Profile cover photo
Profile photo
Clara Sampaio
154 followers
154 followers
About
Posts

Post has attachment

O Workshop FOTOGRAFIA DE NASCIMENTOS está chegando!

As primeiras datas e cidades serão:

03/06 - São Paulo/SP
10/06 - Rio de Janeiro/RJ
17/06 - Juiz de Fora/MG

O Workshop Fotografia de Nascimentos foi preparado com todo carinho e irei ensinar tudo o que você precisa saber para captar todo sentimento deste momento único, além de ingressar e se consolidar nesse mercado tão específico. ⠀ ⠀

As vagas são limitadíssimas. Então, aproveite e venha tirar suas dúvidas e aprender tudo que precisa sobre Fotografia de Nascimentos.

Ser responsável pelas primeiras imagens da vida de um ser humano é algo que muitas vezes transcende a nossa compreensão.

Dominar a técnica é muito importante, mas fotografar nascimentos requer que se desenvolvam habilidades que vão muito além dela.

Nesse sentido, vejam alguns depoimentos que recebi de pais, mães e avós para ilustrar a importância de se estar preparado técnica e emocionalmente para fotografar um parto.


Depoimento 1:
“(...) Essas imagens, que me vem à mente agora, eu vi através dos olhos da Clara. E como peças que faltavam em um quebra cabeça, elas completam o filme do dia em que meu Henrique veio à luz.

Um dia que nunca vou esquecer. Um dia do qual guardo as melhores memórias e imagens delicadas, fortes e maravilhosas!"


Depoimento 2:
“Queria te agradecer muito pelo carinho que demonstrou por nós e pela Bella a todo momento, desde a sua chegada na maternidade. Foi único! Estamos ansiosos pelas fotos desse momento tão especial nas nossas vidas, do qual vc fez parte de um jeito inesquecível!"



“Elogiar seu trabalho é muito pouco diante de toda a sensibilidade que você nos ofereceu. Parabéns, seu trabalho é lindo! A partir dessas fotos conseguiremos eternizar esse momento!"

Depoimento 3:
“ Como se fosse invisível, você conseguiu captar os mais belos, sinceros, mágicos e felizes momentos que vivenciamos naquele dia!”

Helena - avó da Isabela


Lendo esses depoimentos eu te pergunto: qual é o seu propósito fotografando nascimentos? Você está pronto para dar o próximo passo?


Deixe seu email e cidade no FORMULÁRIO abaixo para receber mais informações. Se preferir, nos envie um email para workshop@clarasampaio.com.
Photo
Add a comment...

Post has attachment
Amo fotografar casamento de dia!!!

Sou apaixonada por fotografar casamento de dia. A luz é linda e a vibe então nem se fala! Viajar é também uma grande paixão e é muito gratificante quando consigo unir viagem e fotografia. Meu coração se enche de alegria quando fotografo um destination wedding no Brasil. Foi a coisa mais linda o casamento de dia da Ju e do Max, em Arraial D'ajuda.

A Ju e o Max são um casal apaixonado, antes de namorados eles eram melhores amigos. Eles moram em Vitória, Espírito Santo, mas escolheram fazer seu destination wedding em Arraial D'Ajuda, Porto Seguro, Bahia.

Quando criança estive em Trancoso e também em Arraial em uma viagem de família, e não via a hora de fotografar um casamento por lá! Lugar lindo demais e com uma energia maravilhosa para se celebrar um casamento na praia. Eles acertaram em cheio!

O casamento começou cedo, na linda Pousada Paraíso Ecológico. O making of da noiva foi super animado, as mães, tias, amigas e madrinhas também estavam hospedadas ali.

O vestido de casamento de dia da Ju estava simplesmente deslumbrante! Idealizado pela Yolan Cris, especializada em vestidos de casamento, deixou a Ju ainda mais linda!

Escolheram para celebrar a cerimônia nada menos que o Santuario Nossa Senhora D'Ajuda, cujo início da construção data de 1550 e se confunde com a própria história do Brasil. Pequenininha e super charmosa, a Igreja recebe centenas de fieis que peregrinam até ela anualmente para celebrarem a Romaria.

O local da festa também foi escolhido a dedo. A Casa Grande de São Vicente é simplesmente maravilhosa. Com um extenso jardim, a decoração de casamento ao ar livre ficou ainda mais linda. Eles pensaram em tudo nos mínimos detalhes!

Com banda e DJ a festa realmente pegou fogo! Parece que os convidados entraram mesmo no clima e na sintonia da alegria que a Bahia tem.

Ju e Max, que casamento foi esse?!!!
Muito obrigada por nos receber com tanto carinho.
Foi bonito demais poder contar a história do amor de vocês!

#casamentodedia #fotografodecasamentoarraialdajuda #Decoraçãodecasamentoaoarlivre #Casamentonapraia #Casamentodossonhos #Destinationwedding #Trancoso #Bahia #Arraiald'Ajuda #PortoSeguro #SantuárioNossaSenhoraD'Ajuda #Vestidocasamento #FotógrafodeCasamentoTrancoso #FotógrafodecasamentoArraialDajuda #Clara Sampaio Fotografia
PhotoPhotoPhotoPhotoPhoto
17/05/17
47 Photos - View album
Add a comment...

Post has attachment
Muito contente!!! Tivemos um casamento premiado pela Inspiration Photographers na categoria The Best Wedding Inspiration!!!

Cresci ouvindo histórias, minha avó era perita em contar casos. Casos do tempo que ela era criança e morava na fazenda, dos alunos no tempo em que foi professora no maternal, do tempo das travessuras dos meus tios quando crianças, depois do tempo em que os netos ainda eram pequenos…

Era uma delícia deitar a cabeça no colo dela para ganhar cafuné e ouvir suas histórias, histórias que eram dela mas que por dividir, viraram nossas também…

Quando ganhei esse prêmio meu coração se encheu de felicidade e de uma vontade imensa de que ela, de algum lugar, possa estar comemorando comigo.

Aprendi com ela a contar histórias, a dar asas a imaginação e a deixar fluir, mas minhas histórias não conto com palavras, e sim com fotografias!

Uma alegria ter um casamento inteiro premiado! Enredo, história, personagens, cenário… e é claro, momentos! Muitos momentos de amor, amizade, ansiedade, ternura, gratidão, alegria. São os sentimentos que me alimentam!!!

Muito obrigada Inspiration Photographers! Muuuuito feliz com esse prêmio!!!

Muito obrigada à minha equipe, Bruno Montt, Sergio Sousa e Bel Sampaio ! O amor de vocês pelo que fazem faz com que se joguem de corpo e alma, e isso se reflete muito no nosso trabalho. Amo vocês!

E aos noivos Cecília e Luis Paulo Porto, só posso agradecer imensamente! Meu muito obrigada cheio de carinho e felicidade por terem me escolhido para contar a história tão linda de vocês!

#fotografodecasamento #fotografodocumental #fotografiadocumentaldecasamento #fotografiadecasamento #destinationwedding #clarasampaiofotografia #fotografodecasamentorj #zefiro
Photo
Add a comment...

Post has attachment

Post has attachment
"Quero te conquistar, um pouco mais e mais, a cada dia
Satisfazer tua vontade, também me sacia...
Eu quero tudo com você!"

#casoriotataedede #clarasampaiofotografia #fotografodecasamento #fotografiadecasamento #fotografodecasamentorj #fotografiadecasamentorj #wedding #weddingphotographer #love #fusca
Photo
Add a comment...

Post has attachment

Post has attachment
Esse casamento no Zéfiro, Fortaleza de Santa Cruz, me tocou bastante. A Cecília e o Luis Paulo têm uma família linda e o irmão da Cecília preparou um texto lindo para a cerimônia, contando como foi ver a irmã mais nova criar asas para voar.

Os vazios são maiores e até infinitos…

Tenho uma irmã, minha melhor amiga desde onde alcança a memória. Andamos juntas, unidas por laços de amor nessa caminhada ora simples, ora tão complexa, que é a vida. Sinto que minha irmã está por mim, e espero que ela também possa sentir que estou por ela para o que der e vier.

Trouxe a relação de irmãos porque fiquei muito emocionada com as palavras do Arthur, irmão da Cecília, na cerimônia do casamento dela. Ele falou da relação dos três, dele, do Gabriel e da caçula Cecília, e de como a Cecília foi crescendo e encontrando seu espaço no mundo para voar.

Porque o casamento também é isso… a filha que sai de casa, o irmão que se muda.

E o que fica?

Fica um vazio…

Não que isso seja um problema, pelo contrário…

E para falar de vazio de uma forma mais aprofundada, nada melhor que um trechinho de Manoel de Barros:
“Tenho um livro sobre águas e meninos.

Gostei mais de um menino

que carregava água na peneira.
A mãe disse que carregar água na peneira

era o mesmo que roubar um vento e sair

correndo com ele para mostrar aos irmãos.
A mãe disse que era o mesmo que

catar espinhos na água

O mesmo que criar peixes no bolso.
O menino era ligado em despropósitos.

Quis montar os alicerces de uma casa sobre orvalhos.

A mãe reparou que o menino

gostava mais do vazio

do que do cheio.

Falava que os vazios são maiores

e até infinitos…”

E sim, o vazio é mesmo bem maior que o cheio – física quântica, filosofia; e o vazio que fica, por ser maior e até infinito, também permite se preencher de forma muito mais abundante.

Porque dependendo de como se lida com ele, o vazio não esgota, amplia; não segrega, agrega; não retrai, expande.

O texto do Arthur, irmão da Cecília, é longo, mas vale a leitura. É muito bonito ver o voo livre que liberta, e ao mesmo tempo mantém a união. É muito bonito presenciar histórias de famílias que agregam e se expandem de fato.

Ia escolher uma parte do texto do Arthur, mas confesso que não consegui. Segue a história deles na íntegra:

“Meus dois irmãos sempre foram uma alegria na minha vida. Nós três dividíamos tudo: brinquedos, brincadeiras, jogos, TV, videogame… fazíamos tudo juntos, os nossos comandos em ação eram dela e as barbies dela eram nossas… sempre muito perto e unidos, e isso carregamos pra vida toda.

Ter uma irmã mais nova é algo fantástico, tem que proteger e ensinar e cuidar quase como ter uma filha, mas sem ter culpa nenhuma de implicar, sacanear e zoar com a maninha, e coitada, ela passou por muito nas nossas mãos.

Ela sempre foi muito na nossa onda, ia com o Gabri nas aulas de música e canto, escrevendo poesias e fazendo blogs pela internet. Investiu horrores de tempo aprendendo a desenhar igual a mim, na época que jogávamos RPG. Ela se frustrava horrores que achava que não conseguia desenhar, mas ela nem percebia como era incrível que ela, tão novinha, já estava tão boa naquilo. Ela aprendia muito rápido, ecrescia quase tão rápido também.

Foi nessa velocidade que os pais deram pra ela um quarto separado do nosso, tadinha, ela sempre miúda dormiu até em cima de um armário quando as coisas eram apertadas de verdade. Com o quarto rosa dela, na época só separado do nosso por umas estantes num quartão que a gente dividia, que ela começou a ser ELA .

Logo depois eu já estava pegando estágio na faculdade, e o Gabri começando o curso de veterinária, que a Ciça se viu meio que obrigada a parar de seguir os irmãos, afinal, a gente foi cada um prum canto.

Aí começou… namorado… planos… pré-vestibular… Entrou para a Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante. Definitivamente a minha maninha tinha crescido. […] Não foi fácil não, mas logo estava formada e começou a trabalhar duro. A vida dividida entre os embarques e as folgas, que ela usava pra estudar mais… loca!

Minha maninha que a gente pegava no pé logo se achou uma pessoa completa, independente, responsável, com grandes sonhos e ambições, e plena capacidade de realizá-los. Quem antes copiava as manias dos irmãos agora dava o exemplo em muitas coisas. Crescemos juntos e continuamos juntos, cada um uma inspiração pro outro e minha mana não é diferente. É sempre ela quem me mantém grudado na família, eu moro longe e sou meio distante mesmo, mas ela me busca, me liga, me visita.

Foi numa dessas visitas que ela me contou, num ponto de ônibus assim que ela chegou em Porto Alegre: “Mano, tô namorando”. Deu pra ver que ela estava infinitamente feliz. Ela acrescentou: “Você conhece ele, o Luis, da casa da Thais”. Eu imediatamente já sabia quem era […]. Eu lembro de ter criado uma afinidade com o cara na época, e fiquei muito feliz quando ela me disse que era ele o namorado e eu instantaneamente achei foda.

Hoje eu divido minha vida com a Renata, meu amor, e sei como é ter alguém que enche cada dia de alegria e inspira a vida. Fico muito feliz de fazer parte dessa festa linda e saber que a minha maninha, que cresceu pra virar essa pessoa fantástica, ter encontrado outra pessoa fantástica pra dividir os sonhos, os planos e as realizações.

Pra vocês dois, desejo que o amor de vocês seja vivo dia após dia, que o respeito seja a base de tudo, que a diversão sempre recomece e que vocês tenham uma vida linda e longa pela frente. Que a felicidade de vocês transborde em todos que estão aqui hoje. Felicidade infinita, amo todos vocês!”

Amor, zelo, carinho, cuidado, respeito. Amor que agrega, que comunga, amor infinito que soma, preenche, e que guarda sempre espaço pra mais.

Espaço vazio, infinito, de infinitas oportunidades…

Luis Paulo e Cecília, ou Ciça e LPP! Que a vida que estão construindo seja repleta de espaços vazios, para que cada dia seja uma nova oportunidade de preenche-los com o amor e a alegria de vocês.
PhotoPhotoPhotoPhotoPhoto
05/09/16
65 Photos - View album
Add a comment...

Post has attachment
A fotografia de parto guarda consigo a chave para o acesso a momentos únicos… mágicos de tão especiais.
A chegada do Henrique ao mundo foi muito bonita, cheia de amor.
Muito obrigada Sabrina e Rodrigo, por me possibilitarem fotografar esse momento tão lindo na família de vocês.

Nascer e renascer

A expectativa. O momento do nascimento, a primeira entrada de ar…

Momento único onde se fundem a dor, a alegria e o amor.

Onde havia um ser, agora são dois. Onde havia um laço físico, brevemente visível, subitamente rompido, há uma vida. Unida por laços não mais visíveis, mas incrivelmente profundos.

Momento em que a vida se mostra perfeita, perfeitamente encaixada em um ciclo, regido por algo muito maior que nós mesmos.

Aaaaaah o nascimento! Quanta riqueza e beleza se descortinam na frente dos que têm a oportunidade de presenciá-lo.

A consciência se amplia e faz refletir… quantas vezes de fato renasci após meu nascimento?

Situações tão intensas que a vida apresenta, impactos tão profundos na alma, que é como se estivesse mesmo nascendo de novo. Renascendo.

É como se o mesmo mix de dor, alegria e amor pudesse ser novamente sentido, percebido.

É como “chuva no mar”…
Vou explicar.

Conheci, não tem tanto tempo, uma música. Quem me apresentou foi alguém muito especial.
A letra é tão linda, e muito pouco óbvia a primeira vista.
Fala justamente desse momento tão rico de sentimentos… da gestação e de uma nova vida.

Chuva no mar
Arnaldo Antunes, Marisa Monte e Carminho

Coisas transformam-se em mim
É como chuva no mar
Se desmancha assim em
Ondas a me atravessar
Um corpo sopro no ar

Com um nome pra chamar
É só alguém batizar
Nome pra chamar de
Nuvem, vidraça, varal
Asa, desejo, quintal
O horizonte lá longe
Tudo o que o olho alcançar

E o que ninguém escutar
Te invade sem parar
Te transforma sem ninguém notar
Frases, vozes, cores
Ondas, frequências, sinais
O mundo é grande demais

Coisas transformam-se em mim
Por todo o mundo é assim

Isso nunca vai ter fim


#clarasampaiofotografia   #fotografiadeparto   #fotografiadepartorj   #fotografiadefamilia   #fotografiadefamiliarj   #fotografodeparto   #fotografodepartorj  
PhotoPhotoPhotoPhotoPhoto
2016-07-04
26 Photos - View album
Add a comment...

Post has attachment
Add a comment...

Post has attachment
Ela já está pronta... ele esperando no altar...
Amo fotografar esses momentos que antecedem a cerimônia, parece que sinto a mesma emoção.
Acontece também com vocês?!!!
Em breve Ana e Titi no ar!
‪#‎casamentoanaetiti‬ ‪#‎clarasampaiofotografia‬ ‪#‎destinationwedding‬ ‪#‎buzios‬ ‪#‎riodejaneiro‬ ‪#‎casamentodedia‬ ‪#‎casamentoembuzios‬ ‪#‎comosera‬ ‪#‎redeglobo‬ ‪#‎casamentonapraia‬
Photo
Add a comment...
Wait while more posts are being loaded