Profile cover photo
Profile photo
Sam samegui Shiraishi
1,034,000 followers -
Jornalista, blogueira no www.avidaquer.com.br e no www.maecomfilhos.blog.br, consumidora de cultura
Jornalista, blogueira no www.avidaquer.com.br e no www.maecomfilhos.blog.br, consumidora de cultura

1,034,000 followers
About
Posts

Post has attachment
O que é permitido levar na bagagem em sua viagem ao Japão
Quem pretende fazer uma viagem ao Japão deve saber o que é permitido e proibido levar na bagagem e não passar nenhum imprevisto, ou perder algum pertence. Quem visitará amigos e parentes, pode querer levar presentes do Brasil, por isso, vamos fazer uma pequ...
Add a comment...

Post has attachment
Guia dos números de telefones de emergência do Japão
Você tem todos os números de emergência registrados no seu smartphone em caso de acidente, desastre, incidente, pedido de socorro?

São raras as vezes que há necessidade de chamar por um serviço de emergência. Nessa hora, com tensão, fica difícil buscar na ...
Add a comment...

Post has attachment
Alguém já trabalhou na fábrica da Suzuki em Kosai?
Essa foi uma pergunta que vimos hoje num grupo de dekasseguis e consideramos pertinente trazer para cá, pois pode ter mais interessados. O trabalho é numa montadora de carros na linha de produção no qual cada pessoa executa uma rotina a cada carro que vem s...
Add a comment...

Post has attachment
Tem post no blog e video na fanpage de um tema super valioso: O que é esperado de cada fase do desenvolvimento do bebê.
O texto está aqui: http://www.maecomfilhos.blog.br/2018/12/primeiro-ano-do-bebe.html
O vídeo está aqui: http://bit.ly/firtstyear
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Drone mostra como Shiga é uma província linda!
Nagahama (長浜市 -shi) é uma cidade japonesa localizada na província de Shiga. Em 2011 a cidade tinha uma população estimada em 122,280 habitantes e uma densidade populacional de 1 356,00 h/km². Tem uma área total de 45,50 km². Recebeu o estatuto de cidade a 1...
Drone mostra como Shiga é uma província linda!
Drone mostra como Shiga é uma província linda!
movimentodekassegui.blogspot.com
Add a comment...

Post has attachment
Transformar intenção em ação é o que move o Sistema B, um movimento global de empresas que prezam pela integração do resultado financeiro à geração de resultado socioambiental. Apresentados num evento no mês passado, dados davam conta de que há “mais de 2700 empresas de mais de 70 países com o objetivo comum de construir uma comunidade mais justa e sustentável”.

Em 2018, o Brasil tem 126 empresas B certificadas, que somam mais de 126 bilhões de reais.

Para receber a certificação, as empresas devem cumprir altos padrões de performance e são avaliadas através de um processo que analisa cinco principais áreas: modelo de negócios, comunidade, meio ambiente, governança e funcionários.

Já falei do assunto quando comentei dos vinhos com certificação, trago alguns vídeos que contam do café!

Gostei deste vídeo curto, boa explicação em poucos minutos. Deixo como inspiração neste final de ano, veja no #postnoblog: http://www.avidaquer.com.br/certificacoes-socioambientais/
Add a comment...

Post has attachment
Eles estão de volta e eu tentei fazer #maratona neste final de semana - mas nesta época do ano, não dá, né amigos?
A série Vikings retorna para a parte final da quinta temporada com os últimos 10 episódios.
[SPOILERS]
A segunda parte da série promete muito sangue, violência e tensão, com a guerra entre Lagertha e os filhos do lendário Ragnar Lodbrok, Bjorn e Ubbe, contra o sanguinário Ivar.
A morte de Ragnar possibilitou que Lagertha ganhasse ares de protagonista ao assumir o trono de Kattegat. Bjorn apropriou-se do papel de conquistador do pai e descobriu novas terras. Ivar, o Sem-Ossos, mostrou-se cada vez mais perverso e em busca de provar suas capacidades, apesar de suas limitações físicas. Personagem querido do público, Floki ganhou a própria trama após ficar de lado na temporada passado, indo para a Islândia, local que acredita ser a terra dos deuses.
[fim dos SPOILERS]
Veja o #postnoblog sobre a série: http://www.avidaquer.com.br/who-will-rise/ #CliveStanden #PeterFranzén #JonathanRhysMeyers #AlexHøghAndersen #KatherynWinnick #AlexanderLudwig #JordanPatrickSmith #vikings #historychannel #netflix #seriesnetflix #dicadeserie #cinemaemcasa #agentenaoquersocomida
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Você sabia que não devemos falar sobre Andropausa?
O termo é incorreto pois o processo, no homem, não ocorre de forma repentina como o do sexo feminino.
O certo é pensar nos sinais e nas consequências do hipogonadismo, a baixa produção de testosterona, o principal hormônio do organismo masculino, pelos testículos, o que traz consequências ao indivíduo.
A falta de testosterona atinge, principalmente, uma certa faixa etária de homens, contudo, há ressalvas.
- O hipogonadismo ocorre quando os testículos, principal produtor do hormônio, perde essa capacidade e agrava a situação clínica. Ele afeta homens em sua sexta ou sétima década de vida, mas pode atingir 10% de adolescentes que têm seu desenvolvimento retardado — por conta de herança genética associada ao retardo da puberdade — e 40% dos homens com até 45 anos de idade podem ser afetados.
- Alguns sinais e consequências do hipogonadismo afetam a vida sexual, como ereções mais fracas e em maiores intervalos, ejaculações menos vigorosas e até perda do desejo sexual, ou em forma de sintomas associados, como diminuição da gordura corporal e até mesmo depressão.
- A maneira como se faz a estimulação da testosterona depende do diagnóstico. Como se trata de um hormônio com forte interferência nas funções do organismo, sua administração requer alguns cuidados.
- E o viagra? Caso o hipogonadismo seja por conta da baixa produção na faixa etária dos 60 anos, o médico recomenda a reposição hormonal, prescrita de forma criteriosa e por um profissional.
Agora o mais valioso:
>>>> A produção hormonal da testosterona também pode ser realizada por meio de atividade física. A testosterona pode ser aumentada em 30% ou 40% só com atividade física. A prática é o remédio mais poderoso do que o prescrito pelo médico. E mais: o medicamento com a atividade física não só terá um melhor efeito, como será mais duradouro.
Ouvi uma entrevista com o professor Jorge Hallak, urologista da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) e coordenador do Grupo de Estudos em Saúde Masculina do Instituto de Estudos Avançados (IEA) da USP e recomendo, pois pode ser valiosa para muitas famílias. Veja no #postnoblog: http://www.avidaquer.com.br/novembro-azul-2018/
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Conhecida como impotência, até os anos 1980, depois definida como distúrbio de ereção, nos anos 1990, atualmente tem uma terminologia menos estigmatizante: disfunção erétil. Apesar da alteração na denominação, o problema nunca esteve tão amplamente discutido como agora. A abordagem da disfunção erétil tem sido um obstáculo tanto para o homem, que passa uma média de três anos e meio entre a queixa inicial e a procura por serviços médicos, quanto por parte dos profissionais de saúde, que dificilmente têm uma postura proativa diante do problema. Isso retarda muito o tratamento e piora a qualidade de vida de milhões de pessoas, afetando negativamente o relacionamento interpessoal.

Para muito além das piadinhas e do constrangimento com o tema, a disfunção erétil é importante porque tem consequências no organismo do homem.

Espécie de aviso prévio do corpo, a tanto a falta de ereção quanto a infertilidade são indicadores a respeito da saúde masculina que não podem ser tratados de forma trivial.

O professor Jorge Hallak, urologista da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) e coordenador do Grupo de Estudos em Saúde Masculina do Instituto de Estudos Avançados (IEA) da USP, explica:

“A infertilidade é um biomarcador mais precoce, que indica que a coisa não está indo bem, portanto, o indivíduo não consegue se reproduzir. A disfunção erétil é o biomarcador mais tardio de eventos que vão acontecer no futuro próximo, que levarão o indivíduo a ir ao médico.”
O urologista lembra a necessidade de falar da disfunção com o médico para quebrar o tabu sobre o tema. Essa situação de silêncio é ainda mais agravante quando somada ao costume dos homens de não irem ao consultório de forma regular para prevenir e cuidar de sua saúde.

É preciso ir ao médico rotineiramente e, ao surgir a primeira anormalidade no órgão reprodutor, procurar o especialista já é um passo a mais no tratamento do que esperar o caso se agravar para, enfim, procurar ajuda médica.

A ereção assume um importante papel na saúde masculina, como forma de manter o pênis em atividade.

Quando se preocupar? Quais são os sinais?

“O homem tem, em média, nove ereções noturnas em uma noite de sono normal, de oito horas de sono. É saudável, é importante ocorrer isso. Então, se o indivíduo não tem ereção por meses subsequentes, aquele pênis perde capacidade. Portanto, o indivíduo que demora três anos para procurar o médico, sem ereção, é mais difícil fazer com que ele volte a ter ereção”.
E os medicamentos?

Há a importante ressalva sobre os tratamentos para repor os hormônios que provocam a ereção. Os medicamentos, conhecidos em forma de comprimidos, são reconhecidos como um avanço da medicina no combate à disfunção. Contudo, o uso descomedido gera um mal ainda maior: não buscar saber, de fato, por meio da orientação médica, a razão que está atuando no organismo, impedindo as ereções de forma natural. Eles não substituem os urologistas nem a prevenção com a ida ao especialista.

Vale ver o vídeo do Dr Drauzio Varella sobre o tema que deixamos no #postnoblog: http://www.avidaquer.com.br/novembro-azul-2018/
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Lojas de conveniência da Circle K e Sunkus deixam de existir no Japão
Mal a gente chegava no Japão, os colegas de fábrica já indicavam um "sakurokê" pertinho do "apato", não é mesmo? Agora esta será uma história das antigas! A Family Mart anunciou o fechamento de todas as lojas de conveniência da rede Circle K e Sunkus, que s...
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded