Profile cover photo
Profile photo
Acson Barreto
217 followers -
Usuário Linux e Mac, gosto muito de tecnologia, história , filosofia, teologia ,natureza e muitas outras coisas. E um simples cristão que ama estudar aquilo que segue.
Usuário Linux e Mac, gosto muito de tecnologia, história , filosofia, teologia ,natureza e muitas outras coisas. E um simples cristão que ama estudar aquilo que segue.

217 followers
About
Acson's posts

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
Explicações básicas sobre o aborto:

1. Aborto não é questão biológica e nem social. É questão de Direito, especificamente na área de Direitos Humanos.

2. Que é uma realidade, é uma fatalidade! O homicídio, latrocínio, furto, lesão corporal e tantas outras coisas são realidades também.

3. Não é a mulher quem é sacrificada. Não é a mulher a vítima principal. Pois a finalidade do aborto é parar a dependência do feto com o corpo da mulher e assim o feto morre. E a mulher pode adquirir de depressão até câncer de colo de útero.

4. Se for a vitima principal, então também não faz sentido falar de homicídio, roubo, latrocínio etc., pois pessoas que praticam essas crimes de tamanha barbárie sofrem com doenças e são vitimas principais.

5. De fato, o aborto sempre vai existir, e ninguém nega isso. Pode ser que um dia acabe.

6. Não é porque a mulher não vai deixar de abortar, que por causa disso, o estado vai facilitar a criação dos matadouros de infantes.

7. As complicações são causadas pelo aborto que foi realizado em clínica clandestina. Se a mulher não tivesse ido lá, não teria essas complicações.

É algo tão simples.

8. A mulher não é tão vítima quanto é o filho no aborto! O aborto sempre vai condenar alguém a morrer! Isso é um fato!

9. O aborto é questão de saúde pública tão quanto a campanha de perseguição e abate aos ciganos o foi nos tempos de Adolf Hitler.

10. Os Direitos Humanos são o primor de uma sociedade civilizada, e não é porque uns poucos homicidam outros, lhes tomam a moradia, lhes priva da alimentação, que estes princípios devem ser derrubados.

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/21/argumentos-pro-aborto-desmascarados/

Post has attachment
"A Juventude moderna está com um pensamento deturpado e fundamentado exclusivamente nos prazeres carnais. Atualmente a cultura do sexo e ostentação é o que é mais valorizado. O jovem que não está em meio promíscuo, não participa de festas/baladas, não bebe e não usa drogas é logo rotulado como retrógrado, besta e que não aproveita a vida. Os jovens não são criados para que desenvolvam a intelectualidade, o gosto pelo belo, a preservação das tradições, a busca por um trabalho digno e honesto e a formação da família.
As jovens não se portam como verdadeiras damas. Como querem ser tratadas como damas se as mesmas se comportam como vadias? Os trajes, a fala, o comportamento em geral não condiz com o de uma mulher honrada. Muitas vivem para o materialismo, buscando homens que tenham bens materiais e beleza, não se importando com o caráter e o pensamento do mesmo. A quantidade de relacionamentos e casamentos fracassados não é por acaso. A modernidade e a cultura da ignorância resulta nisso: Promiscuidade, imoralidade, filhos indesejados, aborto, drogas, casamentos destruídos e tudo que há de baixo, imoral e sem escrúpulos.
(...)
A educação da juventude idealizada por Renato Ricci seguia o lema: Libro e Moschetto, que consistia em formar moralmente e fisicamente cada membro e menina pertencente à organização. Deste modo, a formação militar dos meninos reunia atividades de tipo psicológicas e físicas como: palestras, viagens, acampamentos, cerimônia de culto aos mortos, educação física, exercícios militares e práticas desportivas. Todas estavam inter-relacionadas de forma a proporcionar aos jovens uma boa formação moral, social e física. A primeira coisa que temos que ter em mente para compreender a educação militar dos rapazes é que o Fascismo desejava construir um “novo homem”, cujos ideais e valores morais se distanciavam do individualismo exaltado pelo liberalismo. Assim, esperavam que o “novo homem” fascista internalizasse as seguintes qualidades: coragem, virilidade, respeito à hierarquia, disciplina, força, vontade.
Todas eram qualidades militares e masculinas, que ao serem absorvidas fariam dos jovens e das crianças bons soldados, bons pais de família, bons maridos, bons trabalhadores e seguidores fieis do Fascismo. Vale observar que homens e mulheres tinham papéis sociais diferentes e o funcionamento perfeito da sociedade fascista dependia de que cada um assumisse o papel que lhe cabia.
Neste contexto, as atividades recreativas e intelectuais eram tão importantes para a formação militar como a educação física ou os exercícios militares, segundo a concepção de Ricci."

https://juventudeconservadorase.wordpress.com/2016/02/15/jovens-fascistas-x-jovens-modernos/
Wait while more posts are being loaded