Profile

Cover photo
Alzir Fraga
Worked at Justiça Militar Federal
Attended Colégio Pedro II
Lives in Juiz de Fora
7,281 followers|4,430,260 views
AboutPostsPhotosYouTubeReviews

Stream

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
Albert Einstein's Theory of Relativity
3
Lucifer do Bem's profile photo
 
ótimo vídeo...rsrsrkkk! é por isso que digo:
 o Planeta Terra ao tentar falar sobre o Universo, é o mesmo que uma criança tentando falar sobre os adultos...rsrsrskkkk
 ·  Translate
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
 
UMA BELA SUGESTÃO!!!
 ·  Translate
19 comments on original post
5
2
Rogerio Calegari's profile photoFabio Soares da Silva's profile photo
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
 
Senhas são um assunto sério que nunca é levado a sério por uma série de sérios senhores.  Vale a pena ler esta matéria e uma outra que vem antes desta, clique em http://tecnologia.terra.com.br/precisa-mudar-a-senha-evite-7-erros-basicos-e-saiba-como-se-proteger,d1d7c54adb8710157a90d0025824163asqcxRCRD.html
A informação de que levaria milhões de anos para craquear uma senha de 16 dígitos é falsa:  "Já uma combinação mais complexa, como por exemplo Um@S3nH4C0Mpl3Xa!, levaria 931 trilhões" .  Um cara do ramos não leva mais do que 15 ou 20 minutos para craquear isto aí
Não existe senha inviolável:  um garoto de 16 anos levou os Estados Unidos a DEFCOM 4, que é o penúltimo passo antes de o Presidente autorizar o disparo dos mísseis portadores de ogivas nucleares.  Na verdade, o que o pivete fez foi convencer os militares americanos de que nada ali era segura - tiveram que mudar tudo.
Há alguns anos, numa empresa das minhas relações, o Diretor Administrativo apareceu repentinamente com um sorriso que não lhe era muito comum: - "Conseguimos bloquear qualquer acesso às nossas contas com o banco X e, agora eu posso dormir tranquilo, e foi pra casa."  Contou a todos o motivo de sua alegria.  Menos de meia hora depois, seu filho lhe entregou um calhamaço de papéis contendo todo o  relacionamento da empresa com o banco X, contas, saldos, senhas, etc - eu falei, MENOS DE MEIA HORA.
De qualquer maneira, é bom ter cuidado com suas senhas, coisa do tipo   ===0097GHJ//tahipcx;27    é considerada uma senha forte.  O problema e decorar esta senha.
Paulo Roberto
 ·  Translate
View original post
3
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
CLT
 
A ultrapassada e anacrônica CLT, inspirada na política fascista de Mussolini, como engenharia política se mostrou invencível. " Foi graças a ela que Vargas voltou ao poder como líder das massas, apelidado “pai dos pobres”. Para revê-la e modernizá-la será indispensável transpor obstáculos políticos, ideológicos, demagógicos e desfazer mitos, como o de ser a legislação mais perfeita do planeta"
De tão perfeita, ninguém atravessa o Atlântico para vir trabalhar aqui, mas milhões de brasileiros fugiram dessa demagogia e foram buscar trabalho nos países aonde a CLT inexiste. Existe sim, o mérito , a competência e remuneração justa ( hora/trabalho).
No vídeo abaixo, o economista Maílson da Nóbrega explica em detalhes esse atraso que nos impede de competir e prosperar.
 ➸  http://veja.abril.com.br/multimidia/video/com-pt-brasil-vive-crise-de-asnice-diz-mailson-da-nobrega
 ·  Translate
36 comments on original post
4
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
 
03/07 - Que é o Foro de São Paulo?
 Por Alejandro Peña Esclusa
Resumo: Alejandro Peña Esclusa, presidente da Força Solidária - que organizou as passeatas-monstro contra Hugo Chávez - denuncia: 
O Foro de São Paulo vive de narcotráfico, seqüestro, assalto a banco e roubo de gado.
© 2002 MidiaSemMascara.org
Interrogado pelos jornalistas, Raúl Reyes, líder guerrilheiro colombiano, admitiu em sua recente visita à Venezuela que as FARC formam parte do chamado Foro de São Paulo. Vejamos a que se referia.
Depois da queda do Muro de Berlim em 1989 e da derrubada do comunismo na ex-União Soviética, Fidel Castro decidiu substituir o apoio que recebia do Bloco Oriental pelo de uma transnacional latino-americana.

Texto completo  

Aproveitando o poder parlamentar que tinha o Partido dos Trabalhadores (PT) no Brasil, Fidel Castro convocou em 1990, junto com Luis Inácio “Lula” da Silva, todos os grupos guerrilheiros da América Latina a uma reunião na cidade de São Paulo.
Além do próprio PT e do Partido Comunista de Cuba, acudiram ao chamado o Exército de Libertação Nacional (ELN) e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC); a Frente Sandinista de Libertação Nacional (FSLN) da Nicarágua; a União Revolucionária Nacional da Guatemala (URNG); a Frente Farabundo Martí de Libertação Nacional (FMLN) de El Salvador; o Partido da Revolução Democrática (PRD) do México; e várias dezenas mais de grupos guerrilheiros e partidos de esquerda da região que iam se juntando ao longo dos anos, como o Exército Zapatista de Libertação Nacional (EZLN) do México.

Alí decidiram formar uma organização que se auto-denominou Foro de São Paulo.
Para dirigi-lo centralizadamente, criaram um Estado Maior civil, dirigido por Fidel Castro, Lula, Tomás Borge e Frei Betto, entre outros, e um Estado Maior militar, comandado também pelo próprio Fidel Castro, o líder sandinista Daniel Ortega, e no qual tem um papel importante o argentino Enrique Gorriarán Merlo.

Gorriarán Merlo foi fundador do Exército Revolucionário do Povo (ERP) e posteriormente do Movimento Todos pela Pátria (MTP). Gorriarán Merlo é o autor do ataque terrorista de janeiro de 1989 ao regimento de infantaria La Tablada, em Buenos Aires, no qual morreram 39 pessoas, e foi quem encabeçou a esquadra que assassinou Anastasio Somoza em Assunção, Paraguai, em setembro de 1980.

Gorriarán Merlo também organizou a maquinaria militar do Movimento Revolucionário Tupac Amaru (MRTA), o mesmo que há três anos e meio tomou a residência do embaixador japonês em Lima.

O Foro de São Paulo tem um sistema de comunicação permanente, e até produz uma revista trimestral própria, denominada América Livre.
Estabeleceu uma forma sólida e permanente de financiamento, baseada em sequestro, roubo de gado, cobrança de impostos, assaltos a bancos, pirataria, narcotráfico e demais atividades ilegais que rotineiramente praticam os grupos guerrilheiros na América Latina.

Tendo em vista que o marxismo dos anos sessenta já estava caduco e desprestigiado, os diretores do Foro de São Paulo decidiram adotar formalmente diversos disfarces:

um foi o do indigenismo, ou a suposta luta pelos direitos dos indígenas, para encobrir a formação de grupos guerrilheiros (Exército Zapatista de Libertação Nacional), e também a promoção do separatismo, argumentando que os territórios ocupados pelas tribos indígenas são próprios e não do Estado nacional.

Outro foi o do ecologismo radical que, alegando a proteção do meio ambiente, justificou a ação de terroristas que obstaculizaram o avanço do Estado em obras públicas de infraestrutura como rodovias e tensão elétrica.

E finalmente, o de uma versão extremista da chamada Teologia da Libertação (Frei Betto, Leonardo Boff, Paulo Evaristo Arns), com o objetivo de dividir a Igreja Católica e justificar a violência com argumentos supostamente cristãos.

Segundo um informe da AP, datado em Montevidéo, Hugo Chávez se inscreveu no Foro de São Paulo em 30 de maio de 1995. Isto foi confirmado por Pablo Beltrán, líder do ELN, em uma entrevista realizada pela Globovisión em 17 de novembro de 1999.

 Financiamento do narcotráfico 

Há quatro anos o investigador colombiano Jesús E. La Rotta publicou um livro intitulado As Finanças da Subversão Colombiana, no qual revela os resultados de suas investigações sobre as fontes de financiamento das FARC, do ELN e do EPL.

Fazendo uso de numerosos gráficos e tabelas, La Rotta identifica seis formas ou modos gerais por meio dos quais os guerrilheiros colombianos obtêm entrada de dinheiro, a saber:

a extorsão em menor escala, como os impostos, o bilhete e a cobrança de pedágios, de onde obtêm um total de 1.030 milhões de dólares ao ano;

a extorsão em grande escala a empresas nacionais e multinacionais nos diversos setores como o petroleiro, agrícola, pecuário, industrial, comercial e financeiro, de onde arrecadam 5.270 milhões de dólares anuais;

o abigeato ou roubo de gado, de onde recolhem 270 milhões de dólares anualmente; os assaltos, por meio dos quais conseguem 400 milhões de dólares ao ano;

a pirataria, seja terrestre, fluvial, marítima ou aérea, que lhes rende 150 milhões de dólares em depósitos anuais e, finalmente, o narcotráfico, de onde obtêm 1.130 milhões de dólares ao ano.

Tudo isso soma oito mil duzentos e cinquenta (8.250) milhões de dólares ao ano, cifra muito superior aos orçamentos de todas as Forças Armadas Nacionais de todos os países andinos.
Todavia, La Rotta admite que se tratam de cifras de 1994, e explica que “os grupos subversivos, em particular as FARC e o, entraram em franco processo de substituição dos cartéis da droga desmantelados e que, cumprido tal processo, se fechará o círculo do enriquecimento quando incorporarem em plenitude o produto global do narcotráfico, que pode representar-lhes depósitos de dinheiro superiores”.

Poucos meses depois de haver-se publicado o livro de La Rotta, saiu o livro O Cartel das FARC, elaborado por major colombiano Luis Alberto Villamarín Pulido, o qual alega que as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia constituem o terceiro e mais poderoso cartel das drogas.

Embora já existissem provas da vinculação do ELN e das FARC com o narcotráfico, os documentos retidos em 31 de janeiro de 1996 das quadrilhas 14 e 15 das FARC, por tropas da Brigada 12 em Paujil (Caquetá), comprometem ainda mais os guerrilheiros com o tráfico de drogas: aparecem as frequências de VHF e inúmeros telefonemas dos capos do Cartel de Cali, assim como atas de reuniões entre as FARC e os narco-traficantes.

O livro está cheio de afirmações impressionantes, como esta:

“A infraestrutura do cartel das FARC tem todos os elementos de organização e controle próprios dos bandos de mafiosos que inundam o mundo civilizado com o tráfico ilícito de cocaína, com o agravante de que ameaçam camponeses, envolvendo-os com as milícias bolivarianas e o partido comunista clandestino. 

A ação dos delinquentes do cartel das FARC ultrapassa as fronteiras nacionais”.

Alejandro Peña Esclusa é o presidente da Fuerza Solidaria, a ONG que organiza os protestos populares contra o governo Hugo Chávez na Velezuela.

Tradução: Graça Salgueiro
 ·  Translate
View original post
1
Adilson Ramos de Lira Lira's profile photo
 
Se gritar paga ladrão não fica um meu irmão...
 ·  Translate
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
Trazido do Facebook:
CLT - "Conquistas do trabalhador"

Geração de Valor
17 de abril às 18:41 
TERCEIRIZAÇÃO, CLT E AFINS...
(texto grande, mas direto ao ponto)
Na Venezuela, o empregador é proibido de demitir quem ganha menos de 1 salário mínimo e meio. Sabe o que acontece? Os funcionários não querem mais serem promovidos. Preferem ficar estagnados e "protegidos" em troca de garantir sua subsistência.
No México, as leis trabalhistas são parecidas com as do Brasil e o custo médio de uma demissão pode chegar a 74 semanas de trabalho. Super alto.
Já nos EUA, o empregado não tem férias de 30 dias, 13º, FGTS e nenhuma desses direitos e garantias trabalhistas que protegem o trabalhador.
Pergunta:
Se essas garantias são tão importantes, quantos americanos atravessam quilômetros no deserto, correndo riscos de vida, em direção ao México para viverem lá ilegalmente em troca de conquistarem esses tais direitos trabalhistas?
É exatamente ao contrário. Todos os anos MULTIDÕES desses países cheios de garantias batem nas portas desses países sem garantias e direitos trabalhistas, pedindo, por favor, para entrarem.
Como pode isso?
Algo não está batendo... Será que realmente nos contaram a história verdadeira sobre este assunto durante toda nossa vida?
Vamos analisar alguns desses supostos direitos trabalhistas que você tem no Brasil e que servem para te proteger.
1. FGTS - É um direito que você tem, não é? Direito? Não acredite nessa baboseira. FGTS não é um direito seu. É um dinheiro que sempre foi seu, mas que na realidade o governo CONFISCA, guarda com ele para financiar, a suas custas, o que ele quiser e te paga em troca apenas 3% de rentabilidade ao ano, quando a inflação neste ano, por exemplo, é de mais de 8%. Ou seja, você perde dinheiro e ainda confia num governo que pode da noite para o dia acabar com a sua poupança confiscada por envolvimento em operações suspeitas, como aconteceu com os fundos de pensão dos Correios.
2. 13º salário - Puxa que legal, um baita direito que você tem... Direito? O empresário sabe o quanto pode gastar com cada empregado por ano. Logo, o 13º não é um pagamento adicional como muitos se iludem, mas sim, em vez do empregador dividir o que quer gastar com você em 12 meses e te pagar mês a mês, ele divide em 13 meses e você em vez de receber o dinheiro que já é seu todos os meses, você tem que esperar por 12 meses para receber a 13ª parcela que ficou retida até o final do ano e ainda fica feliz com este seu suposto "direito" e benefício.
3. INSS - Você tem uma grana descontada todos os meses de seu salário. Mas isso é bom, porque você terá direito a aposentadoria depois de 40 anos trabalhando. Parabéns, que legal, que baita direito... Não há futuro no INSS. Está quebrando. Simples assim. Além do mais, melhor seria se você recebesse este dinheiro e fizesse você mesmo as suas aplicações financeiras para garantir o seu futuro em vez de ficar dependendo deste sistema falido. INSS é uma espécie de pirâmide financeira legalizada que um dia vai desmoronar como toda pirâmide financeira.
A CLT é um atraso para o país, alimenta a burocracia estatal e sustenta sindicatos que recebem dinheiro fácil. Assim eles conseguem negociar a sua suposta influência sobre uma determinada classe como capital político e ter vantagens em troca. Este é um sistema improdutivo e que fomenta uma mentalidade medíocre na população e alimenta uma horda de burocratas e parasitas.
Não estou falando como empresário que sou. Falo como alguém que pensa e está lhe convidando a pensar também, livrando-se dessa lavagem cerebral proletária feita por décadas em toda população que se acostumou a seguir os vaqueiros como gado em direção ao nada.
Vou apresentar alguns cálculos - que não são exatos porque não estou com tempo de pesquisar e dar as casas decimais com exatidão - mas como empreendo por mais de 20 anos, posso lhe garantir que esses números são bem próximos da realidade.
Numa empresa LTDA ou SA, considerando todos os custos envolvidos, um funcionário custa quase o dobro do seu salário registrado na Carteira de Trabalho. Por exemplo, vamos usar números redondos para facilitar o cálculo: se um funcionário ganha um salário de 10.000 reais, ele vai custar aproximadamente 20.000 reais para empresa, depois de ser acrescido a este custo, FGTS, 13ª, 1/3 férias, multa contratual, DSR, INSS, vale transporte, refeição etc...
No entanto, este funcionário tem descontos na folha. Descontos altos, como o seu IRRF que neste valor é de 27.5%, INSS, contribuições sindicais etc... No total, o salário líquido deste funcionário que tem 10 mil reais de salário e que custa para empresa 20 mil, será de cerca de 6 mil reais líquidos.
Será que para por aí? Não. Com esses 6 mil reais líquidos nas mãos, o empregado agora precisará consumir. Para consumir, ele também pagará em TUDO que comprar, impostos embutidos nos produtos. Ou seja, no feijão, arroz, eletricidade, gasolina, etc, tudo terá uma média de 50% de impostos embutidos.
Isso significa que dos 6 mil reais, 3 mil serão para impostos. O que de fato representa o seu poder de compra líquido, no final, será o valor de 3 mil reais, sendo que o seu salário é de 10 mil e a empresa gastou com ele 20 mil reais. Em outras palavras, 3 mil reais representa apenas 15% e os 20 mil reais gastos com este empregado representa 85% que vai direto para o governo.
O governo e os sindicatos mamam nas tetas do empregado. Eu digo empregado porque se nada disso existisse os empregados poderiam ganhar MUITO mais. Sim, a CLT dá muitas garantias aos empregados. Ela garante uma vida sacrificada a todos eles e ainda faz, não sei até quando, com que eles fiquem muito agradecidos por serem "protegidos" por ela.
Para uma empresa, pagar bem representa uma maior motivação e produtividade para os seus resultados. Na realidade, a empresa paga bastante, mas o governo tasca sem dó e nem piedade e ainda ficam com aquele papinho de empresário opressor, quando na realidade, tanto o empregado como o empresário são achacados pelo governo. Qualquer empresário preferiria pagar mais ao empregado a pagar tantos impostos para o sistema.
Nos EUA não tem nada disso. NADA.
O salário mínimo na Flórida, por exemplo, é de cerca de 25 reais por hora. Sim, é por hora, pois é muito mais flexível e algumas pessoas não trabalham todos os dias ou não são obrigadas a terem expedientes cheios, como funciona no formatinho CLTista. Mas considerando alguém que trabalhe 44 horas semanais na Flórida, seja no Mc Donalds, como pedreiro ou lixeiro, ele receberá no mínimo o salário de 4500 reais. Isso sem contar que, pelo fato dos custos trabalhistas serem menores, os produtos também ficam bem mais baratos.
Moro em Portugal, mas mantive uma empregada trabalhando em minha casa em Orlando cerca de 5 horas por dia. Ela ganha em torno de 6000 reais por mês. Seu marido que trabalha com construção ganha cerca de 9000 reais. Com isso, eles têm dois carros novinhos, uma casa, seus filhos estudam numa escola pública de EXCELENTE qualidade, tem segurança, o seguro do carro é barato porque a criminalidade é baixa na cidade, as estradas são de excelente qualidade etc... Só pra vc ter uma ideia, um carro nos EUA custa quase 3 vezes menos que no Brasil, a gasolina custa a metade e um imóvel também custa cerca da metade em relação ao país verde e amarelo dos direitos trabalhistas.
Mas a coitadinha é explorada. Ela não tem tem direitos trabalhistas, não ganha vale transporte, não tem FGTS, não tem um sindicato pra se defender e tampouco outras migalhas da CLT. Ela e nem sua família precisam disso. Apesar dela receber um salário aparentemente alto para os padrões brasileiros, isso só é possível porque o governo não me obrigada a pagar uma tonelada de impostos e encargos trabalhistas para os seus cofres. Resultado? Empregado ganhando mais e o custo dos produtos mais barato.
Senhores, com todo o respeito, essa mentalidade que aliena a população, tratando-a como incapaz de gerir o seu próprio dinheiro e como gente vulnerável e sem protagonismo alimenta a mamata dos sindicatos e sustenta um monte de burocratas que dependem desse sistema. Tudo isso, abastece a máquina estatal com dinheiro sem limites que é alvo de corrupção ou gastos irresponsáveis entre os políticos e funcionários dessas oligarquias.
Eu nunca tive carteira assinada em minha vida, nunca tive salário e nenhuma das migalhas da CLT que subestima a capacidade da população, escraviza os empregados e explora os empreendedores que tem que conviver com os riscos dos negócios e com a mesada que tem que pagar para governos e sindicatos todos os anos. São milhões pagos para eles em troca de que?
O empregado que tem 85% em impostos de seu salário, com os 15% que sobraram ainda tem que pagar escola privada para o seu filho, porque na escola pública, vendem-se drogas no banheiro. Além disso, ainda tem que contratar um plano de saúde para não apodrecer na fila do INPS.
E sobre terceirização?
É um analgésico para este problema narrado acima. Se quisermos resolver mesmo este câncer, deveria ser feito uma reforma completa na CLT que deveria flexibilizar as relações de trabalho, o que incentivaria as pessoas a empreenderem mais e ainda aumentaria muito o ganho dos trabalhadores.
Ou seja, a terceirização pode ajudar a mudar um pouco essa realidade, mas não passa de um analgésico. Pra resolver mesmo seria se a CLT acabasse de uma vez por todas. Nesta hipótese, empresários e empregados ganhariam, enquanto políticos e sindicatos perderiam poder e dinheiro.
Teria muito mais a falar, mas o texto já ficou gigante.
PS: Como já disse, todos os cálculos foram feitos com aproximações, pois levaria muito tempo pesquisando os complexos percentuais e bases de cálculos criados pela jurássica CLT.
BOM FIM DE SEMANA
 ·  Translate
1
Add a comment...
Have him in circles
7,281 people
Eduardo Edwiges MG's profile photo
Lilian Marinelli's profile photo
Brenda Nakita's profile photo
Vinicius Eduardo (Tuky-Tuky)'s profile photo
Umair Khan's profile photo
Vanda Oliveira's profile photo
Jose Moreira's profile photo
Rodrigo Nishioka's profile photo
Jonatan Herbert's profile photo

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
Que coisa mais linda!
 ·  Translate
10
1
Ronaldo Nobre's profile photo
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
 
A democracia não pode e nem deve mesmo, ser um fim a ser alcançado.
#FORACOMUNISTAS

 ·  Translate
15 comments on original post
1
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
BNDES
 
COMISSAOZINHA DAS CONSTRUTORAS INDO TODO PARA O PT E OS IMPOSTOS QUE NAO GERAM MELHORIAS PARA O NOSSO PAÍS
 ·  Translate
Porto de Mariel, Cuba O BNDES financia portos, estradas e ferrovias -- não no Brasil, mas em diversos países ao redor do mundo. A seleção dos recebedores destes investimentos segue incerta: ninguém sabe quais critérios o BNDES usa para escolher os agraciados pelos empréstimos. Boa parte das obras financiadas ocorre em países pouco expressivos para o Brasil em termos de relações comerciais, o que leva a suspeita de caráter político na escolha. ...
3 comments on original post
2
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
 
Ainda tem gente que acha que é bobagem se preocupar co implantação de comunismo...
Ainda tem gente que acredita que o único problema do Brasil é o Lula a Dilma, saem  eles e o Brasil volta a normalidade...
NÃO SABEM DE NADA!!!
 ·  Translate
View original post
1
1
lazaro aparecido rufino Rufino's profile photo
Add a comment...

Alzir Fraga

Shared publicly  - 
 
João Ariel Belegante originally shared to Humor:
 
Ei, sic isso é um ponto positivo, ok? Nada de bombas, por favor! 
 ·  Translate
5 comments on original post
4
Paulo Roque's profile photo
 
Não menospreze o faro delas
 ·  Translate
Add a comment...
People
Have him in circles
7,281 people
Eduardo Edwiges MG's profile photo
Lilian Marinelli's profile photo
Brenda Nakita's profile photo
Vinicius Eduardo (Tuky-Tuky)'s profile photo
Umair Khan's profile photo
Vanda Oliveira's profile photo
Jose Moreira's profile photo
Rodrigo Nishioka's profile photo
Jonatan Herbert's profile photo
Education
  • Colégio Pedro II
    Secundário, 1952 - 1959
  • Faculdade de Direito da UERJ
    Direito, 1960 - 1964
Basic Information
Gender
Male
Birthday
October 11
Relationship
Married
Story
Tagline
If you think you can or if you think you can't, in either case you are right.
Introduction


ALZIR CARVALHAES FRAGA

Essa ilustre autoridade
Mudou-se para a cidade
e dela não saiu mais
- Dizer o nome ? Jamais. 
Só digo as iniciais; 
Doutor Alzir Carvalhaes.

Desportista de renome, 
Agora as manhãs consome 
Na disputa de um "set". 
E sem que engano eu cometa; 
Não mais empunha a caneta, 
Agora empunha a raquete!

Um respeitado tenista,
Exímio na quadra e pista,
Que saque forte ele tem !
No revés e na direita,
Ele não só rola e deita,
Dá pingadinha também...

Esse Juiz-auditor
Julgava com muito amor
E por aí você sente
Que até o réu condenado
Depois do caso julgado
Pra cadeia ia contente!

Doutor Luis Carlos Pessoa 
Quis apanhá-lo "na boa", 
"Doutor Alzir, me diria
(sem querer fazer intriga)
Porque que que há tanta briga 
Aqui nesta auditoria ?"

"- Porque moças e rapazes,
Diligentes e capazes,
Tinham muito boa vida.
Depois que eu aposentei
Já descobriram que a Lei
É cega, mas é sabida."

Se lamentamos o tempo
Já levado pelo vento
Que agora não volta mais,
Ele está se divertindo, 
Aproveitando e sorrindo,
Curtindo esta vida em paz !

Além de tudo, é um poeta,
Que na verdade é um esteta
E um grande trovador
Ele não é só das musas,
Também faz coisas confusas,
Como o tal computador...

Ainda se vê seu brilho 
Na forma de um trocadilho, 
Uns até de arrepiar... 
Mas, meu leitor complacente, 
É caso bem diferente, 
O caso que vou narrar:

Na Avenida Rio Branco. 
O Alzir, que é muito franco, 
Vê, num grupo, um desafeto. 
Estava bem amolado, 
Nervoso e contrariado, 
E dá-lhe um berro direto:

"- Venha cá, seu salafrário, 
Tipo cretino, ordinário, 
Pra saber como se faz"
E em vista da gritaria 
Que o Alzir Fraga fazia 
Todo mundo olhou para trás!

Cresceu-lhe o aborrecimento,
E, ele, mais violento,
Levou pra vala comum:
- Não senhores; à vontade,
Tenham toda a liberdade,
Pois eu chamei... foi só um !
Bragging rights
Mulher, filhos, netos, irmãos, amigos e caráter, sou vegetariano
Work
Occupation
Juiz da Justiça Militar Federal
Employment
  • Justiça Militar Federal
    Juiz-auditor, 1968
Places
Map of the places this user has livedMap of the places this user has livedMap of the places this user has lived
Currently
Juiz de Fora
Previously
Rio de Janeiro - Bagé - Fortaleza - Campo Grande - Salvador, Bahia - Juiz de Fora - Brasília
Links
Contributor to
Sometimes we took a beer at the outdoor tables in an extremely cozy ambient. It is also a grocery where you can find almost everything that exists in supermarkets. The owner called Camila, is an extremely friendly and polite person. My wife became her friend.
Public - a year ago
reviewed a year ago
Very good. An excellent Supermarket.
Quality: ExcellentAppeal: ExcellentService: Excellent
Public - 2 years ago
reviewed 2 years ago
2 reviews
Map
Map
Map