Profile cover photo
Profile photo
Formação de Formadores - CCP - Lisboa
10 followers
10 followers
About
Posts

Post has attachment
Orientações recentes dos psicólogos reconhecem que a adolescência decorre efetivamente até aos 25 anos de idade para fins de tratamento dos jovens. Será esta a nova fronteira para o início da vida adulta? Segundo estes, existem agora três fases na adolescência:

- início da adolescência 12-14 anos,
- a adolescência média 15-17 anos
- e a adolescência final de 18 anos e mais.

Um dos reflexos desta mudança no comportamentos dos jovens, passa por uma saída tardia da casas dos pais e pelo aumento dos anos de escolaridade, atrasando deste modo a entrada dos jovens na fase profissional das suas vidas. Portugal é um País que, há semelhança de outros, tem feito um percurso crescente nos anos de escolaridade obrigatória, o qual que neste momento se situa nos 12 anos.

Hoje, sabe-se que o desenvolvimento do cérebro e da atividade hormonal continua bem para lá dos primeiros vinte anos. Este prolongamento da fase adolescente está associado a causas hormonais, físicas e sociais e é alimentado por uma crescente cultura de infantilização dos comportamentos dos jovens durante a fase de transição para a idade adulta. Hoje é bem aceite ver um "jovem de 30 anos" sem atividade profissional, entretendo o seu tempo, em casa, com jogos de computadores, quando há décadas atrás o normal seria que ele já se encontrasse totalmente integrado no mundo profissional.

Ler mais em: http://formacaoformadores-ccp.pt/educacao-adolescencia
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Com o novo regulamento para a atribuição de uma certificação de formador - CCP, foi introduzida um novo módulo; Plataformas Colaborativas de Aprendizagem. Na prática estamos a falar de e-learning / b-learning, ou seja formação à distância auxiliada por plataformas digitais. O referencial de formação aponta para uma abordagem prática deste tema baseada na plataforma Moodle. É sobre o Moodle que iremos escrever um pouco.

O Moodle é uma reconhecida plataforma de LMS - Learning Management System, que opera de forma remota facilitando o ensino à distância. Nasceu na Austrália, em 2005, pela mão de Martin Dougiamas. Os números são avassaladores e confirmam a qualidade do software...

Ler mais em: http://formacaoformadores-ccp.pt/moodle-open-source-com-qualidade
Photo
Add a comment...

Post has attachment
O Governo anunciou a intenção de abrir 206 Centros para a Qualificação e o Ensino Profissional (CQEP), a qual vem substituir a anterior rede de Centros de Novas Oportunidades - CNO, desmantelada em 2012. Este é um processo que decorre há algum tempo, tendo esta semana surgido novidades sobre a aprovação das respetivas candidaturas, no portal da Agência Nacional para a Qualificação (ANQEP), com a publicação de um relatório preliminar. 

Esta agência, responsável pela análise e aprovação de 373 candidaturas, ficou-se pela aprovação de apenas 206, sendo que, numa escala de 0-100, a pontuação mínima necessária foi de 55. Este número está longe dos 450 CNO anteriores, mas acima da previsão inicial de 120, anunciada pelo Governo. As candidaturas são de origem privada e autárquica e envolveram também a associação de diversas entidades numa só.

Ler mais em: http://formacaoformadores-ccp.pt/aprovados-206-centros-para-qualificacao-ensino-profissional-cqep
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Esta semana surgiu a notícia de que o agrupamento de escolas de Cuba, no Alentejo, iniciou uma experiência pioneira com vista a substituir os manuais escolares por tablets. Nesta fase serão colocados à prova 44 alunos que agora iniciam o 7º ano de escolaridade, sendo apoiados por 17 professores durante 3 anos. O processo é apoiado pelo Direcção Regional de Serviços do Alentejo (Ministério da Educação) e encontra-se em fase de instalação. Uma das ferramentas de suporte pedagógico é a escola virtual da Porto Editora.

Embora o programa e-escolas tenha potenciado experiências de aprendizagem suportada por dispositivos digitais, esta é uma experiência pioneira em Portugal e que promete gerar muito debate, tal como já acontece noutros países. Escolas primárias na Holanda, Alemanha e Inglaterra arrancaram já com experiências semelhantes, suportadas pelos governos locais especialmente no que diz respeito à entrega gratuita de tablets aos alunos.

Ler mais em: http://formacaoformadores-ccp.pt/pedagogia-by-tablet
Photo
Add a comment...

Post has attachment
PhotoPhotoPhotoPhotoPhoto
Instalações do Centro de Formação de Lisboa
5 Photos - View album
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded