Sei de onde venho ,mas nao sei para onde vou
Sei de onde venho ,mas nao sei para onde vou
About
Posts

Post has attachment
Obscuridade

Entre delírios
imponderáveis
exala imensurável
inspiração que surge
numa subtil forma
concisa de um olhar
imolado pela inquietude
frígida de um sono profundo
preso por um suspiro
incessante decomposto
num instante lúcido
estoura um lamento
plácido preso
no desassossego
da noite que penetra
num novo amanhecer .

Emanuel Moura
Photo

Post has attachment
Eco

Nas asas de um abrigo
num arauto de voz
a sinfonia do amor
de um eterno sentir
ofegante um suspiro
ardente que no peito
urge súbito eco exaltante
que surge
num desplante cintilar
que irrompe
imensurável jorrar
de uma nascente
que ecoa sentidos soluços
em sublime alma .

Emanuel Moura
Photo

Post has attachment
WE ARE ALIVE

Num esplêndido sentir
que rompe a alma
num clamor resplandecente
uma heterogeneidade
que surge
num murmurar resistente
ofegante das palavras
cansadas estagnadas
de uma causa indiferente
ouve-se um grito intenso
num suspiro choroso
de um amargo viver
convertido pela espera
inquieta da espera .

Emanuel Moura
Photo

Post has attachment
Luminescência

Num instante
de um amanhecer
silencioso
reverenciando
efervescente
metafisica
exteriorizada
numa luz
que ressoa
opalescente
claridade
que se dissipa
num desvendar
de um olhar
flutuante
que desaba
numa sonolenta
forma infinita
que cintila
inatingível
brilho ofuscante
que transcende
toda a quietude
do eterno viver .

Emanuel Moura
Photo

Post has attachment
Ressoando

Num ressoar silencioso
dissipa-se a razão
desvenda-se um fulgente
olhar errante
que transcende
resplandecente paridade
numa inatingível quietude
ressurge um repente
de um eco atenuante
um jorrar cintilante
de uma nascente
imensurável surge
na intimidade profunda
a inspiração intemporal
o encanto de uma ranhura
desmedida .

Emanuel Moura
Photo

Post has attachment
Utopia

Bonito
é o sustento
que brota
de um coração
que alberga
tamanho sonho
onde floresce
o mais belo
sorriso
estremozo
onde reside
a esperança
da vida
num renascer
infinito folheado
por um instante
presente
feito dádiva
ritmada
do amor
entre o sonho
e a realidade .

Emanuel Moura
Photo

Post has attachment
Mergulhando

Mergulhando solitário
no crepúsculo de um sonho
enigmático de um olhar vazio
invisível de uma ausência
sentida na eterna solidão
de um silêncio perturbador
resignado perdido
num abismo misterioso
na penumbra de um vulto
ofuscado pela sombra
de uma imagem silenciosa
presente numa memória retorcida
nas saudades adormecidas
por um tempo fustigante .

Emanuel Moura
Photo

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
Negritude


Numa emboscada
que se espreita
flutuo na espessa
angústia sem respirar
perto de um abismo
uma sombra que se aflora
vai deixando um rastro
plácido de negritude
para lá do limiar da tristeza
árvores nuas compadecem
murmúrios em terra morta
sem interesse nada ficou
senão amargura no coração
num silício silencioso
apenas o sofrimento restou.

Emanuel Moura
Photo

Post has attachment
Embevecendo

Uma luz
que se apaga
sem motivo
aparente
num adeus
que surge
sem falar
num medo
que chega
e abala
numa manhã
tremida
que passou
feito vazio
quê
circundava
o ar
num tempo
que pulsa
lembranças
onde pairam
saudades
num suspiro
sentido
sem palavras .

Emanuel Moura
Photo
Wait while more posts are being loaded