Profile cover photo
Profile photo
Artrite Reumatoide
1,045 followers -
Dor Compartilhar é Dor Diminuída
Dor Compartilhar é Dor Diminuída

1,045 followers
About
Posts

Post has attachment
Acreditar e nunca desistir

Acreditar e nunca desistir Os médicos diziam, não era nada, só emocional Em março de 2013 em uma viagem de férias tive a primeira crise. Não suportava a dor e tive que ir com urgência para o hospital, a dor passou, passaram-se o dias e minha vida…
Acreditar e nunca desistir
Acreditar e nunca desistir
artritereumatoide.blog.br
Add a comment...

Post has attachment
Entendendo o tratamento médico da Artrite Reumatoide É preciso seguir um tratamento rigoroso e com disciplina, isso fará toda a diferença na sua qualidade de vida.As doenças reumáticas em sua maioria são doenças crônicas e de origem autoimune, portanto, o tratamento médico é por toda a vida, onde o paciente não receberá alta do médico reumatologista, não adianta ir ao médico reumatologista somente nos períodos de muitas dores e nem tomar os medicamentos somente enquanto as dores são fortes. Algumas doenças reumáticas como a artrite reumatoide doenças sistêmicas, ou seja, acometem preferencialmente articulação, mas podem acometer outros tecidos e sistemas, então o tratamento médico é sempre multidisciplinar, ou seja, passamos com médico reumatologistas, fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, terapeutas ocupacionais, esses são os profissionais mais comumente envolvidos no tratamento das doenças reumáticas, porém pode ser preciso acompanhar cm outros profissionais, por exemplo: médico ortopedista, oftalmologista etc. Enquanto pacientes reumáticos precisamos saber que essas doenças, não são tratadas somente com analgésico e anti-inflamatório, é preciso ter um medicamento específico para tratar a doença, e não apenas os sintomas. Ficar sem dor não basta, é preciso controlar a evolução da doença. Não tome medicamento por conta própria, nunca abandone o seu médico reumatologista e tudo aquilo de diferente que aparecer, anote e relate ao seu médico. Procure ter um bom relacionamento com seu médico reumatologista, essa boa relação é muito importante para o sucesso do seu tratamento. #BlogAR #ArtriteReumatoide #Artrite #Artritis #Arthritis #BlogArtriteReumatoide #grupar #encontrar

As doenças reumáticas em sua maioria são doenças crônicas e  de origem autoimune, portanto, o tratamento médico é por toda a vida, onde o paciente não receberá alta do médico reumatologista, não adianta ir ao médico reumatologista somente nos períodos de…
Add a comment...

Post has attachment
Novo tratamento reduz dor de fibromialgia Um novo equipamento, que permite a emissão conjugada de laser de baixa intensidade e ultrassom terapêutico, tem reduzido consideravelmente a dor de pacientes com fibromialgia. A aplicação nas palmas das mãos, e não nos pontos de dor espalhados pelo corpo, está apresentando maior ação analgésica e anti-inflamatória. Como consequência da redução da dor, os pacientes tiveram também melhora no sono, na capacidade de executar tarefas cotidianas e na qualidade de vida como um todo. Em artigo publicado no Journal of Novel Physiotherapies, pesquisadores do Centro de Pesquisas em Óptica e Fotônica (CEPOF) – um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) apoiado pela FAPESP – descrevem a aplicação concomitante de laser e ultrassom por três minutos na palma da mão de pacientes diagnosticados com fibromialgia, em um tratamento total de 10 sessões, duas vezes por semana. “São duas inovações no mesmo estudo: o equipamento e o protocolo de tratamento. Ao fazer a emissão conjugada de ultrassom e laser conseguimos normalizar o limiar de dor do paciente. Já o tratamento na palma das mãos contrapõe o tipo de atendimento feito hoje, muito focado nos pontos de dor”, disse Antônio Eduardo de Aquino Junior, pesquisador do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da Universidade de São Paulo (USP), um dos autores do artigo. A pesquisa contou também com o apoio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). De acordo com o estudo, a normalização de fluxo sanguíneo tanto periférico como cerebral a partir das áreas sensíveis das mãos promove, ao longo das sessões, a normalização do limiar de dor do paciente. “É importante lembrar que isso não é uma cura, mas uma forma de tratamento em que não é necessário fazer uso de medicamentos”, disse Aquino à Agência FAPESP. A pesquisa contou também com o apoio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). Leia o artigo completo no #blogAR #esperança #pesquisa #fibromialgia

Novo tratamento reduz dor de fibromialgia Um novo equipamento, que permite a emissão conjugada de laser de baixa intensidade e ultrassom terapêutico, tem reduzido consideravelmente a dor de pacientes com fibromialgia. A aplicação nas palmas das mãos, e…
Add a comment...

Post has attachment
Cuidado! Seu smartphone está destruindo sua coluna e seu humor – Estudos revelam que a curvatura da cabeça pode deixar as pessoas mal humoradas. Cuidado! Seu smartphone está destruindo sua coluna Que os smartphones estão prejudicando nossa postura todo…
Add a comment...

Post has attachment
Quatro motivos para incluir a uva-passa em sua dieta
Pesquisas indicam que a fruta ajuda a prevenir doenças como osteoporose, câncer intestinal e até doenças crônicas e degenerativas; além disso, são ideias para a nutrição esportiva
Add a comment...

Post has attachment
Medicamento imunológico é tema de encontro em Santo André A FMABC (Faculdade de Medicina do ABC) promove neste sábado (18), das 8h30 às 13h, no Anfiteatro David Uip, o Encontro Regional do Centro de Referência em Dermatologia – Imunobiológicos. As inscrições gratuitas podem ser feitas pelo e-mail cekenjitoyoda@gmail.com. Destinado a profissionais formados na área da Saúde, o encontro destacará a temática dos imunobiológicos em diversas áreas, entre as quais, as de urticária, psoríase e artrite psoriásica, dermatite atópica e hidradenite supurativa. Também serão debatidos outras questões como biossimilares, ação judicial e ação administrativa. Os imunobiológicos são medicamentos novos, produzidos a partir de tecnologias modernas e que estão revolucionando o tratamento de casos graves de várias doenças, dermatológicas e não dermatológicas. A Faculdade de Medicina do ABC fica na Avenida Lauro Gomes, 2.000, na Vila Sacadura Cabral. Mais informações pelo telefone: 4993-5476. #FMABC #evento #imunobiológico

Medicamento imunológico é tema de encontro em Santo André A FMABC (Faculdade de Medicina do ABC) promove neste sábado (18), das 8h30 às 13h, no Anfiteatro David Uip, o Encontro Regional do Centro de Referência em Dermatologia – Imunobiológicos. As…
Add a comment...

Post has attachment
A chegada da artrite reumatoide Quando a Artrite Reumatoide chega é difícil entender os seus sintomas, dores, fadiga,  a rigidez matinal assustadora, pois queremos abrir as mãos, pegar as coisas, mas nossas mãos parecem presas, amarradas, impossibilitadas de fazer com liberdade, movimentos que até dias atrás eram simples e nem notávamos o quanto eram importantes. Os primeiros sintomas, as dores, rigidez matinal e fadiga, são os sintoma mais prevalentes, mas o que é realmente difícil no começo de tudo, é lidar com o nossos sentimentos. Sentimentos de revolta, culpa, impotência e desespero, são sentimentos impactantes, que nos levam a perder noites de sono e nos fazem acreditar que a vida não será mais bela de ser vivida. A chegada da Artrite Reumatoide foi para mim, como uma “ameaça de destino”, como se toda minha vida parasse naquele momento e aos 25 anos eu pensei, minha vida acabou. Mas não é o fim, a artrite reumatoide, não pode representar para nós o ponto final, ela deve ser como uma vírgula, um novo começo, o início de uma vida cheia de vírgulas, mas nunca o ponto final. Acredite, existe vida após a Artrite Reumatoide e eu estou vivendo a remissão, pois ela é o alvo do tratamento e estimo que cada leitor possa atingir, viver e manter a remissão. Converse com o seu reumatologista sobre o plano de gerenciamento de sua doença, entenda que o tratamento vai muito além de tomar medicamentos, para atingir a remissão é fundamental o bom relacionamento entre médico e paciente, ter as melhores decisões compartilhadas e a disciplina do paciente em combinar o tratamento médico, a alimentação saudável e a prática de atividades físicas como hábitos de vida. Foco, disciplina e fé na remissão, que uma hora ela vem. 

Quando a Artrite Reumatoide chega é difícil entender os seus sintomas, dores, fadiga,  a rigidez matinal assustadora, pois queremos abrir as mãos, pegar as coisas, mas nossas mãos parecem presas, amarradas, impossibilitadas de fazer com liberdade,…
Add a comment...

Post has attachment
Sobrepeso pode aumentar pressão arterial e afetar saúde do coração até em jovem saudável, diz estudo Publicado em julho, estudo da Universidade de Bristol destacou que até mesmo jovens saudáveis, mas que contam com um Índice de Massa Corporal (IMC) mais alto, em média, tinham: pressão arterial mais elevada e ventrículo esquerdo (principal câmara de bombeamento do coração) aumentado
 O aumento de peso em adultos jovens pode causar pressão arterial mais alta e um espessamento do músculo cardíaco. Essa afirmação é de um estudo da Universidade de Bristol publicado no final de julho na revista Circulation, da American Heart Association. Além disso, essa é a primeira vez que o Índice de Massa Corporal (IMC) – que relaciona peso e estatura e é internacionalmente reconhecido – é analisado em pessoas jovens e saudáveis, mostrando que um IMC saudável desde cedo provavelmente evita doenças cardíacas posteriores. “O estudo destacou que um IMC alto pode provocar problemas cardiovasculares até mesmo em jovens saudáveis”, destaca a angiologista Dra. Aline Lamaita, médica atuante em Medicina do Estilo de Vida e membro do American College of Lifestyle Medicine. “Os pesquisadores descobriram que mesmo participantes saudáveis com um IMC mais alto, em média, tinham: pressão arterial sistólica e diastólica mais elevada; e ventrículo esquerdo (principal câmara de bombeamento do coração) aumentado”, afirma a médica. “Apesar dos dados, isso não causou espessamento das paredes dos vasos na artéria carótida ou aumento da frequência cardíaca”, completa. A médica explica que a pesquisa ajudará a entender a importância da composição corporal e sua influência em doenças cardiovasculares. A médica dá algumas dicas para mudança do lifestyle em jovens com o objetivo de melhorar a qualidade de vida: ☼ Insira fibras na dieta ☼ Controle o peso
Água sempre ☼ Exercite seu corpo ☼ Apague o cigarro ☼ Consulte um médico Leia a matéria completa no #BlogAR #obesidade #comorbidades #cardiovascular #IMC #ArtriteReumatoide #Artrite #Artritis #Arthritis #BlogArtriteReumatoide #grupar #encontrar

O aumento de peso em adultos jovens pode causar pressão arterial mais alta e um espessamento do músculo cardíaco. Essa afirmação é de um estudo da Universidade de Bristol publicado no final de julho na revista Circulation, da American Heart Association.…
Add a comment...

Post has attachment
Ministério da Saúde decide não incorporar no SUS, medicamento inovador para tratamento de uveítes A Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologia no SUS, emitiu parecer contrário a incorporação do imunobiológico adalimumabe para o tratamento de uveíte não infecciosa intermediária, posterior e panuveítes. A Consulta Pública nº 41, recebe contribuições da sociedade civil até o dia 23 de agosto de 2018, é essencial o envio de evidências científicas por parte dos médicos e da evidência dos pacientes, por meio dos links de contribuições: Contribuições de pacientes: http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=40857 Contribuições de médicos e profissionais: http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=40856

A Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologia no SUS, emitiu parecer contrário a incorporação do imunobiológico adalimumabe para o tratamento de uveíte não infecciosa intermediária, posterior e panuveítes. A Consulta Pública nº 41, recebe…
Add a comment...

Post has attachment
Ministério da Saúde quer ouvir os pacientes com hidradenite supurativa Para incorporar no SUS tratamento inovador que controla a doença Esta aberta até o dia 23 de agosto a consulta pública nº 40 da Conitec, para incorporar o tratamento da hidradenite supurativa no SUS. O Ministério da Saúde propõe fornecer nas farmácias de alto custo, o medicamento adalimumabe, um tratamento inovador que controla a doença e permite a recuperação da qualidade de vida. Os pacientes com hidradenite supurativa e seus familiares, devem participar desta consulta pública, relatando a sua experiência de convivência com a doença. A contribuição é online, basta clicar no link: http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=40855

Esta aberta até o dia 23 de agosto a consulta pública nº 40 da Conitec, para incorporar o tratamento da hidradenite supurativa no SUS. O Ministério da Saúde propõe fornecer nas farmácias de alto custo, o medicamento adalimumabe, um tratamento inovador que…
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded