Profile cover photo
Profile photo
Gustavo Nascimento
11 followers
11 followers
About
Posts

Post has attachment
esvaziando-se, encontrando-se
esparramado rendido n'água turva e espessa que lambe meu corpo nu com suas línguas cálidas pacíficas o sussurrar das gotas é acupuntura no espírito deságua minh'alma vaza amainada os pensamentos em uníssono com a natureza matéria que se confunde se converte...
Add a comment...

Post has attachment
Contemplação
agora eu alcancei  esta sensação da qual tanto falam os poetas, os escritores de prosa, os loucos e os forasteiros de bar nas conversas entre amigos. nossos seres se confundiram, devoraram-se, procurando o tutano da alma do outro com força visceral. amamos ...
Add a comment...

Post has attachment
Depoimento
Sei que possuo uma genialidade feroz pra escrita, mas só não tenho modos de provar ela, se é que eu sinto necessidade disso agora já que tô aqui na sua frente, ocupado. Pois então, vêm as ideias e é algo selvagem, uma intensidade do caralho que me deixa com...
Add a comment...

Post has attachment
Tarja Branca
Ô, solta da minha mão, me larga! Já calcei minhas galochas e vou chapinhar nas poças dos meus problemas. Friagem: deixe que venha, deixe que assopre, deixe que me resfrie. Não, mãe, joga esse guarda-chuva pra lá e vem cá você também, porque o convite é de b...
Add a comment...

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
“A metáfora da casa nova” ou “Rem(o)e(r)ndo os pontos que precisavam ser esquecidos”
Ocasionalmente, é saudável se desapegar daquelas coisas que não servem mais para nada, exceto atrair traças. Como os poemas sobre você, que eu pesco lá do fundo do baú. A tinta está fresca, mas a imagem que me invade através dos olhos é de papéis amarelados...
Add a comment...

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
Contando Cicatrizes
Era para ser um ato breve, mas paro em frente ao espelho e observo o penteado. A franja que usei minha vida inteira ainda está ali, disfarçada, apenas besuntada de gel e jogada para trás. Minha mãe adorou quando eu fiz isso pela primeira vez. Disse que podi...
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded