Para 'Economist', salários de servidores públicos no Brasil são "roubo" ao contribuinte. A revista cita o caso do presidente do Senado, José Sarney, cujo salário chegaria a R$ 62 mil http://uol.com/bmcxJg

Compartilhe se você concorda com a revista britânica
Photo
Shared publicly