Profile cover photo
Profile photo
José Dias
115 followers
115 followers
About
José's interests
View all
José's posts

Post has attachment

Post has attachment

Post has attachment

Post has shared content

Post has attachment
Excelente artigo

Post has shared content
Parque das Nações [Pavilhão de Portugal] - Lisboa (Portugal).

O Parque das Nações é hoje um espaço vivo, dinâmico e multifuncional. É a marca da Lisboa contemporânea, um local onde os lisboetas se divertem, apreciam espectáculos, passeiam, praticam desporto, fazem compras, trabalham e vivem, com qualidade e em harmonia.
O Parque das Nações compreende a área onde se realizou a Exposição Mundial de 1998. Trata-se de um grande espaço de fruição pública que juntou a cidade e o rio e que aproveitou, na perfeição, uma vasta frente ribeirinha com uma vista magnífica sobre a outra margem do rio e a Ponte Vasco da Gama, a ponte mais longa da Europa. Inaugurada também em 1998, por ocasião da exposição mundial, trata-se da quinta ponte mais extensa do mundo, com 17 km de comprimento, dos quais 10 estão sobre as águas do Tejo.
A EXPO’98 foi o marco que, há dez anos, transformou esta zona oriental da cidade num projecto com visão, ambicioso e multidisciplinar que soube convocar e utilizar todas as áreas de actividade e conhecimento do país, reconvertendo uma importante parte da cidade, através da criação de um conceito novo e moderno de espaço urbano. Possui uma estação de comboios, um agradável centro comercial, para além de um extenso complexo cultural, de lazer, residencial e de negócios.
Ali, encontramos espaços qualificados, com um planeamento urbano adequado às necessidades de uma cidade moderna ideal. Surgiram áreas residenciais, equipamentos e serviços, com infra-estruturas urbanas ambientalmente integradas, que contribuíram de forma decisiva para a modernização e internacionalização de Lisboa. E que trouxeram os traços da arquitectura moderna a Lisboa, nas suas mais variadas expressões.
O plano traçado na altura para a exposição mundial já previa a mudança para um tecido urbano a consolidar, pelo que foram poucas as mudanças que não estivessem já projectadas. Depois da EXPO’98 assistiu-se ao natural desenvolvimento dos projectos previstos em plano para a zona envolvente e, no plano cultural, há que destacar a existência de diferentes equipamentos: o Pavilhão de Portugal, o Pavilhão Atlântico, o Oceanário, a Área Internacional, que deu lugar à Feira Internacional de Lisboa (FIL), e a Estação do Oriente.
No Parque das Nações é, ainda, possível encontrar uma extensa zona de bares, restaurantes, esplanadas e lojas de design.
[Fonte: www.portaldasnacoes.pt]

+Foto de autor não identificado+
Photo

Post has shared content
Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG)

Esta área protegida foi a primeira a ser criada em Portugal e abrange vários concelhos do norte do país: Arcos de Valdevez, Melgaço, Montalegre, Ponte da Barca e Terras de Bouro.

É considerado pela UNESCO como Reserva Mundial da Biosfera e é uma das maiores atracções naturais de Portugal, pela rara e impressionante beleza paisagística, pelo valor ecológico e pela variedade de fauna e flora.

www.icnf.pt/portal/ap/pnpg

#PenedaGerês #Natureza #VisitNorte #Portugal
Photo

Post has shared content
Cabo de São Vicente [Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina] – Vila do Bispo, Algarve (Portugal).

O cabo de São Vicente é um cabo situado no extremo sudoeste de Portugal continental, na freguesia de Sagres, concelho de Vila do Bispo. Fica 4 km a oeste e 3 km a norte da Ponta de Sagres, o antigo "Promontorium Sacrum" romano, dedicado ao deus Saturno, e onde se situa uma antiga fortaleza visitável (Fortaleza de Sagres).
Em Lagos, a 25 km do cabo para leste, o Infante D. Henrique teria estabelecido a sua escola de navegação (Escola de Sagres) no século XV, que impulsionou os Descobrimentos portugueses. O pesquisador Luís de Albuquerque demonstrou tratar-se de um mito.1
Do cabo é possível apreciar a passagem dos navios que transitam entre o Mar Mediterrâneo e o norte da Europa.
O Cabo de São Vicente faz parte do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina.
[Origem (adaptado): Wikipédia, a enciclopédia livre].

+Foto de autor não identificado+
Photo

Post has attachment

Post has shared content
Arcos da Praia da Marinha – Lagoa, Algarve (Portugal).

A Praia da Marinha é uma das mais bonitas e emblemáticas praias de Portugal, considerada, ainda, como uma das 10 mais belas praias da Europa e uma das 100 mais belas praias do Mundo pelo Guia Michelin, tendo chegado inclusivé a ser distinguida com o galardão "Praia Dourada" pelo Ministério do Ambiente, em 1998, devido aos seus valores naturais singulares. Além dessa honrosa distinção, passou ainda a ser a imagem promocional do 'Guia de Portugal' distribuído por todo o mundo.
Esta praia situada no sítio da Caramujeira, em plena zona costeira do concelho de Lagoa, no Algarve, tornou-se bastante conhecida não só pelas suas belas falésias, como ainda pela alta qualidade da água que permite vislumbrar o fundo marinho com uma visibilidade única. A Praia da Marinha tem sido muito utilizada pelas agências de publicidade internacionais e pelas estações de televisão para a gravação de anúncios.

Foto de Marukus Fleute.
Photo
Wait while more posts are being loaded